Old Trafford, o teatro dos sonhos.

Old Trafford, o teatro dos sonhos.
  • Old Trafford.
  • Dono: Manchester United
  • Inauguração: 19 de fevereiro de 1910
  • Primeiro jogo: United 3×4 Liverpool
  • Transporte: Old Trafford está perto de quatro estações da Metrolink,a rede de tram, moderno bonde de Manchester: Exchange Quays, Old Trafford, Trafford Bar e Mediacity UK. Para quem sai do centro de Manchester, pode pegar o Metrolink no sentido Altrincham.
  • Capacidade atual: 75..653 pessoas
  • 55 mil torcedores têm season tickets, ou seja, acesso garantido aos jogos.

No dia seguinte ao tour pelo museu do Manchester United (post anterior), um dos pontos altos destes anos todos indo a estádios de futebol. Conhecer Old Trafford, uma das catedrais da bola, o teatro dos sonhos para os torcedores red devils. Melhor ainda, durante um jogo, em que o United recebeu o Bournemouth, pela rodada #27 da Premier Leaguer 2016-17, que seria conquistada pelo Chelsea. 

Rooney na batida…

Um rápido histórico do estádio. Inaugurado em 1910, num clássico contra o Liverpool (que terminou 3×4…), Old Trafford já recebeu decisão da Copa da Inglaterra no ano seguinte. Foi devastado durante ataques aéreos alemães em 1940 e 41 (o United teve que jogar no estádio do City na época, Maine Road). Também sediou três partidas do grupo do Brasil no Mundial de 1966 (mas não o então escrete bicampeão), foi todo reformado nos anos 90 depois das grandes tragédias nos estádios ingleses e em 2003 recebeu uma final italiana da Champions, em que o Milan superou a Juve nos pênaltis. É o maior estádio de um clube na Inglaterra, com 76 mil lugares.

Teatro dos sonhos

Na partida contra o Bournemouth, em março de 2017, o United jogou com as feras quase todas. De Gea, Valencia, Phil Jones, Shawm , Carrick, Pogba, Mata, Martial, Rooney, Ibrahimovic, que perdeu um pênalti quando o jogo já estava 1×1, Fellaini, Lingard e Rashford entraram no decorrer da partida. Marcos Rojo marcou o gol do time da casa. Joshua King empatou.

Preste atenção neste homem: ele vai perder o pênalti.

O visitante jogou ‘na dele’ e conseguiu levar um pontinho para o sul da Inglaterra. Estádio quase completo, imagine 75 mil pessoas gritando, atmosfera vibrante, sim, mas o que me chamou muito a atenção foi a participação pra lá de ativa da torcida do Bournemouth. Os gritos de United! United! cresceram no segundo tempo, para empurrar os diabos vermelhos em busca de uma vitória, que no fim não rolou.

Placar final na “estreia” do blog Fut Pop Clube em Old Trafford, 4 de março de 2017.

Continuar lendo “Old Trafford, o teatro dos sonhos.”

O time mais rico do mundo

O time mais rico do mundo

Facebook:  73 milhões de curtidas e contando. Instagram: 17,7 milhões.
Twitter: mais de 11,2 milhões. Google +: quase sete milhões de seguidores.
São os números (em 25/05/17) das redes sociais do Manchester United, o time de futebol mais rico do mundo (Deloitte Football Money divulgado em 2017), mesmo tendo chegado apenas em quinto lugar no Inglês 2015-16. Receita de 689 milhões de euros, quase setenta milhõezinhos a mais que Barça e Real Madrid na temporada 15-16, analisada pelo relatório mais recente da Deloitte. Fruto dos grandes contratos (Chevrolet, adidas), direitos de transmissão de TV, mais a grana que Old Trafford movimenta em dias de jogos (e fora deles!).
No começo de março de 2017, tive a oportunidade de fazer o tour pelo museu do United, que fica dentro do estádio Old Trafford. Como já era um finzinho de tarde, não dava mais para acessar o campo. Era pegar ou largar.

O uniforme do Newton Heath, no começo da linha do tempo do United

A flamulinha ao lado indica o ano de fundação: 1878. Primeiro como Newton Heath, que era verde e amarelo (em 1992, a Umbro fez um terceiro uniforme com o visual verde-amarelo). Só passou a ser chamado Manchester United em 1902. Desde 1910, os Red Devils estão em Old Trafford,  investimento inicial de 40 mil libras, na grande Manchester. Infelizmente, a história do time vermelho tem uma coisa em comum com o Verdão do oeste catarinense. Em fevereiro de 1958, um acidente de avião em Munique acabou com parte de uma jovem geração promissora e já vitoriosa, os Busby Babes, comandados por Sir Matt Busby – que sobreviveu à tragédia de Munique.

Primeira página do Daily Herald, fevereiro de 1958.

Para um brasileiro, é impossível não lembrar da tragédia da Chapecoense em 2016, impossível não se emocionar na sala dedicada aos Busby Babes, que tem vários painéis e gavetas forradas de jornais de 1958.

Homenagem a Matt Busby

Sir Bobby Charlton, Denis Law e George Best, o quinto beatle, o primeiro football star na Inglaterra. 470 partidas, 179 gols pelo Manchester. Com a United Trinity dos Red Devils em campo, Busby levou o United à primeira de três Copas/Ligas dos Campeões, em 1967-68. Dez anos depois da tragédia.

Continuar lendo “O time mais rico do mundo”

United! United! Campeão da Liga Europa, campeão de tudo.

United! United! Campeão da Liga Europa, campeão de tudo.
Para Manchester. Foto publicada pela página oficial do MUFC, depois da conquista: facebook.com/manchesterunited

Na semana em que a cidade de Manchester foi alvo de um ataque covarde, que matou e feriu crianças e adolescentes num show de Ariana Grande, um pouco de alegria, ao menos para o lado vermelho da cidade. O Manchester United conquistou a Europa League 2016-17. E agora tem no trophy room de Old Trafford todos os títulos possíveis: campeonato inglês (Premier League), Copa da Inglaterra, Copa da Liga, Community Shield ( a Supercopa da Inglaterra), Intercontinental e Mundial, Recopa da Europa, Supercopa da Uefa, Champions… faltava a Liga Europa. Não falta mais. Haja prateleira!

A campanha: Continuar lendo “United! United! Campeão da Liga Europa, campeão de tudo.”

Vecchia Signora atrás da Tríplice Coroa!

Vecchia Signora atrás da Tríplice Coroa!

Deve ser desanimador para os torcedores das outras esquadras. Depois de ganhar o tri da #CoppaItalia, a Juve conquistou o inédito hexacampeonato italiano na penúltima rodada da temporada 16-17. Dobradinha garantido, a Velha Senhora busca a tríplice coroa na final da Champions em Cardiff, 3 de junho. Parada dura: o adversário é todo poderoso Real, campeão espanhol e atual campeão europeu. Na Itália, só a Inter tem tríplice coroa.

Hegemonia. Os #bianconeri não perderam campeonato italiano desde que estrearam na casa nova, o Juventus Stadium, em 2011.

//platform.twitter.com/widgets.js Continuar lendo “Vecchia Signora atrás da Tríplice Coroa!”

A 33ª.

O campeão da temporada 2016-17 de La Liga só foi conhecido na última rodada, embora depois da goleada contra o Celta, em Vigo, o time de Cristiano Ronaldo tenha passado uma mão e quatro dedos na taça. O Real Madrid precisava apenas de um empate em Málaga e acabou vencendo por 2 a 0, enquanto o Barça desperdiçava gols e teve que dar mais uma #remontada contra o Eibar, depois de estar perdendo por 2 a 0. Depois de três taças do Barça (2013, 2015 e 2016) e uma do Atleti (2014), esta é a 33ª dos #blancos… a 33ª liga espanhola  Em 3 de junho, os galáticos disputam outra final de Champions, agora contra a Juve, hexa italiana. Décima segunda à vista?

O goleiro do Porto comemorou.

//platform.twitter.com/widgets.js
De Nova York, o hoje diretor de La Liga nos EUA mandou parabéns.

//platform.twitter.com/widgets.js
Normal que Casillas e Raúl (legendas madridistas para todo o sempre) estejam felizes. Rara é a próxima tuidada:

//platform.twitter.com/widgets.js
A conta oficial do Barça em catalão no Twitter (como os perfis em outros idiomas) felicitou o arquirrival pela conquista.

Por mais que seja doído ver um título escapar por 3 pontos, saber perder é uma demonstração de grandeza. Mesmo quando jogou mal, o Real Madrid ganhou. E além dos golos (muitos #golos) de CR7, Zidane contou com Marcelo (espetacular fase), Casemiro, Isco e o tão espinafrado Keylor Navas quando a coisa apertou.
Continuar lendo “A 33ª.”

Partida 927 (e última) por La Liga no Vicente Calderón.

Partida 927 (e última) por La Liga no Vicente Calderón.

Atualizado

Calderón, 2014.

O Atlético de Madrid se despediu hoje do seu estádio Vicente Calderón, justamente numa partida contra o Athletic – lá atrás, em 1903, foram torcedores do clube de Bilbao que fundaram o Atlético de Madrid, inclusive com as mesmas cores; o primeiro uniforme dos dois clubes era azul e braco, só depois viraram #rojiblancos. 3×1 para o time da capital.

Só por La Liga, foram 927 partidas no estádio de Manzanares. No sábado, 27 de maio, o Calderón rojiblanco ainda recebe a final da Copa do Rei, entre Barça e Deportivo Alavés. No domingo, 28, uma partida entre mitos #atléticos.

Dois brasileiros estão no Top 10 dos artilheiros do Atleti no estádio, inaugurado em 1966. Veja a lista dos dez maiores goleadores (Fonte: Mundo Deportivo):

Continuar lendo “Partida 927 (e última) por La Liga no Vicente Calderón.”

A final da Copa da Alemanha 2016-2017

A final da Copa da Alemanha 2016-2017

… mas no sábado que vem, vai ter grito de “campeão” na Alemanha e não vai ser do Bayern. Este ano, a Copa da Alemanha, a DFB Pokal vai ser decidida entre o Borussia Dortmund

Camisa 1 do Borussia para 2017-18. Da Puma.

… e o Eintracht Frankfurt.

A camisa do Eintracht pra final.

Continuar lendo “A final da Copa da Alemanha 2016-2017”