Os parceiros de Messi na Argentina 2018

Os parceiros de Messi na Argentina 2018

Atualizado em 9 de junho, depois dos cortes de Sergio Romero e Manuel Lanzini

A Seleção Albiceleste convocada por Jorge Sampaoli só tem três atletas de clubes argentinos (mesmo número da Seleção Brasileira e também o mesmo número da Argentina vice de 2014 – gracias, Paladar Negro). As ligas mais representadas são a inglesa (cinco jogadores), italiana (cinco), espanhola (três), portuguesa (dois), francesa (dois), holandesa, chinesa e, agora, mexicana.
ARQUEROS:

  • Sergio Romero (Man United)

* Chiquito foi cortado por lesão e substituído por Nahuel Guzmán, do Tigres, do México

  • Willy Caballero (Chelsea)
  • Franco Armani (River Plate)


DEFENSORES

  • Gabriel Mercado (Sevilla)
  • Cristian Ansaldi (Torino)
  • Nicolás Otamendi (Manchester City)
  • Federico Fazio (Roma)
  • Marcos Rojo (Manchester United)
  • Nicolás Tagliafico (Ajax)
  • Marcos Acuña (Sporting)

VOLANTES:

  • Javier Marcherano (Hebei China Fortune)
  • Eduardo Salvio (Benfica)
  • Lucas Biglia (Milan)
  • Giovani Lo Celso (PSG)
  • Éver Banega (Sevilla)
  • Manuel Lanzini (West Ham) Enzo Pérez (River)
  • Maximiliano Meza (Independiente)
  • Ángel Di María (PSG)
  • Cristian Pavón (Boca)

DELANTEROS:

  • Lionel Messi (Barça)
  • Paulo Dybala (Juve)
  • Gonzalo Higuaín (Juve)
  • Sergio Ag6uero (Manchester City)

* FIGURINHAS COM ASTERISCO –

Continuar lendo “Os parceiros de Messi na Argentina 2018”

Les Bleus 2018

Les Bleus 2018

O técnico da França, Didier Deschamps, convocou três jogadores do PSG, três do Olympique, três do Monaco, um do Lyon, dois do Chelsea, dois do Barça, dois do Atleti, um do Real, um do Sevilla e também um jogador de cada uma destas equipes: Tottenham, Man City, Man United, Bayern, Stuttgart e Juve. Ou seja, atletas acostumados às principais ligas europeias. A Équipe de France vai disputar as vagas do grupo C contra Austrália, Peru e Dinamarca.
Gardiens (goleiros):

  • Aréola, Paris Saint-Germain
  • Lloris, Tottenham
  • Mandanda, Olympique de Marselha

Défenseurs (defensores):

  • Lucas Hernández, Atlético de Madrid
  • Kimpembe, Paris Saint-Germain
  • Mendy, Manchester City
  • Pavard, Stuttgart
  • Rami, Olympique de Marselha
  • Sidibé, Monaco
  • Umtiti, Barcelona
  • Varane, Real Madrid

Milieux de terrain (meio-campistas:

  • Kanté, Chelsea
  • Matuidi, Juventus
  • N’Zonzi, Sevilla
  • Pogba, Manchester United
  • Tolisso, Bayern

(Attaquants) atacantes:

  • Dembélé, Barcelona
  • Fekir, Lyon
  • Giroud. Chelsea
  • Griezmann, Atlético de Madrid
  • Lemar, Monaco
  • Mbappé, Paris Saint-Germain
  • Thauvin, Olympique de Marselha

*FIGURINHAS COM ASTERISCO:

Continuar lendo “Les Bleus 2018”

La Liga Santander 17-18

La Liga Santander 17-18

Saiu hoje a tabela do campeonato espanhol 2017-18. Os clássicos Barça-Madrid vão ser em 20 de dezembro, no Bernabéu, e em 6 de maio de 2018, antepenúltima rodada, no Camp Nou. Na primeira rodada, em um mês, no fim de semana de 19 e 20 de agosto teremos:

  • O Dépor recebe o todo poderoso Real Madrid de Zidane, campeão de Liga e Champions.
  • Levante x Villarreal
  • Celta x Real Sociedad
  • O Barça de Ernesto Valverde estreia na Liga recebendo o Betis. Com ou sem Neymar, eis a questão.
  • Leganés x Alavés
  • Sevilla x Espanyol
  • Athletic x Getafe
  • Málaga x Eibar
  • O caçula Girona faz seu primeiro jogo “ever” na 1ª divisão em casa, contra o Atlético de Madrid de escudo novo aí. Histórico!
  • Valencia x Las Palmas

Aliás, o Atlético de Madrid faz as 3 primeiras partidas fora, para estrear no estádio novo, Wanda Metropolitano, em 16 ou 17 de setembro, contra o Málaga. Confira o calendário todo aqui.

Já se conhecem os principais uniformes dos 20 clubes que vão disputar a temporada 17-18 de La Liga. A alemã adidas veste cinco clubes: o Real Madrid, o Valencia, a Real Sociedad, o Real Betis e o Celta de Vigo.  E a americana Nike, três: o Barça, o Atlético de Madrid e o Málaga.

A Joma fornece os uniformes de quatro clubes: Espanyol, Villarreal, Leganés e Getafe, de volta à La Liga.

O Athletic começa nesta temporada o contrato com a americana New Balance, que continua com o Sevilla. A italiana Macron fornece as #equipaciones do Dépor de La Coruña e do Levante, que também está de volta à primeira.

A Umbro volta à La Liga Santander com a camisa do Girona, clube catalão que estreia na primeira divisão. A marca espanhola Kelme acaba de começar o acordo com o Deportivo Alavés. A Puma Football mantém negócio com o Eibar. E a Acerbis continua a fazer os uniformes de Las Palmas.

Clique em qualquer imagem da galeria abaixo para ver os detalhes dos “home kits” dos 20 clubes da primeira espanhola em 2017-18.

Dentro do post, as segundas camisas e, quando disponíveis, os terceiros uniformes. Continuar lendo “La Liga Santander 17-18”

Estádio Ramón Sánchez-Pizjuán, do Sevilla, a ‘bombonera de Nervión’.

Estádio Ramón Sánchez-Pizjuán, do Sevilla, a ‘bombonera de Nervión’.
20160505_215748
RSP, maio de 2016, semifinal da Liga Europa.
20160505_231216
Depois da semifinal contra o Shakhtar, Liga Europa, maio de 2016.

Como fã de futebol, lamento profundamente que o teletransporte da clássica série Jornada na Estrelas não passe de ficção científica. Porque muitas vezes me pego desejando um teletransporte rápido para algum estádio do mundo, para ver alguma partidaça como o Sevilla 2×1 Real Madrid da semana passada. O time de Jorge Sampaoli – que virou, mais do que ídolo, objeto de culto na parte vermelha de Sevilha, o ‘sampaolismo’- quebrou uma invencibilidade de 40 jogos do atual campeão da Europa e do mundo.

O Sevilla de Sampaoli fez a segunda melhor campanha do primeiro turno de La Liga 2016-17. Está nas oitavas da Champions (recebe o Leicester em 22 de fevereiro). Tem cinco títulos recentes de Liga Europa. Um clube que sabe comprar e vender bem seus atletas.

Mas uma coisa que tenho certeza é que, junto com um grande técnico, um elenco muito bom e um ótimo planejamento, joga junto uma afición (torcida) das mais fanáticas da Espanha e o estádio, Ramón Sánchez-Pizjuán, RSP, um caldeirão, tanto que é conhecido também como a “Bombonera de Nervión”, nome do bairro em que está situado. Um estádio que ferve, onde é muito difícil jogar até para dois dos três times mais ricos do mundo. O Sevilla vende caro pontos perdidos para Barça e Real Madrid, isso quando perde esses pontos, em sua casa. Que tem também uma belíssima fachada, um mosaico com um gigantesco distintivo do Sevilla e flâmulas de clubes visitantes do mundo todo, inclusive do Brasil. Obra de Santiago del Campo, para o Mundial de 82.

RSP, maio de 2016
RSP, maio de 2016
Reconhecimento da torcida de Sevilha como jogador 12 da seleção espanhola
Reconhecimento da torcida de Sevilha como jogador 12 da seleção espanhola

E a afición sevillista canta forte o hino do centenário do clube, composto por Javier Labandón, El Arrebato, em 2005. Virou grito de guerra no RSP.

Y es por eso que hoy vengo a verte,
sevillista seré hasta la muerte,
la Giralda presume orgullosa
de ver al Sevilla en el Sánchez Pizjuán

A Giralda, campanário da catedral que é um dos cartões portais de Sevilha, se orgulha de ver o Sevilla no RSP! E como brasileiro, lamento que Paulo Henrique Ganso não tenha ainda maravilhado a Giralda e o RSP. Será que vai emplacar?

O blog Fut Pop Clube fez duas visitas ao caldeirão que é o RSP, por coincidência ambas em partidas de Liga Europa. Em 2011, o dono da casa foi eliminado pelo Hannover 96. Em 2016, depois de quase um dia todo de viagem de ônibus a partir de Lisboa, vi o time de Unai Emeri bater o Shakhtar Donnetsk por 3×1 na segunda partida da semfinal e avançar rumo ao quinto título da Sevilla League, ooops, digo, Europa League.img_20160506_120004

Noite de casa cheia, chuva, tensão no ar e, por fim, festa sevillista.

  • Dos minutitos, senõres – gritava perto de mim um torcedor ansioso para o fim da partida e classificação pra final contra o Liverpool.

Continuar lendo “Estádio Ramón Sánchez-Pizjuán, do Sevilla, a ‘bombonera de Nervión’.”

Ainda bem! Estão de volta as principais ligas nacionais da Europa, depois das Datas Fifa. A oitava rodada do campeonato espanhol começou com um empate sem gols entre Las Palmas e Espanyol.

No sábado, a pelota de La Liga começa a rolar cedinho. O Leganés recebe o Sevilla, terceiro colocado, às 8 da matina (horário de Brasília, com transmissão ESPN Brasil). A casa dos pepineros estará lotada mais uma vez. Nas suas ações de marketing, o ‘Lega’ conta com criativos cartazes virtuais bolados pela agência Hugin & Munin.  Para o jogo deste sábado contra o time do Sampaoli, o tema são as eleições americanas. Olha aí!

FB_IMG_1476488048123.jpg
Cartaz virtual da agência Hugin & Munin para Leganés vs Sevilla: facebook.com/ClubDeportivoLeganes/

Veja no post anterior uma galeria de cartazes virtuais criados para promover os jogos do Leganés no estádio municipal Butarque.

Quarto colocado, o Barça recebe o Dépor, o décimo-terceiro (11h15, ESPN Brasil). Messi está relacionado, mas deve ficar no banco e jogar cerca de 30 minutos. O time de Lucho precisa recuperar pontos e posições. O líder Atlético recebe às 13h30 (Fox Sports) o Granada, ‘colista’ (laterna), enquanto o vice-líder Real Madrid visita às 15h45 (também Fox) o Real Betis (décimo-quinto). Sempre mencionados os horários de Brasília.

No domingo, às 8h de Brasília tem Alavés (décimo-segundo) contra Málaga (14o.), o décimo-sétimo Sporting de Gijón recebe o também ameaçado Valencia, que ocupa apenas o décimo-oitavo lugar (14h30), e o Villarreal, quinto colocado, encara o décimo, o Celta (16h45). E uma das atrações da Jornada 8 sem dúvida será o tradicional dérbi basco. O Athletic, que está em sétimo, pega a Real Sociedad (nono lugar) em Bilbao, às 12h15, sempre horários de Brasília. Achei bacana a campanha da KirolBet, casa de apostas oficial de Alavés, Athletic, Real Sociedad, Eibar e Osasuna para promover o jogão de San Mamés. Cabines em Bilbao e San Sebastián onde os torcedores deixaram mensagens de apoio aos seus times (algumas foram mostradas para os jogadores).


Outro clássico da região fecha a rodada na segunda-feira: Eibar (oitavo) e Osasuna (penúltimo). Abaixo, o poster urbano, callejero, para promover Leganés x Sevilla.

Continuar lendo “Jornada 8 de La Liga”

Semifinales

As copas nacionais na Europa vão chegando a seus momentos decisivos. Hoje foram sorteadas as semifinais da Copa do Rei. Nas próximas duas semanas, o Barça (eliminou o Athletic) pega o Valencia (passou Las Palmas) e o Sevilla (deixou o Mirandés pra trás) enfrenta o Celta de Vigo (eliminou o Atlético de Madrid).
sorteo_semifinales_acopla_640x406
Representadas aí quatro comunidades: Galícia, Andaluzia, Comunidade Valenciana e Catalunha.  Partidas de ida:

  • Quarta-feira, dia 3: Barça x Valencia, no Camp Nou
  • Quinta-feira, dia 4: Sevilla x Celta, no Ramón Sánchez Pizjuán

Depois do carnaval, a volta:

A Copa dos dérbis

Assim estão sendo chamadas na Espanha as oitavas de final da Copa do Rei, como mostra o título do diário Marca – “La Copa de los derbis” -, depois que o sorteio reservou três confrontos entre times da mesma cidade:

Os demais confrontos:

  • Valencia x Granada
  • Mirandés (da segunda divisão) x Deportivo La Coruña
  • Cádiz (segunda B)* x Celta de Vigo
  • Athletic x Villarreal
  • Eibar x Las Palmas

* O Real Madrid foi eliminado pela escalação de um jogador que não poderia jogar. Los blancos ainda tentam recorrer.

IMG_20151016_073009 Continuar lendo “A Copa dos dérbis”