Livro: “À Sombra de Gigantes”

Livro: “À Sombra de Gigantes”

Madri. Paris. Londres. Berlim. Lisboa. Cinco dos principais destinos turísticos na Europa. E mais: Munique, Hamburgo, Roterdã, Turim e Glasgow. Em 50 dias, o jornalista Leandro Vignoli, gaúcho de Canoas, acompanhou os jogos de treze clubes especiais, em 10 cidades, de 8 países europeus. O foco não eram os grandes como Real Madrid, PSG, Arsenal, Chelsea, Bayern ou Juve. Mas sim aqueles que lutam para sobreviver, “À Sombra de Gigantes – Uma Viagem ao Coração das Mais Famosas Pequenas Torcidas do Futebol Europeu” – título e subtítulo do livro recém-lançado por Vignoli.

facebook.com/asombradegigantes/

É interessante, bem escrito e tem muita informação. Os ídolos, a história dos clubes, os estádios, os bairros, o perfil dos torcedores, os rivais. Cada capítulo, um time: St. Pauli, Union Berlin, Munique 1860, Fulham, Millwall, Leyton Orient, Queen’s Park (Escócia), Sparta Rotterdam, Rayo Vallecano, Espanyol, Belenenses, Torino e Red Star, de Paris. Ou seja, a viagem de Leandro Vignoli (com muitas horas de ônibus, hospedagem em hostel e dale fast food, pra economizar) é a trip dos sonhos de quem usa a hashtag “Ódio Eterno ao Futebol Moderno” e qualquer louco por futebol alternativo. Com uma pergunta em mente. Por quê? Por que torcer para times que nunca ganham títulos, ou não ganham há muito tempo?

Continuar lendo “Livro: “À Sombra de Gigantes””

A camisa do Celtic para 2017-18, inspirada no manto dos Leões de Lisboa, 1967.

A camisa do Celtic para 2017-18, inspirada no manto dos Leões de Lisboa, 1967.

4 de maio de 2017

Celtic New Balance home kit 2017-18

A New Balance Football revelou mais um uniforme para a temporada 2017-18: o primeiro uniforme do Celtic, hexacampeão escocês. Uma camisa bem classicona, sem maiores invenções, do jeito que o torcedor gosta (taí o sucesso das linhas retrôs). Pudera: the bhoys estão comemorando neste mês os 50 anos do maior título, a Copa dos Campeões da Europa de 1966-67. Final disputada no estádio Nacional do Jamor, Lisboa, em 25 de maio de 1967. A efeméride valeu um selo comemorativo em volta do escudo do Celtic, no novo home kit, com inscrições em português! Legal!  Veja ao lado. Continuar lendo “A camisa do Celtic para 2017-18, inspirada no manto dos Leões de Lisboa, 1967.”

T2 Trainspotting

16 anos

Por falar em futebol escocês, cinema e música pop, estreou no fim de março a continuação de “Trainspotting”, marco do cinema britânico na segunda metade dos anos 90, dirigido por Danny Boyle. Vinte e um anos depois, “T2 Trainspotting” chega para contar o que mudou na vida de Renton, Spud, Sick Boy e do violento Begbie, com outra excelente trilha sonora e mais referências a futebol. Especialmente ao Hibernian FC, de Edinburgo, time do coração de Irvine Welsh, autor dos livros em que se baseiam os dois filmes da “franquia” Trainspotting. Os Hibs, atualmente na segundona escocesa, tem quatro títulos da primeira divisão (o último foi em 1951-52!), três Scottish Cups (2015-16  é a conquista mais recente) e outras três copas da liga escocesa. A classificação do filme no Brasil é 16 anos. Continuar lendo “T2 Trainspotting”

Celtic Soul

FB_IMG_1491250072064.jpg
Escudo do Celtic FC, campeão escocês pela 48ª vez – a sexta Scottish Premier League seguida. Pode ser campeão invicto. Ainda tem chance de ganhar o triplete nacional – já ganhou a Copa da Liga Escocesa e desafia os arquirrivais Rangers na semifinal da Copa da Escócia. E em maio, o time dos católicos de Glasgow celebra meio século do título europeu – venceu a Copa dos Campeões (hoje Liga dos Campeões), em Lisboa, contra a Internazionale.

Um filme sobre a paixão pelo clube escocês completou o circuito de festivais de cinema de futebol na Europa: Celtic Soul, de Michael McNamara, conta a saga do comediante canadense Jay Baruchel para ver conhecer o mítico Celtic Park, ao lado do jornalista Eoin O’Callaghan, com quem fez contato via Twitter. Atração dos festivais Offside (Barcelona), Thinking Football (Bilbao) e 11mm (Berlim). Confira o trailer e torça para passar aqui, quem sabe no Cinefoot?

E por falar em apaixonados pelo campeão escocês… Continuar lendo “Celtic Soul”

Rangers: de primeira.

FB_IMG_1459947476527 Distintivo do  Rangers Football Club, campeão da segunda divisão da Escócia. Isso mesmo. O Rangers é um dos times mais tradicionais do mundo, tem nada menos que 54 títulos escoceses de primeira e faz contra o Celtic um dos clássicos de maior rivalidade do planeta bola, o Old Firm Derby. Há quatro anos, o Glasgow Rangers quebrou. Faliu. Foi parar na quarta divisão, foi vendido, o nome mudou um pouco, hoje oficialmente é só Rangers. Começou a subir degrau por degrau. Da quarta divisão pra terceirona, daí pra segundona. Na temporada passada, o acesso bateu na trave. Time de torcida fanática: ontem, 48.568 lotaram o Ibrox Stadium pra ver a vitória por 1×0 sobre o Dumbarton, o título da segundona (Scottish Championship) e o principal feito: a volta à Scottish Premiership, quatro anos depois do que poderia ser o fim dos Light Blues.

  • Vídeo do Rangers resume um dia de jogo no Ibrox Stadium:


Torcedores dos dois lados de Glasgow – os protestantes de azul e os católicos de verdes – não precisam esperar a temporada 2016-2017 para mais um Old Firm Derby. O Rangers enfrenta o Celtic na semifinal da Copa da Escócia, no meio de abril, no Hampden Park.

Continuar lendo “Rangers: de primeira.”

Celtic 2015-16

Celtic 2015-16

11427214_981760115197227_1421427366162673926_nO campeão escocês revelou a camisa reserva (away kit) da temporada 15-16. O uniforme 2 do Celtic, quase todo verde, tem finas listras francas na camisa, que agora é feita pela New Balance. 11033129_10153043840023246_1786811301907526539_o
É o time que está no coração do cantor Rod Stewart!


Tem show que ele canta essa música com a camisa do Celtic.
Ontem, o clube anunciou que o seu Celtic Park, que tem uma das atmosferas mais animadas para o futebol, vai ter um setor para 2.600 torcedores ficarem em pé (safe standing).

Dentro do post, mais detalhes da camisa 2 e também da titular, que já tinha sido revelada semanas atrás.
Continuar lendo “Celtic 2015-16”

Do coração e da alma

Por falar em rock e futebol, tema do post anterior, repercutiu na internet o choro do cantor Rod Stewart, na vitória do seu time time de coração e de alma, o Celtic, contra o poderoso Barcelona do jovem pai Messi, no Celtic Park, que dizem, tem uma atmosfera  s e n s a c i o n a l  pra ver futebol. O blog Donas do Campinho selecionou um trecho de um show do vocalista escocês com a linda balada “You´re In My Heart” – em que a certa altura da letra, Rod fala que a garota é o sonho de qualquer sonho, é o Celtic, é o (Manchester) United, é o melhor time que ele viu – mais ou menos na mesma licença poética usada pelo Mundo Livre S/A na linda “Meu Esquema”. Nessa canção, no Royal Albert Hall, alguns fãs e torcedores mostram camisas e posters do Celtic – o próprio vocalista está com uma camisa verde, com o nome do Celtic nas costas. Celtic que em 2012 comemora 125 anos. Foi fundado em 1888!

Aliás, na superquarta de Champions League, o outro time de Rod Stewart também venceu. Manchester United 3×1, de virada, no belo estádio municipal de Braga.

Em agosto de 2012, o site da Fifa em português publicou um texto –“Rock and Roll Futebol Clube” – com uma foto de 1973 de Elton John e Rod Stewart treinando no campo do Watford – clube de coração de Elton John, que o cantor/pianista chegou a presidir.