Os olímpicos

Eis a boa lista de 18 jogadores convocados por Rogério Micale para tentar a cobiçada medalha de ouro na Olimpíada. Boa sorte a todos!

  • Goleiros
  • Laterais
  • Zagueiros
  • Meio-campistas
  • Atacantes

Continuar lendo “Os olímpicos”

“O Futebol”.

Estreou neste 21 de abril nos cinemas o belo filme de Sergio Oksman, vencedor dos prêmios de Melhor Longa e o da Crítica no recente festival É Tudo Verdade, só de documentários.

12967309_1020820344653677_4555314851272645368_o
Cartaz do filme “O Futebol”, de Sergio Oksman

Pena que o título “O Futebol” vá espantar aquela parte do público que torce o nariz pra futebol na TV, no rádio, quanto mais nos cinemas.

Porque não é um filme sobre futebol ou sobre o Mundial de 2014, no Brasil. O futebol é um pano de fundo importante, na distante relação entre Sergio, que mora na Espanha, e o pai, Simão, no Brasil. Um alviverde daqueles capazes de lembrar a escalação de parte do Palmeiras de 1979. De quem fez os gols da vitória num dérbi, e como.

É um filme sobre a vida.

Em que nem tudo acontece como a gente imaginou.

Continuar lendo ““O Futebol”.”

Torcida única: solução pra quem?

4 de abril de 2016

Pra começo de conversa, é lamentável receber todo domingo logo cedo notícias de brigas de torcidas organizadas Brasil afora. Algo que volta à parte policial dos meios de comunicação agora que os estaduais se aproximam da reta final. Semana passada, foi em BH. Ontem, na Grande São Paulo. E olha aí, saiu esta noite a reação da Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo aos confrontos antes do dérbi Palmeiras x Corinthians: a partir de agora e até o fim de 2016, os clássicos envolvendo os quatro maiores times do estado vão ser disputados com torcida única.

Uma medida há tempos discutida (e discutível), que pode até diminuir, mas não vai acabar por si só com as brigas de torcedores longe do estádio, em estações de transporte e praças, como foram os três principais confrontos de torcedores ontem.

Pode ter clássico de torcida única, mas quem garante que quem quiser sair de casa pra brigar não vai se reunir  em outro canto?

Outra medida polêmica: já a partir desta terça-feira, em que o São Paulo vai receber o Trujillanos, as torcidas estão proibidas de entrar nos estádios paulistas com faixas, instrumentos ou outros objetos que as identifiquem. Em qualquer jogo, com qualquer time, inclusive de outro estado ou país, no estado de S.Paulo.

Fim das bilheterias – E a partir do Brasileirão, que começa em maio, venda de ingressos no estado de S.Paulo só pela internet. O objetivo das autoridades de segurança é coibir a doação de ingressos por diretorias de clubes a torcedores organizados. Radical essa medida, seu objetivo é válido, mas sempre vai ter um jeitinho de driblar. Continuar lendo “Torcida única: solução pra quem?”

Coluna de Música do Fut Pop Clube

Foto: The Ultimate Music
Foto: The Ultimate Music

Joey Belladona, o vocalista da banda Anthrax, que abre o show do Iron Maiden neste sábado, no Allianz Parque, ganhou uma camisa do time de futebol americano do Verdão, Palmeiras Locomotives. O pesadíssimo Anthrax é de Nova York e é contemporâneo da geração de bandas como Metallica, Slayer e Megadeth, com quem forma o Big 4 do thrash metal americano. Belladona, Scott Ian, Frank Bello, Charlie Benante e  Jon Donais estão na turnê do álbum For All Kings, o 11º da banda.

No  sábado, dia do show, o pessoal do Iron Maiden, headliner da noite de peso no estádio do Palmeiras, deve ganhar uma camisa do alviverde.

Continuar lendo “Anthrax alviverde”

Uma coleção de camisas centenárias no programa “Tresloucados”

Já falamos aqui da nova versão dos “Loucos por Futebol” (saudoso programa da ESPN Brasil), o “Tresloucados”, um programa veiculado no You Tube com três dos “loucos”, o Celso Unzelte, o PVC e o Marcelo Duarte. O “Tresloucados” cresce com a presença de um convidado, como o Luiz Romano, que coleciona camisas de futebol… só de clubes centenários!  Veja o programa com o seu Luiz Romano, um dos últimos de 2015.

Que legal! E o Luiz Romano ficou bem com a camisa do Fernando Prass!

Posts relacionados:

São 50 edições do “Tresloucados” no ar (para ver todos, clique aqui). Que esses loucos tenham vida longa na rede também!

Continuar lendo “Uma coleção de camisas centenárias no programa “Tresloucados””

Copa de “cachorro grande”

River Plate do Uruguai DSC07528 (1)
Banderín: River Plate do Uruguai

Flâmula do River Plate de Montevidéu, que vai fazer sua estreia na Libertadores em 2016. O River uruguaio é o caçula da Copa, mas a Libertadores 2016 vai ser uma briga de cachorro grande. Todos os representantes brasileiros já ganharam pelo menos uma vez a Copa: Corinthians, Palmeiras, Atlético, Grêmio e, completando o trio de ferro paulistano, o São Paulo, que entra na primeira fase. Aí o tricolor pode pegar de cara um time argentino (Racing ou o Huracán), La U de Chile, o próprio River Plate uruguaio, Olimpia ou Guaraní do Paraguai ou ainda fazer uma viagem mais longa até Bolívia, Colômbia, Equador, Peru, Venezuela ou México.

Na segunda fase, teremos times com experiência em Libertadores como o atual campeão, o River Plate (o millonario de Buenos Aires, mesmo), o Boca, o San Lorenzo, o Rosario Central, o Colo-Colo, o Cerro Porteño, o Deportivo Cali, o Nacional e o Penãrol. Continuar lendo “Copa de “cachorro grande””

São Prass

20151203_163402
Flâmula do Palmeiras, tricampeão da Copa do Brasil.

Ganhar um título com gol de goleiro, convertendo o último pênalti… um título como a Copa do Brasil… a terceira Copa do Brasil… a primeira conquista na nova casa. Fernando Prass já vinha se destacando na campanha palmeirense. Na decisão por pênaltis depois da segunda partida contra o Santos, que começou e terminou à toda, Prass foi herói. Defendeu uma cobrança e bateu muito bem o quinto pênalti do Palmeiras. Gol do título. Pra virar santo entre os alviverdes, não falta quase nada… Mosaico no Allianz Parque, já tinha antes do jogo final.

Parabéns ao Prass e a todos alviverdes. Parabéns, Marcelo Oliveira.

Abaixo, a lista dos campeões da Copa do Brasil.
Continuar lendo “São Prass”

Na rede: “Som das Torcidas”, primeira temporada.

O que Tim Maia (torcedor do América-Rio), o vascaíno Martinho da Vila, o flamenguista Ary Barroso, o Jack White do White Stripes e um sucesso de Bonnie Tyler têm a ver com os times da cidade de São Paulo? Músicas de artistas como esses (mais Luiz Gonzaga, Adoniran e até fado etc etc etc) foram adaptadas por torcidas paulistanas. A relação entre música popular e futebol, os hinos, os cantos,os mantras, as batidas das torcidas são assunto da série Som das Torcidas que depois de 70 podcasts chegou ao vídeo. bannermenor_SDT_estreia-730x360Cinco curtas sobre as torcidas de times paulistanos estão na primeira temporada do Som das Torcidas, que teve uma pré-estreia no CINEfoot e desde 1º de dezembro pode ser vista na íntegra no site do programa. O pessoal da Central3 começou a série visitando estádios e conversando com torcedores de Corinthians, Juventus, Palmeiras, Portuguesa e São Paulo para tratar da história, da origem e das referências das músicas cantadas nas arquibancadas. Bem legal o trabalho de pesquisa feito para os curtas por Leando Iamin, Matias Pinto e Paulo Júnior (Leandro e Paulo apresentam a versão em vídeo do Som das Torcidas). A direção dos 5 curtas é de Pedro Asbeg (premiado diretor de “Geraldinos”, “Democracia em Preto e Branco”). Que venham outras temporadas, em outras cidades, estados e, quem sabe, países!


Continuar lendo “Na rede: “Som das Torcidas”, primeira temporada.”

Rodada paulista do CINEfoot 2015

geraldinos2Saiu a programação completa da edição paulista do CINEfoot – festival de cinema 11036802_866215093413957_5276178551288061191_nde futebol, que vai de 26 de novembro a 1˚de dezembro, primeiro no auditório do Museu do Futebol (quinta a sábado) e depois no Espaço Itaú de Cinema (rua Augusta, sábado à terça) – entrada grátis em todas as sessões. Um pouco antes, no dia 26, o CINEfoot chega a Vitória (confira a programação capixaba aqui).

Chance para ver ou rever um monte de filmes bacanas sobre a história de times, de jogadores, de torcedores – como Geraldinos, vencedor da Taça CINEfoot de longa metragem na edição carioca do festival. Concorre de novo em Sampa: é um dos 15 longas e curtas brasileiros e internacionais que disputam a Taça CINEoot 2015 (veja post anterior).

Nas sessões especiais, tem estreia brasileira do documentário do Décio Lopes sobre o Orlando City e da série “Som das Torcidas”, produção da Central3 com direção de Pedro Asberg (“Democracia em Preto e Branco”; “Geraldinos”) e homenagens à diretora Lina Chamie e aos ex-jogadores Afonsinho e Ivair e ao XV de Piracicaba.

Confira a programação completa do sexto CINEfoot em Sampa dentro do post.

Continuar lendo “Rodada paulista do CINEfoot 2015”

Lançamento: “Alex, a Biografia”.

Nesta terça-feira, o Alex que brilhou com as camisas do Coxa, do Palmeiras, Cruzeiro e Fenerbahçe ganha uma biografia, escrita por Marcos Eduardo Neves (biógrafo de Heleno de Freitas, Renato Gaúcho, Roberto Medina e Francisco Horta).

facebook.com/PlanetadeLivrosBrasil/
facebook.com/PlanetadeLivrosBrasil/

A tarde/noite de autógrafos em São Paulo é nesta terça, dia 10, a partir de 17h, na livraria Cultura do Conjunto Nacional. Continuar lendo “Lançamento: “Alex, a Biografia”.”