Fut Pop Clube saúda os campeões estaduais de 2013

Distintivos, bandeiras oficiais e flâmulas dos campeões estaduais de 2013. PUBLICADO EM 19 DE MAIO DE 2013 E ATUALIZADO EM 12 DE JULHO DE 2013.

Este slideshow necessita de JavaScript.


Neste fim de semana, saiu o grito de campeão em Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Pará, Piauí, Rio Grande do Norte, Santa Catarina, São Paulo e no Distrito Federal.
Atlético – bicampeão mineiro. Título estadual #42! No slide show, você vê o escudo antigo do Galo. Cuca é tricampeão mineiro porque em 2011 ganhou com pelo lado azul.
Ceará – tricampeão cearense. Título estadual #42!
Corinthians – campeão paulista pela 27ª vez. O afinado time de Tite e Danilo impediu o histórico tetra do Santos de Neymar
Criciúma – Sob o comando de Vadão, campeão catarinense pela 10ª vez.
Desportiva Ferroviária – campeã capixaba pela 17ª vez.
Goiás – bicampeão goiano. Com Enderson Moreira, conquistou o estadual #24.
Parnahyba – bicampeão piauiense. Título #12.
Paysandu – campeão paraense pela 45ª vez.
Potiguar de Mossoró – campeão potiguar pela vez ao bater o América-RN nos pênaltis.
Vitória treinado por Caio Júnior conquistou o campeonato baiano pela 27ª vez.
Ontem:
Brasiliense – campeão do “Candangão” pela 8ª vez, com direito a gol do Romarinho, o filho do peixe, na (re)inauguração do estádio Nacional Mané Garrincha, depois da reconstrução literalmente milionária.
CRB – Os regateanos foram bicampeões alagoanos e atrapalharam o centenário do CSA. Título estadual #27.
E quem já tinham gritado É CAMPEÃO?
Botafogo – campeão estadual do Rio pela 20º vez. Técnico: Oswaldo Oliveira.
CENE – campeão sul-mato-grossense pela 5ª vez.
Coritiba – tetracampeão paranaense. Estadual #37. Técnico: Marquinhos Santos.
Cuiabá Esporte Clube – campeão mato-grossense pela 4ª vez.
Internacional – tricampeão gaúcho. Título estadual #42“, o primeiro de Dunga.
Santa Cruz – tricampeão pernambucano. Título estadual #27.

Atualizando em 12 de julho:

Saudamos também aos campeões dos estaduais terminados depois do fechamento deste post (19 de maio):

Botafogo FC, campeão paraibano pela 26ª vez

Interporto FC,campeão tocantinense pela 2º vez

Maranhão Atlético Clube, campeão estadual pela 15ª vez

Náutico Futebol Clube, de Caracaraí, campeão roraimense.

Plácido de Castro – campeão acreano pela primeira vez

Princesa do Solimões, de Manacapuru, campeão amazonense pela 1ª vez

Sergipe, campeão sergipano. Título #33!

Vilhena EC, campeão rondoniense pela 4ª vez.

  • O campeonato do Amapá começa em meados de julho e só termina em 10 de outubro.

Continuar lendo “Fut Pop Clube saúda os campeões estaduais de 2013”

O melhor futebol do mundo está na “conexão BH-Munique”.


Claro, o Bayern ainda vai decidir a Champions League contra o rival alemão do Borussia Dortmund e o Atlético Mineiro acaba de se classificar para as quartas de final da Libertadores.
Mas em abril/maio de 2013 o melhor futebol desses dois lados do mundo é jogado no Independência e na Allianz Arena de Munique. No Horto, em BH, o Galo parece imbatível, com o quarteto fantástico -Ronaldinho Gaúcho, Diego Tardelli, Jô e Bernard-, uma defesa segura, bons volantes, um grande técnico, outros bons valores no banco. O Super Bayern fez 7×0 no agregado contra o Barça, virtual campeão espanhol.
De novo, claro, ainda falta combinar com o Borussia e outros tantos concorrentes sul-americanos, mas neste momento seria no mínimo interessante imaginar uma final mundial entre Atlético e Bayern.
E já que estamos no reino da imaginação, como seria muito melhor se essa possível decisão do melhor time do mundo tivesse um jogo em Belo Horizonte e outro em Munique – como os Mundiais de Clubes eram decididos entre 1960 e 1979. Quem ganharia, hein?

Ronaldinho Gaúcho | R49 – O Meteoro Atleticano


Impressionante como deu “liga” o casamento entre o Atlético Mineiro e o seu camisa 49.
Um voltou a jogar muita bola. O outro, a cantar de Galo. Para celebrar esse “love affair” entre craque, time e torcida, está sendo preparado um documentário, Ronaldinho Gaúcho – R49 – O Meteoro Atleticano. Como dá para perceber no trailer acima, com legendas em inglês, o diretor Diego Lisboa e a Movimento Filmes já estão de olho no mercado internacional. Continuar lendo “Ronaldinho Gaúcho | R49 – O Meteoro Atleticano”

Nas bancas: Ronaldinho Gaúcho, Pelezinho e os craques do futebol em quadrinhos

www.paninicomics.com.br/
http://www.paninicomics.com.br/

O Fut Pop Clube aproveita este 30 de janeiro, Dia Nacional da História em Quadrinhos, para lembrar do gibi criado pelo Mauricio de Sousa, para um craque em que ninguém apostava muito mais… e foi o melhor jogador do Brasileirão 2012, no primeiro ano de Atlético e alçapão do Independência. Ronaldinho Gaúcho. O gibi do dentuço no traço do pai da dentuça Mônica  já está na edição 73! Confira aqui, no site da editora Panini Comics (os números mais antigos já estão esgotados).

www.paninicomics.com.br
http://www.paninicomics.com.br

E um craque veterano da Turma da Mônica tirou o Kichute do armário e voltou aos quadrinhos em 2012. Pelezinho! No final de janeiro, chegaram às bancas mais duas compilações do reizinho dos gibis: As Melhores Histórias do Pelezinho, já no nº 2, mais em conta, e o nº 2 também da Coleção Histórica (capa abaixo), que custa um pouco mais. Jogada de diversão e bom humor padrão Mauricio de Sousa.

www.paninicomics.com.br
http://www.paninicomics.com.br

Continuar lendo “Nas bancas: Ronaldinho Gaúcho, Pelezinho e os craques do futebol em quadrinhos”

A nova família Scolari

Saiu a 1ª convocação da nova fase de Felipão no comando do escrete canarinho. Primeiro teste de fogo: Inglaterra, 6 de fevereiro, Wembley, 150 anos da FA.
Goleiros: Diego Alves (Valencia), Julio César (Queens Park Rangers)
Laterais: Adriano, Daniel Alves, Filipe Luís (Atlético de Madrid)
Zagueiros: Dante (Bayern), David Luiz, Leandro Castán (Roma), Miranda (Atlético de Madrid)
Volantes: Arouca, Hernanes, Paulinho, Ramires
Meias: Lucas (agora no PSG), Oscar, Ronaldinho Gaúcho
Atacantes: Fred, Hulk, Luís Fabiano, Neymar. Continuar lendo “A nova família Scolari”

Pentacampeão!


Réplica do segundo uniforme da Seleção Brasileira pentacampeã do mundo em 2002, no Mundial disputado na Coreia e Japão. Foi “a” Copa de Ronaldo Fenômeno, Rivaldo Maravilha, ‘São’ Marcos, Luiz Felipe Scolari. A Copa de muitos erros de arbitragem e de acordar de madrugada para ver as transmissões ao vivo, do outro lado do mundo. Na final, há exatos 10 anos, o Brasil venceu a Alemanha por 2 a 0, dois gols do Fenômeno. Veja a seguir a ficha técnica da final e os 23 jogadores da “Família Scolari”. Continuar lendo “Pentacampeão!”