A Equipa das Quinas em busca da taça inédita

A Equipa das Quinas em busca da taça inédita

O selecionador nacional de Portugal, Fernando Santos, convocou hoje os 23 futebolistas da equipa para o Mundial 2018, na Rússia. Treze convocados foram campeões da Euro 2016, na França.

FIGURINHAS COM ASTERISCO – Ficaram de fora do plantel os médios André Gomes, do Barcelona, e Danilo Pereira (Porto), machucado, o avançado Nani (Lazio) e o defesa Eliseu (Benfica) – que entraram no álbum da Panini. Porém, André Gomes, Semedo, também do Barça, Nani e Éder (autor do gol da taça) estão na lista de 35 nomes.

Na geopolítica do futebol globalizado, seis disputam a liga portuguesa (4 do Sporting, 1 do Benfica, 1 do Porto, novo campeão), quatro militam no futebol inglês (1 do Southampton, 1 do Leicester, 1 do West Ham, 1 do campeão Manchester City), dois são da liga francesa (1 do Lyon, 1 do Monaco), três do futebol turco (2 do Besiktas e 1 do Goztepe), um na Bundesliga (Dortmund), dois estão no calcio (Napoli, Milan), um no futebol chinês, um do campeonato escocês (Rangers), um vem da Rússia (Lokomotiv) e dois de La Liga: Gonçalo Guedes, do Valencia, e a grande estrela da equipa, o avançado Cristiano Ronaldo, do Real Madrid.

Portugal está no grupo B e vai enfrentar Espanha, Marrocos e Irã.

Confira a Seleção das Quinas: Continuar lendo “A Equipa das Quinas em busca da taça inédita”

A jovem Inglaterra para a Copa 2018

A jovem Inglaterra para a Copa 2018

Gostei de um vídeo da Footbal Association: a federação inglesa anunciou os 23 convocados pelo técnico Gareth Southgate para a Copa na Rússia com um clip divertido e bem produzido.


E não é só o vídeo da convocação que tem uma linguagem pra atrair a molecada. Jovem técnico, Southgate convocou um English Team com apenas cinco remanescentes do ‘grupo da morte’ no Mundial 2014, disputado aqui no Brasil. O Tottenham é o clube mais representado (5 jogadores dos Spurs), à frente do novo campeão inglês, Man City (quatro atletas), Man United (também quatro), Liverpool (dois do finalista da Champions foram chamados), Leicester (dois do antepenúltimo campeão inglês). O Chelsea, campeão da temporada passada, tem o experiente Cahill no time que vai à Rússia e mais o jovem Ruben Loftus-Cheek, emprestado ao Crystal Palace.Arsenal, Everton, Stoke, Burnley cederam um cada.
Goleiros:

  • Jack Butland, Stoke City, 25 anos
  • Jordan Pickford, Everton, 24 anos
  • Nick Pope, Burnley, 26 anos

Defensores:

  • Ashley Young, Manchester United, 33 anos
  • Gary Cahill, Chelsea, 33.
  • John Stones, Manchester City, 24.
  • Kieran Trippier, Tottenham Hotspur, 28 anos
  • Kyle Walker, Manchester City, 28 anos.
  • Danny Rose, Tottenham, 28 anos.
  • Fabian Delph, Manchester City, 29 anos
  • Harry Maguire, Leicester City, 25.
  • Phil Jones,Manchester United, 26 anos
  • Trent Alexander-Arnold, Liverpool,20 anos, chamado pela primeira vez para a seleção principal

Meio-campistas:

  • Eric Dier, do Tottenham, 24 anos.
  • Jesse Lingard, Manchester United, 26 anos
  • Ruben Loftus-Cheek, estava no Crystal Palace, emprestado pelo Chelsea, 22 anos
  • Jordan Henderson, Liverpool, 27
  • Dele Alli, Tottenham, 22 anos

Atacantes:

Gagliardetto. Banderín. Wimpel. Pennon. Pennant. Galhardete.

Os campeonatos nacionais na Europa vão chegando ao fim e já conhecemos os principais campeões.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Flâmulas dos campeões de quase todas as principais ligas europeias na temporada 2017-2018:

  • Bayern, hexacampeão alemão, ainda pode ganhar a Copa da Alemanha
  • Barça, campeão de La Liga e tetra da Copa do Rei
  • Juve, heptacampeã italiana e também vencedora da Coppa Itália
  • Manchester City, campeão inglês e da Copa da Liga Inglesa
  • Paris Saint-Germain, campeão francês, da Copa da França e da Copa da Liga
  • Porto, campeão português

Continuar lendo “Gagliardetto. Banderín. Wimpel. Pennon. Pennant. Galhardete.”

A lista de Tite

A lista de Tite
facebook.com/CBF/

Corinthians e Grêmio, atuais campeões do Brasileirão e da Libertadores, respectivamente, também campeões em seus estados, são os únicos clubes brasileiros a ceder jogadores para a seleção brasileira que vai à Rússia. Todos atletas de defesa. O goleiro Cássio e o lateral Fagner, do Corinthians, e o zagueiro Geromel, do Grêmio.

Na Premier League, atuam seis jogadores: quatro no campeão Manchester City (Ederson, Danilo, Fernandinho, Gabriel Jesus), um no Liverpool (Roberto Firmino), um no Chelsea (Willian).

Disputam La Liga cinco convocados: Philippe Coutinho e Paulinho, do Barça, Marcelo e Casemiro, do Real, mais Filipe Luís, lateral do Atleti.

No campeonato francês, os três do campeão PSG: Neymar e os zagueiros Marquinhos e Thiago Silva.

Da série A italiana vem três também: o goleiro titular, Alisson, da Roma, o zagueiro Miranda, da Inter, e o atacante Douglas Costa, da Juve.

Até o campeonato ucraniano tem 2 na seleção: Fred e Taison, do Shakhtar.

Renato Augusto está no Beijing Guoan, da China.

Andrés Iniesta Luján

Andrés Iniesta Luján

Cena do quarto episódio da segunda temporada da série espanhola “Ministério del Tiempo“. A louraça Irene (Cayetana Guillén Cuervo) comenta algo como: “há cinco anos, o Ministério teve que salvar um antepassado de Iniesta“. A agente Amelia Folch (a bela Aura Garrido), uma das primeiras mulheres a estudar em universidade em Barcelona no final do século XIX, recrutada para viajar nas portas do tempo do Ministério, pergunta quem é Iniesta. “Pacino” (Hugo Silva), um policial recrutado no começo dos anos 80, também não faz ideia de quem seja.

Rápida explicação pra quem não é viciado na série como eu: esse ministério do tempo, criado (na ficção, claro) pelo governo espanhol, manda seus funcionários ao passado para evitar mudanças na história da Espanha. E Iniesta, você sabe, fez o gol mais importante da história de La Roja. Sem ele, a Espanha não teria Copa do Mundo. Não só: já é considerado o melhor jogador espanhol de todos os tempos.

Pois voltando a 2018, na vida real, Andrés Iniesta Luján, nascido há 34 anos em Fuentealbilla, na província de Albacete, só tem mais dois jogos oficiais com a camisa 8 do Barcelona: hoje contra o Levante e na semana que vem contra a Real Sociedad. Com a camisa 6 da Espanha, vai enfrentar Portugal, Irã e Marrocos, na primeira fase do Mundial 2018 na Rússia. Depois da Copa, o futebol do maestro provavelmente só será visto por quem tem acesso ao campeonato japonês ou de algum outro mercado asiático.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Don Andrés sai por cima, em alto nível, numa temporada em que, se caiu nas quartas da Champions, ganhou o #doblete, dobradinha de La Liga e Copa do Rei. Foram ao todo 32 taças pelo Barça – quatro Champions, nada menos que nove ligas espanholas em dezesseis temporadas, seis Copas, sete Supercopas de Espanha, três Supercopas da Uefa e três mundiais de Clubes.

Com a camisa da Espanha, a Copa do Mundo 2010, e o bi da Euro, 2008 e 2012.

Só nos resta agradecer pelo privilégio de ter visto os recitais de Don Andrés Iniesta pelos gramados do planeta bola.

Gracias, maestro!

A propósito, a série “Ministério del Tiempo” tem muitas outras referências a futebol.

Continuar lendo “Andrés Iniesta Luján”

Retrô: Tottenham Hotspur 1978

Retrô: Tottenham Hotspur 1978

A camisa desta sexta-feira. Retrô do Tottenham Hotspur 1978, quando chegaram os argentinos Osvaldo Ardiles e Ricardo Villa. Tem o selo da Admiral, marca que vestiu os Spurs de 1977 a 80.

Ossie Ardiles e Ricky Villa chegaram a White Hart Lane como campeões do mundo, depois da Copa de 1978. Continuar lendo “Retrô: Tottenham Hotspur 1978”

Amor à camisa: CE Sabadell FC

20180427_1713141762265564.jpg
Samarreta Sabadell 2017-2018 – da Hummel

A camisa desta sexta-feira é a samarreta principal do Centre d’Esports Sabadell Futbol Club – os arlequinats, exatamente por causa do visual. O Sabadell, da cidade que batiza (importante centro financeiro na Catalunha), joga atualmente na segunda B da Espanha – na prática a terceira divisão.

Este modelo da Hummel é da temporada 2017-2018 e foi comprado na lojinha do clube no estádio Nova Creu Alta, em Sabadell. Continuar lendo “Amor à camisa: CE Sabadell FC”