Podcast sobre o Athletic

A nova catedraç de San Mamés. @futpopclube
A nova catedral de San Mamés. @futpopclube

Convidamos o amigo Raphael Sanz, de família basca, que nos apresentou a torcida do maior representante futebolístico do Euskadi. A forte identidade regional, as rivalidades com os clubes madrilenhos, muito folclore e rock cantado em euskara, ressonando desde a Herri Norte, que faz pulsar o renovado San Mamés.bannermenor_SDT_estreia-730x360
Por falar na série Som das Torcidas, da Central3 (veja post anterior), os podcasts que inspiraram a primeira temporada em vídeo contam com mais de 70 programa. O podcast Som das Torcidas #71 fala do Athletic Club, de Bilbao, a influência dos ingleses, a ligação com o Atlético de Madrid (que nasceu como filial do clube de Bilbao), os anos sob Franco, as principais características – como só ter jogadores de origem basca, a torcida dos leones e, claro, cantos e músicas ouvidos em San Mamés. Ao lado do convidado Raphael Sanz, os titulares do programa rolam bandas como Escorbuto, Su Ta Gar e M.C.D. (Me Cago en Dios). Confesso que não conhecia a versão em castelhano do hino do Athletic – completamente diferente do hino que se ouve na ‘catedral’.

Dá pra ouvir e baixar o programa aqui. Uma boa pra ouvir no trânsito!
Continuar lendo “Podcast sobre o Athletic”

Price of Football

pof-logoQuanto um torcedor gasta para ver uma temporada toda do time de coração no estádio? A BBC Sport divulgou esta semana Price of Football, sua pesquisa anual sobre o custo de acompanhar um time no futebol europeu: ingresso para um jogo, carnê para a temporada toda, camisas oficiais, programas de jogos, chá e até um pedaço de torta, nos estádios britânicos (diferentes divisões, futebol feminino inclusive) e também custos para torcedores de outros 27 times europeus (da Espanha, Alemanha, Itália, Portugal, França, Noruega, Dinamarca e Suécia). O Swansea City foi o único time britânico que não quis participar da pesquisa da BBC.

Na Premier League, o torcedor do Arsenal é o que paga mais pra acompanhar os gunners no Emirates: 1.014 libras custa o carnê mais barato pra temporada e 2.013 libras o mais caro (o season ticket mais caro da liga inglesa). Custo de ingresso para um jogo só no Emirates Stadium: de 27 libras (12% abaixo da média da Premier League) a 97 libras (o ingresso mais caro do campeonato inglês).

O season ticket mais em conta é o oferecido pelo Stoke City, 294 libras, um pouco menos que o carnê de temporada mais barato pro torcedor citizen: 299 libras pra ver o Manchester City o ano todo.

Já as camisas variam de 40 libras (Bournemouth) a 60 libras (as novas do Manchester United).

Na segundona inglesa, a Championship, o ingresso pra temporada mais em conta varia de 135 (Reading) a 531 libras (Hull City).

Entre os 27 times da Europa continental pesquisados pela BBC Sport, o Barça e o Benfica apresentam os carnês mais baratos, um pouco menos de 74 libras por sócio pra acompanhar a #época completa. Enquanto isso, o torcedor da Juve paga no mínimo o equivalente a 320,90 libras pra entrar no Juventus Stadium durante toda a Serie A.

No Santiago Bernabéu, o sócio madridista paga o equivalente a 166,42 libras (no mínimo) até 1.305,99 libras (máximo) pelo carnê da temporada toda de La Liga.

No Camp Nou, chama a atenção o preço mais caro de ingresso para um único jogo: o equivalente a 275,38 libras (o mais barato custa 17,16 – certamente lá no alto do imenso estádio). Lembrando que todos os dados são da pesquisa Price of Football 2015 da BBC Sport.

Continuar lendo “Price of Football”

Espanha, sua linda!

Espanha, sua linda!

Está de volta a liga das estrelas! A bola já rola no campeonato espanhol. Houve algumas perdas, como as recentes vendas de Pedro (do Barça pro Chelsea) e a do zagueiro argentino Otamendi (do Valencia pro Manchester City). O Sevilla negociou seu melhor atacante pro Milan. Xavi foi pro Qatar. Casillas foi pro Porto. Por outro lado, o Real Madrid trouxe Kovacic da Inter e Danilo e Casemiro dos Dragões.  Também do Porto – como vende bem! – o Atlético de Madrid trouxe Jackson Martínez. Perdeu Arda Turan pro Barça, mas a estreia vai ser apenas em 2016. Os trios MSN e BBC continuam firmes.

Convido vocês a refazer virtualmente os giros do Fut Pop Clube por dez dos vinte estádios da primeira divisão!

Começando pelo Camp Nou!

camp nou 018
Este ano o blog acompanhou in loco a grande vitória do Barça sobre o PSG, no caminho de Berlim. Em 2011, viu o Pep Team conquistar a Supercopa no segundo e nervoso El Clasico contra o Real de Mourinho.

Também revisitei o Campo de Fútbol de Vallecas, do guerreiro Rayo Vallecano. Detalhe: foi contra o vizinho rico, o Real Madrid.

Campo de Vallecas.
Campo de Vallecas.

Continuar lendo “Espanha, sua linda!”

Aúpa! Athletic Club 2015-16.

Aúpa! Athletic Club 2015-16.

Atualizado em agosto


O Athletic Club, tradicionalíssimo time de Bilbao, nunca caiu no campeonato espanhol. Começou a temporada 2015-16 conquistando a Supercopa da Espanha depois de 31 anos, contra um Barça campeão de quase tudo, passou prea fase de grupos da Liga Europa, mas derrapou nas duas primeiras rodadas de La Liga – e ainda tem a Copa do Rei pela frente! Ufa e  #AúpaAthletic!
galeria74017

  • >Chegaram > Raúl García (ex-Atlético de Madrid), Eneko Bóveda (Eibar), Javi Eraso (estava no Leganés), Gorka Elustondo (defendia a Real Sociedad)
  • < Saiu< Iraola (New York City FC)
  • Jovem ídolo: Iker Muniain, acabou de renovar contrato por mais 4 anos.

FA15_FB_WE_CLUBKIT_Bilbao_Muniain-003_native_1600

  • Destaque na temporada 14-15: Iñaki Williams, o primeiro negro a marcar gol com a camisa rojiblanca do Athletic. Tem origens liberianas e ganesas, mas nasceu no País Basco.
  • Técnico: Ernesto Valverde.
  • Uniformes: Nike. O fabricante americano revelou a a nova “indumentária” dos leones: desta vez, a primeira “equipación” do Athletic tem apenas 5 listras. Elas ficaram bem mais largas. Muniain, Iñaki Williams, o atacante Aduriz, o capitão Gurpegui, o goleiro Iraizos e o meio-campo Iturraspe participaram da apresentação oficial do primeiro uniforme rojiblanco, no prédio mais alto de Bilbao, a Torre Iberdrola (entre o Guggenhein e o novo San Mamés).
    11692739_974804762551286_5375336177074509923_n
    Aduriz, Muniain, o capitão Gurpegui, o goleiro Iraizoz, Iturraspe e Iñaki Williams na apresentação do 1º uniforme.

    galeria74018
    Três listras vermelhas e duas brancas na frente

Continuar lendo “Aúpa! Athletic Club 2015-16.”

Oito arenas brasileiras concorrem na votação do Stadium of the Year 2014

10842121_759810460767363_6304850053775481397_o
O site StadiumDB.com (Stadium DataBase) abriu na internet a votação do melhor estádio de 2014.

 

Entre os 32 indicados, há 8 brasileiros: seis inaugurados ou reabertos a tempo do Mundial 2014 (Arena Amazônia, Arena Corinthians, Arena da Baixada, Arena das Dunas, Arena Pantanal, Beira Rio) e mais o Allianz Parque e o estádio Kléber Andrade, em Cariacica (ES) – Paul McCartney fez shows nos dois últimos estádios.

O novo San Mamés – cartão postal de Bilbao – e o reformado Vélodrome, de Marselha, também estão na lista.

Já imagino que deve rolar um dérbi nessa votação…  que vai até 17 de fevereiro, Continuar lendo “Oito arenas brasileiras concorrem na votação do Stadium of the Year 2014”

Amistoso: País Basco x Catalunha.

Atualizado em 29/12/2014

10865858_326047724270499_626683462185389447_o
As seleções do País Basco e da Catalunha disputam um amistoso neste último domingo de 2014, na nova catedral de San Mamés, em Bilbao. Tanto as seleção catalã como a basca costumam disputar um amistoso nesta época e desta vez vão se enfrentar, no final de um ano em que muito se discutiu a proposta de independência da Catalunha (também teve plebiscito sobre a separação da Escócia). Dentro da Espanha, Catalunha e País Basco são as regiões onde mais se pede independência – conseguindo ao menos mais autonomia. O amistoso também serve para comemorar o centenário do primeiro jogo entre bascos e catalães, disputado em 3 janeiro de 1915, no velho San Mamés. Há um século, os bascos ganharam por 6 a 1. Quatro gols de Pichichi – ídolo do Athletic que é sinônimo de artilheiro no futebol espanhol.

O certo é que o amistoso vai ter um grande esquema de segurança, que promete revista rigorosa nos torcedores, como diz esta reportagem do diário Sport, E muitas caras conhecidas dos fãs do futebol internacional.

Do Barça, o técnico da seleção catalã, Gerard López, chamou nomes como os meio-campistas Xavi e Busquets, defensores como Piqué, Jordi Alba, Bartra e Montoya e o goleiro Massip. Também há 4 jogadores do Espanyol (o goleiro Kiko Casilla, Victor Álvarez pra defesa, o meio-campo Víctor Sánchez, e o atacante Sergio Garcia) e catalães que jogam em times de outras regiões, como Álvaro Vázquez (Getafe), Deulofeu (emprestado pelo Barça ao Sevilla), Fontás e Gómez (Celta), Piti (Granada) e De La Bella (que joga justamente no País Basco, pela Real Sociedad).

Uniforme da seleção basca
Uniforme da seleção basca

A seleção basca tem quase um time inteiro do Athletic Club,  do goleiro Iraizoz ao atacante Aduriz, passando por zagueiros (Aurtenetxe, Balenziaga, Etxeita, San José) e meio-campistas (Beñat, Ibai Gómez, Iturraspe, Susaeta). Há ainda atletas da Real Sociedad, do Eibar e do Osasuna.

  • Fontes:
  1. El Gol Digital
  2. site da federação basca
  3. site da federação catalã
  4. Reportagem em vídeo da EiTB, com depoimento de Xavi

Confira dentro do post os resultados de todas as partidas entre Catalunha e País Basco, já com o resultado do último domingo de 2014.
Continuar lendo “Amistoso: País Basco x Catalunha.”

Aupa, Athletic!

Atualizado em 27 de agosto de 2014

DSC04736
O novo San Mamés, em maio de 2014. @FutPopClube

Passada a fase de play-offs contra o Napoli, enfim, o Athletic do técnico Ernesto Valverde pode comemorar para valer a volta à Champions League, depois de uma década e meia. O time é guerreiro, daqueles que não desiste nunca, e tem espírito de equipe. Conta com a força da torcida e da nova #catedral de San Mamés, um dos estádios mais bonitos do mundo – um cartão postal de Bilbao perfeitamente integrado à vida da cidade. Fica ao lado do rio que dá o nome à cidade, do lado da rodoviária, de estação do metrô, de paradas do moderno bonde (“tram”) de Bilbao. E San Mamés joga junto. Aupa!

Este slideshow necessita de JavaScript.

DSC05573

  • >IN>: Borja Viguera (atacante,  Aavés) e o zagueiro Jon Aurtenetxe (estava emprestado ao Celta).
  • <OUT<: Ander Herrera (Man United) foi a principal perda.
  • Estrelas da companhia: Iraizoz, Gurpegui, Iraola, San José, De Marcos, Iturraspe, Susaeta, Toquero, Arduriz.
  • Jovens: Muniain, titular há algumas temporadas, renovou contrato com os Leones.
  • Técnico: Ernesto Valverde
  • Estádio: o novo San Mamés, erguido ao lado do local onde estava a velha “catedral”, está todo pronto agora. As fotos que mostram a impactante nova fachada são do rolê do blog por Bilbao em maio de 2014. Capacidade: 53.332 torcedores. Média de público na última liga espanhola: 32.850, a 48ª da Europa. Essa média deve subir agora, com o estádio todo pronto.

    Este slideshow necessita de JavaScript.

  • Uniformes: a Nike já apresentou os kits 1 e 2. Abra a galeria para ver os detalhes.

Continuar lendo “Aupa, Athletic!”