Viu #TheDamnedUnited, “Maldito Futebol Clube”? Pois outro filme vai contar a era Brian Clough no Nottingham Forest!

11377230_964484486929330_7428304485425754291_nO Notthingam Forest, que comemora 150 anos em 2015, anunciou a pré-estreia mundial do filme “I Believe in Miracles”, sobre o time treinado por Brian Clough, que conquistou a Copa dos Campeões (hoje Liga dos Campeões), na temporada 1978-79 (1-0 sobre o Malmö, no estádio Olímpico de Munique) e um ano depois foi bicampeão europeu (outro 1 a 0, sobre o Hamburgo, no Bernabéu). A “avant premiere” do filme – que está sendo muito elogiado por quem viu, segundo relatos que chegam de Nottingham – vai ser num domingo, 11 de outubro, no estádio do Forest (hoje na segunda divisão inglesa), o City Ground (foto abaixo).11219676_1021434907900954_684668470163520370_n
Quinze mil pessoas são esperadas no estádio pra ver o documentário produzido por Jonny Owen. Depois, “I Believe In Miracles”vai passar em alguns cinemas ingleses (entra em circuito em 13 de outubro). Sai em DVD e Blu-Ray na terra da rainha em novembro.

O polêmico treinador Brian Clough já foi tema de outro filme, estrelado por Michael Sheen, na cinebio “The Damned United”, de Tom Hooper (no Brasil, “Maldito Futebol Clube”, veja post anterior). Nesse filme, o assunto é o acesso do Derby County à primeira divisão, a conquista do título, a participação na Copa dos Campeões (parou na Juve, nas semifinais) e a atribulada e curta passagem de Brian Clough pelo Leeds United, já sem o braço direito, o parceiro Peter Taylor.

“Maldito Futebol Clube” termina com rápidas cenas reais, de arquivo, da reconciliação de Brian Clough com Pete Taylor, que tiraram o Nottingham da segundona e o levaram ao título da elite inglesa e ao bicampeonato europeu. Feito inédito para um técnico inglês. Só deu Forest na Europa na virada dos 70 pros 80, mas Clough não chegou a comandar o English Team.

A equipe do doc “I Believe in Miracles” entrevistou todos os 15 jogadores que saíram jogando na temporada do primeiro título europeu dos vermelhos e brancos. Claro, tem muito material de arquivo. E vai falar da cidade onde o time nasceu. Tomara que passe no Brasil.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Tomara que o Forest volte pro seu lugar: a Premier League!

  • Fontes consultadas:
  1. The Guardian
  2. Notthingam Post
  3. Site do Forest

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s