Alô… Alô?: 100 Anos de Carmen Miranda

MusCarmenMirandaDFMaio091A fase americana da portuguesinha mais brasileira é o tema dos shows da última terça-feira do projeto Alô… Alô? 100 Anos de Carmen Miranda, no Centro Cultural Banco do Brasil, centrão de São Paulo. Beatriz Faria e Marcos Sacramento cantam repertório da Brazilian Bombshell no cinema e na Broadway. Há um show às 13h e outro às 19h30. Endereço, preços e como chegar (metrô, ônibus ou carro): leia aqui.

A primeira estrela da camisa amarelinha

1958 posterHoje faz 51 anos que a Seleção acabou com aquele lance de “complexo de vira-lata” e levantou pela primeira vez a Copa do Mundo. 29 de junho de 1958, estádio Rasunda. Liedholm abriu o placar para a Suécia, mas o Brasil virou com gols de Vavá, Vavá de novo, Pelé, Zagallo – Simonsson diminuiu – e Pelé definiu. Brasil 5×2. Volta olímpica. O capitão Bellini ergueu a Jules Rimet e criou marca registrada. A final, o Mundial, os craques da seleção já mereceram e vão continuar merecendo muitas homenagens em livros, músicas, filmes etc. LEIA SOBRE ISSO AQUI> Continuar lendo “A primeira estrela da camisa amarelinha”

Futebol-arte: “Zidane – Um Retrato do Século XXI”

Publicado em junho de 2009

zidaneZidane, Ronaldo, Figo, Roberto Carlos, Beckham, Casillas, Raúl, Guti… Não faz tanto tempo que todas essas feras jogavam no Real Madrid. Em 23 de abril de 2005, os galáticos receberam o Villarreal. Jogo escolhido pela produção do filme Zidane, Um Retrato do Século XXI para um documentário hi-tech sobre o cracaço de bola. Nada menos que 17 câmeras foram usadas pelo escocês Douglas Gordon e pelo Philppe Parreno, argelino radicado em Paris.  Continuar lendo “Futebol-arte: “Zidane – Um Retrato do Século XXI””

“Punk: Attitude”. Barulhão bom no festival In-Edit Brasil 2012.

51Z9K5B8J4L._SL500_AA240_Espetacular o documentário Punk: Attitude que o festival In-Edit mostrou em SP e no Rio. Dos pioneiros do rock que os primeiros punks curtiam… à explosão do Nirvana, o que vale – mais do que um penteado espetado, roupa  detonada, acessórios ou quantidade de acordes – bem, o que importa no doc de Don Letts é a atitude.  Continuar lendo ““Punk: Attitude”. Barulhão bom no festival In-Edit Brasil 2012.”

Toca, Brasil

alb_play_brazil_30040Hoje tem Seleção. Brasil x Estados Unidos decidem a Copa das Confederações. Numa recente visita a uma loja de discos, achei um CD lançado na época da última Copa do Mundo. Play Brazil, da WEA Latina, acredito que para o mercado internacional. Apesar da capa bem clichê, vale conferir, especialmente pelo repertório, 10! Começa bem com Gilberto Gil e o Balé de Berlim. LEIA TUDO CLICANDO AQUI. Continuar lendo “Toca, Brasil”

Nas bancas

Como vocês sabem, Luxemburgo caiu no Palmeiras. Muricy e Abel são os nomes mais cogitados. Curiosamente, um dia antes da demissão do treinador campeão paulista de 2008, saiu a edição de julho da revista Placar, que chegou às bancas paulistas com pergunta na capa: “Trio de Ferro?” e fotos de Muricy, Mano Menezes e Luxemburgo. A reportagem de Ricardo Perrone e Arnaldo Ribeiro convida o leitor a descobrir “por que nem os três melhores treinadores do país têm estabilidade de emprego”.

Na sua 4ª passagem pelo Palestra Itália, Luxemburgo venceu 60 partidas, empatou 25 e perdeu 25. Somando as quatro passagens – 93/94, 196, 2002 e 2008/09 – são 221 vitórias, 81 empates e 65 derrotas (aproveitamento de 67,5% – infos do Palmeiras.)

Foto Divulgação/VIPCOMM
Foto Divulgação/VIPCOMM

Pelos lados do Morumbi, em tarde fria e chuvosa, Ricardo Gomes estreou com vitória: 2×0 sobre o Náutico. Em Barueri, o Galo mineiro perdeu a invencibilidade -4×2 para o Barueri- mas segue na ponta. De olho na final da Copa do Brasil, o Corinthians perdeu na Arena da Baixada. Furacão 1×0. E de olho na semifinal da Libertadores, o Cruzeiro fez 1×0 no Avaí no Mineirão. Surpresa do sábado: a goleada do Goiás sobre o Bota, em pleno Engenhão: 4×1. Na série B, o Guarani permanece invicto e lidera. Completam o G4: Brasiliense, Atlético Goianiense (3 vitórias seguidas) e a grande rival do Bugre, a Ponte Preta – seguida de muito perto por Lusa e Vasco (6º lugar).

Para saber mais sobre as revistas de futebol, clique aqui. Continuar lendo “Nas bancas”

“A História das Camisas dos 12 Maiores Times do Brasil”

A HISTORIA DAS CAMISASEstá para sair (em 7 de julho) um livro muito interessante para quem se interessa pelas evolução dos uniformes de grandes clubes brasileiros (os 12 listados aí em cima nas tags). A História das Camisa dos 12 Maiores Times do Brasil – golaço do admistrador de empresas Paulo Vilhena Gini, um dos maiores colecionadores de uniformes do mundo, e do jornalista quase xará de goleiro uruguaio Rodolfo Rodrigues, que já lançou vários almanaques e livros como Escudos dos Times do Mundo Inteiro. Mais de 1.900 uniformes ilustram o livro, que infelizmente não sai muito barato: R$ 64,90. Mas que é um belo presente, ah, isso é. Continuar lendo ““A História das Camisas dos 12 Maiores Times do Brasil””

O camisa 01 volta a treinar

O capitão do São Paulo, Rogério Ceni, já faz corridinhas em volta do gramado, no centro de treinamento do tricolor.

Foto Divulgação/VIPCOMM (26/06/09)
Foto Divulgação/VIPCOMM (26/06/09)

O goleiro-artilheiro fraturou o tornozelo esquerdo em 13 de abril, foi operado em seguida e o tempo de recuperação é estimado em três, quatro meses. Ou seja, ainda falta pelo menos um mês para a volta do capitão tricolor. Por falar em Rogério, o SPFCpedia (excelente blog de curiosidades tricolores feito pelo Michael Serra) publicou uma lista de pênaltis defendidos por Rogério Ceni. Incompleta, salienta o Michael. A relação considera bola rolando e disputas de pênaltis. O SPFCpedia lista pelo menos 33 defesas, desde uma partida contra o Tenerife pelo torneio de Santiago de Compostela, na Espanha – uma das primeiras de Rogério no time de cima do São Paulo (o titular era Zetti). Continuar lendo “O camisa 01 volta a treinar”