Sul-americanos brilham na Espanha

Bonita homenagem feita antes do clássico entre o Espanyol de Barcelona e o Real Madrid a Dani Jarque, o capitão do clube catalão que morreu de ataque cardíaco há um mês – além de minuto de silêncio, aos 21 minutos a torcida lembrou do jogador, que usava a camisa 21. Foi o 1º jogo de campeonato no novíssimo estádio do Espanyol, Cornellà-El Prat, na região de Barcelona. 40.500 lugares, quase todos cobertos (veja fotos). Depois da venda e demolição do Sarriá (aquele da Copa de 82, local de Brasil 2×3 Itália), o Espanyol mandava seus jogos no estádio Olímpico de Montjuic (descobri no site do diário catalão Mundo Deportivo a capa da edição após o último jogo no Sarriá, em junho de 1997).

No campo, deu Real Madrid. Kaká participou de 2 gols. No primeiro, tabelou com Granero, jogador revelado pela filial (Real Madrid Castilla) com passagem pelo Getafe, que fez um golaço. Já o segundo gol do Real, de Guti, nasceu numa jogada toda de Kaká pela esquerda. O que3 levou o site do diário Marca a manchetar: “Kaká comanda a goleada do Real Madrid” (bom saber que os panhóis consideram 3×0 goleada) Cristiano Ronaldo entrou no decorrer do segundo tempo no lugar de Benzema e fechou a goleada, sim. 3×0.

Já o arquirrival de Real Madrid e Espanyol venceu em Getafe. Barcelona 2 a 0, gols de “Ibra” e do argentino Messi. Barça e Real lideram. Venceram as 2 partidas.

Sobre a goleada do Sevilla, 4 a 1, o mesmo Marca destaca: ” O 9 do Brasil destrói o Zaragoza. Luís Fabiano, o nome da fera, marcou duas vezes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.