Old Trafford, o teatro dos sonhos.

Old Trafford, o teatro dos sonhos.
  • Old Trafford.
  • Dono: Manchester United
  • Inauguração: 19 de fevereiro de 1910
  • Primeiro jogo: United 3×4 Liverpool
  • Transporte: Old Trafford está perto de quatro estações da Metrolink,a rede de tram, moderno bonde de Manchester: Exchange Quays, Old Trafford, Trafford Bar e Mediacity UK. Para quem sai do centro de Manchester, pode pegar o Metrolink no sentido Altrincham.
  • Capacidade atual: 75.653 pessoas
  • 55 mil torcedores têm season tickets, ou seja, acesso garantido a todos os jogos.


No dia seguinte ao tour pelo museu do Manchester United (post anterior), um dos pontos altos destes anos todos indo a estádios de futebol. Conhecer Old Trafford, uma das catedrais da bola, o teatro dos sonhos para os torcedores red devils. Melhor ainda, durante um jogo, em que o United recebeu o Bournemouth, pela rodada #27 da Premier Leaguer 2016-17, que seria conquistada pelo Chelsea. 

Rooney na batida…

Um rápido histórico do estádio. Inaugurado em 1910, num clássico contra o Liverpool (que terminou 3×4…), Old Trafford já recebeu decisão da Copa da Inglaterra no ano seguinte. Foi devastado durante ataques aéreos alemães em 1940 e 41 (o United teve que jogar no estádio do City na época, Maine Road). Também sediou três partidas do grupo do Brasil no Mundial de 1966 (mas não do então escrete bicampeão), foi todo reformado nos anos 90 depois das grandes tragédias nos estádios ingleses e em 2003 recebeu uma final italiana da Champions, em que o Milan superou a Juve nos pênaltis. É o maior estádio de um clube na Inglaterra, com 76 mil lugares.

Teatro dos sonhos

Na partida contra o Bournemouth, em março de 2017, o United jogou com as feras quase todas. De Gea, Valencia, Phil Jones, Shawm , Carrick, Pogba, Mata, Martial, Rooney, Ibrahimovic, que perdeu um pênalti quando o jogo já estava 1×1, Fellaini, Lingard e Rashford entraram no decorrer da partida. Marcos Rojo marcou o gol do time da casa. Joshua King empatou.

Preste atenção neste homem: ele vai perder o pênalti.

O visitante jogou ‘na dele’ e conseguiu levar um pontinho para o sul da Inglaterra. Estádio quase completo, imagine 75 mil pessoas gritando, atmosfera vibrante, sim, mas o que me chamou muito a atenção foi a participação pra lá de ativa da torcida do Bournemouth. Os gritos de United! United! cresceram no segundo tempo, para empurrar os diabos vermelhos em busca de uma vitória, que no fim não rolou.

Placar final na “estreia” do blog Fut Pop Clube em Old Trafford, 4 de março de 2017.

Continuar lendo “Old Trafford, o teatro dos sonhos.”

O time mais rico do mundo

O time mais rico do mundo

Facebook:  73 milhões de curtidas e contando. Instagram: 17,7 milhões.
Twitter: mais de 11,2 milhões. Google +: quase sete milhões de seguidores.
São os números (em 25/05/17) das redes sociais do Manchester United, o time de futebol mais rico do mundo (Deloitte Football Money divulgado em 2017), mesmo tendo chegado apenas em quinto lugar no Inglês 2015-16. Receita de 689 milhões de euros, quase setenta milhõezinhos a mais que Barça e Real Madrid na temporada 15-16, analisada pelo relatório mais recente da Deloitte. Fruto dos grandes contratos (Chevrolet, adidas), direitos de transmissão de TV, mais a grana que Old Trafford movimenta em dias de jogos (e fora deles!).
No começo de março de 2017, tive a oportunidade de fazer o tour pelo museu do United, que fica dentro do estádio Old Trafford. Como já era um finzinho de tarde, não dava mais para acessar o campo. Era pegar ou largar.

O uniforme do Newton Heath, no começo da linha do tempo do United

A flamulinha ao lado indica o ano de fundação: 1878. Primeiro como Newton Heath, que era verde e amarelo (em 1992, a Umbro fez um terceiro uniforme com o visual verde-amarelo). Só passou a ser chamado Manchester United em 1902. Desde 1910, os Red Devils estão em Old Trafford,  investimento inicial de 40 mil libras, na grande Manchester. Infelizmente, a história do time vermelho tem uma coisa em comum com o Verdão do oeste catarinense. Em fevereiro de 1958, um acidente de avião em Munique acabou com parte de uma jovem geração promissora e já vitoriosa, os Busby Babes, comandados por Sir Matt Busby – que sobreviveu à tragédia de Munique.

Primeira página do Daily Herald, fevereiro de 1958.

Para um brasileiro, é impossível não lembrar da tragédia da Chapecoense em 2016, impossível não se emocionar na sala dedicada aos Busby Babes, que tem vários painéis e gavetas forradas de jornais de 1958.

Homenagem a Matt Busby

Sir Bobby Charlton, Denis Law e George Best, o quinto beatle, o primeiro football star na Inglaterra. 470 partidas, 179 gols pelo Manchester. Com a United Trinity dos Red Devils em campo, Busby levou o United à primeira de três Copas/Ligas dos Campeões, em 1967-68. Dez anos depois da tragédia.

Continuar lendo “O time mais rico do mundo”

United! United! Campeão da Liga Europa, campeão de tudo.

United! United! Campeão da Liga Europa, campeão de tudo.
Para Manchester. Foto publicada pela página oficial do MUFC, depois da conquista: facebook.com/manchesterunited

Na semana em que a cidade de Manchester foi alvo de um ataque covarde, que matou e feriu crianças e adolescentes num show de Ariana Grande, um pouco de alegria, ao menos para o lado vermelho da cidade. O Manchester United conquistou a Europa League 2016-17. E agora tem no trophy room de Old Trafford todos os títulos possíveis: campeonato inglês (Premier League), Copa da Inglaterra, Copa da Liga, Community Shield ( a Supercopa da Inglaterra), Intercontinental e Mundial, Recopa da Europa, Supercopa da Uefa, Champions… faltava a Liga Europa. Não falta mais. Haja prateleira!

A campanha: Continuar lendo “United! United! Campeão da Liga Europa, campeão de tudo.”

Roupa nova para os Alviverdes e para os Red Devils.

A adidas revelou uniformes de dois dos grandes clubes com quem tem contrato. A nova camisa I do Palmeiras para 2017 e o segundo uniforme do Manchester United para a temporada 2017-2018.

O home kit do atual campeão brasileiro confirmou a imagem que tinha vazado na internet (clique em qualquer foto acima para abrir a galeria). Com a volta das listras e o distintivo de camisa usado lançado na campanha da Arrancada Heroica, de 1942.

E o clube que foi adversário do Verdão no Mundial Interclubes 1999 revelou hoje o segundo uniforme para a temporada 2017-18 do futebol europeu. O away kit dos Red Devils é inspirado no padrão de estampa da segunda camisa de 1990-92 (não na cor, já que aquele tinha fundo branco). Abra a galeria de imagens dentro do post. Continuar lendo “Roupa nova para os Alviverdes e para os Red Devils.”

United lembra das vítimas de Munique, 1958.

10646778_10152757279887746_7090619399682022734_n
http://www.manutd.com/en/History/Munich-Remembered.aspx

O desastre aéreo de Munique, que matou jogadores do Manchester United, bem como integrantes da comissão técnica e jornalistas, completa 58 anos no sábado. Mas como o Manchester jogou nesta terça-feira em casa contra o Stoke City, as homenagens foram antecipadas. Jogadores com braçadeiras pretas, de luto, torcedor declamando o poema The Flowers of Manchester, bandeirão passando pelas arquibancadas de Old Trafford com os dizeres:

We’ll never die.

Continuar lendo “United lembra das vítimas de Munique, 1958.”

Best, o “quinto beatle”… Não o Pete. Mas o George.

“Quinto beatle” era o apelido de um cracaço de futebol, George Best, ídolo da seleção da Irlanda do Norte e do Manchester United. Um jogador “star”. É considerado um dos integrantes da trindade que só não é santíssima porque o apelido do Manchester United é red devil. Old Trafford quase parou para homenagear o “quinto Beatle”, no minuto 7 da partida contra o PSV, para marcar os 10 anos da morte de Best – um mito que não se pode dizer que não viveu a vida. Veja a homenagem, primeiro no vídeo do canal FullTimeDEVILS e depois na foto da página do United no Face.

facebook.com/manchesterunited/
facebook.com/manchesterunited/

Veja o post anterior: a trindade do Manchester United.

Tem até meme de internet que Best (George, não o Pete) “aparece “atravessando Abbey Road junto com os Beatles, e uma bola.

Foram muitas as homenagens a Best, que 10 anos depois da morte ainda figura como garoto da capa da nova edição da ótima revista espanhola Panenka.

Soube que estão tentando viabilizar um filme sobre George Best via crowdfunding, a tal da vaquinha online.

Rapaz, olha só o que ele aprontava (dentro de campo)…

Continuar lendo “Best, o “quinto beatle”… Não o Pete. Mas o George.”

Manchester Derby

A United Review, publicação oficial do Manchester United, fez um concurso com fãs do mundo todo pra escolher a capa da edição deste domingo de dérbi de Manchester (o United recebe o City, que tem 2 pontos a mais). A escolhida foi a arte de Harri Lyons, do norte do País de Gales.

A capa bolada por Harri Lyons venceu o concurso da revista
A capa bolada por Harri Lyons venceu o concurso da revista “United Review”. Imagem da página oficial do Manchester United no Facebook.

Lá fora, especialmente na Inglaterra, todo jogo tem um programa oficial (uma revista com informações não só sobre o dono da casa, como sobre o time visitante). Link para interessados em comprar esta edição aqui.
12105871_10153302257692746_3421683719844738094_n Continuar lendo “Manchester Derby”