O Palmeiras, com todo o cartaz.

Poster do filme "Palmeiras - O Campeão do Século". Estreia: 22 de setembro de 2016.
Poster do filme “Palmeiras – O Campeão do Século”. Estreia: 22 de setembro de 2016.

O Palmeiras está com o maior cartaz. Não só lá no alto do Brasileirão 2016, como em cinemas de Sampa, São Bernardo, Ribeirão e Jundiaí, a partir desta quinta, 22 de setembro. “Palmeiras – O Campeão do Século”, o segundo filme do jornalista Mauro Beting, dirigido a quatro mãos com Kim Teixeira (produtor executivo da estreia de Beting, 12 de Junho de 1993), conta os 102 anos de história do alviverde, da fundação como Palestra Itália e o primeiro título paulista ao último pênalti da Copa do Brasil 2015, passando é claro pela Copa Rio 1951 (o mundial do Verdão), o fim do jejum e a Libertadores de 99. É mais uma produção sobre futebol da Canal Azul (o próprio  12 de Junho de 1993100 Anos de Seleção Brasileira e vários filmes sobre outros times)

Confira o trailer:

A partir de 22 de setembro de 2016 nos cinemas:

  • Espaço Itaú Pompeia – Shopping Bourbon
  • Cinépolis – São Bernardo Plaza Shopping
  • Cinépolis – Iguatemi Ribeirão Preto
  • Cinépolis – Jundiaí Shopping

Ficha técnica: Continuar lendo “O Palmeiras, com todo o cartaz.”

Álbum de figurinhas do Palmeiras

002762PBB_0
Saiu um álbum de figurinhas do Verdão: Palmeiras – Centenário de Glórias é um lançamento da Panini. São ao todo 400 cromos adesivos (100 metalizados ou em tecido) pra preencher o álbum de 66 páginas.

Caricatura de Julinho Botelho
Caricatura de Julinho Botelho

Palmeiras – Centenário de Glórias conta a fundação do Palestra, o primeiro campo, a primeira conquista e o primeiro gol. Inclui raridades como reproduções das primeiras carteirinhas de títulos de sócio.

Tem espaço para autógrafos e fotos que o colecionador quiser acrescentar e, entre as 100 figurinhas especiais, estão a do Time dos Sonhos: caricaturas de Marcos, Djalma Santos, Luiz Pereira, Waldemar Fiúme, Roberto Carlos, Dudu, Ademir da Guia, Jair Rosa Pinto, Heitor, Rivaldo e Julinho Botelho ( veja ao lado).

Timaço!
Timaço!

Um encarte duplo de seis páginas traz o índice da publicação em formato de linha do tempo, registrando no verso a evolução dos escudos do Palmeiras. E mais: tem a história do estádio desde seus primeiros tijolos até a reconstrução total inaugurada em 2014, os grandes goleiros, as estatísticas  e todas as camisas que fazem parte da história do time, além de uma página dedicada a artistas do cartum palmeirenses.marcos(1)
002762PBB_1

Pra quem gosta da história do futebol brasileiro e tiver paciência de colecionar figurinhas, vale a pena até se não torcer pro time.
A edição simples tem capas em acabamento especial dourado e verde metálico, com o escudo em alto relevo e inclui ainda um encarte especial duplo de seis páginas. Uma versão em capa dura já está disponível, com preço sugerido de R$ 36,90 em um kit incluindo 10 envelopes (50 figurinhas).

Continuar lendo “Álbum de figurinhas do Palmeiras”

Palmeiras 2015

facebook.com/sePalmeiras
facebook.com/sePalmeiras
  • Novidades > Marcelo Oliveira (técnico bicampeão brasileiro pelo Cruzeiro). Alecsandro (o AlecGol, bom centroavante, estava no Flamengo).
  • < Saíram: Ayrton e Alan Patrick (Flamengo). Oswaldo de Oliveira (treinador).
  • Estrangeiros:  Valdívia, Cristaldo, Tobio, Allione, Mouche.
11430119_10153383859309467_6991432742589830709_o
facebook.com/sePalmeiras

A arena mais nova do país

10420202_787923507910926_4097460448690462244_n
Chegou o dia! Não foram poucos os palmeirenses que foram às ruas de Sampa nesta quarta-feira, 19 de novembro de 2014, vestidos com suas camisas preferidas. Verdes, oficiais, retrôs, comemorativas e até azuis e amarelas. A data exata do centenário da Sociedade Esportiva Palmeiras foi comemorada há pouco menos de 3 meses e o time ainda luta pra se garantir na elite do futebol brasileiro. Mas a partida desta noite contra o Sport é muito especial. Marca a volta do alviverde imponente àquela quadra entre a rua Turiassu e a avenida Francisco Matarazzo, onde até 2010 ficava o velho, simpático e aconchegante estádio Palestra Itália.

Tomara que clube e construtora se entendam de vez, e o moderníssimo Allianz Parque – uns 43 mil lugares em jogos, 55 mil em megashows ou 12 mil na modalidade anfiteatro – ajude o Palmeiras a voltar a viver bons tempos, com elencos à altura das tradições da Academia. Continuar lendo “A arena mais nova do país”

Camisa retrô em homenagem ao centenário do Palmeiras.

O preço é bem salgado – quase 500 reais – mas certamente vai ter alviverde economizado muito para comprar esta bela camisa retrô de 1914, que foi lançada pela Adidas Originals, em homenagem ao centenário do Palmeiras, um dos clubes vestidos pela marca das 3 listras no Brasil.
São apenas duas mil camisas à venda. Cada uma vem numa embalagem especial, de madeira – segundo a fabricante, às caixas usadas para embalar os uniformes na época de fundação do Palestra Itália – cujas iniciais estão bordadas no kit.

É bom lembrar que para este ano de centenário, a Adidas já lançou quatro uniformes oficiais de jogo do Palmeiras, fora uma camisa de goleiro.
Ainda este ano, o palmeirense deve ganhar de presente um dos estádios mais bonitos do país, o Allianz Parque. Segundo reportagem do esporte da Folha de S.Paulo,  em setembro vai rolar um evento-teste para 3 mil torcedores,  com a exibição de um filmaço sobre o período que foi do fim da Academia ao fim do jejum. 12 de Junho de 1993 – O Dia da Paixão Palmeirense”, de Mauro Benting e Jaime Queiroz. Tive a chance de ver no festival CINEfoot e tenho certeza que o alviverde vai se emocionar. Continuar lendo “Camisa retrô em homenagem ao centenário do Palmeiras.”

O Palmeiras, no semestre do centenário.

Atualizado em 3 de setembro

O clube quem em 26 de agosto de 1914 foi fundado como Palestra Itália experimenta no ano do centenário uma mini “invasão” argentina. Veio o técnico Ricardo Gareca (e já foi embora). Chegaram o zagueiro Fernando Tobio, o atacante Lucas Mouche, o meia Agustín Allione, e por último, Cristaldo.

O Palmeiras já tinha os uruguaios Victorino e Eguren, o paraguaio Mendieta e o chileno Valdívia, que foi para os Emirados Árabes ( e voltou. Voltou?). Podem jogar até cinco estrangeiros.

Mas a grande notícia pode ser a inauguração do Allianz Parque, no lugar do tradicional Parque Antarctica | Palestra Itália. O gramado começou a ser plantado em 12 de julho. O novo estádio terá 45 mil lugares, todos cobertos.

  • >IN > Ricardo Gareca (técnico), Cristaldo (ex-Metalist), Fernando Tobio, Lucas Mouche, Allione.
  • OUT< Alan Kardec (São Paulo).
  • Estrangeiros: Valdívia, Eguren, Mendieta, Tobio, Victorino, Allione, Mouche e Cristaldo.
  • Estrelas da companhia: Fernando Prass (machucado), Lúcio, Wesley, Bruno César, Diogo.
  • Técnico: Ricardo Gareca Dorival Júnior
  • Estádio: manda seus jogos no Pacaembu até a inauguração do Allianz Parque.
  • Uniformes: o clube acaba de lança o quarto uniforme do ano do centenário. Uma camisa azzurra. É com ela que o Palmeiras enfrentou a Fiorentina em 30/7/14, no Pacaembu, pela Copa EuroAmericana.

  • E na galeria de imagens abaixo, o uniforme III do ano do centenário. Haja grana no bolso do colecionador.

    Este slideshow necessita de JavaScript.

Continuar lendo “O Palmeiras, no semestre do centenário.”

Palestra Itália

http://www.cruzeiro.com.br/

O celeste Cruzeiro e o alviverde Palmeiras têm algo em comum, além de estarem com 9 dedos e meio na taça das duas principais divisões do Campeonato Brasileiro. Ambos têm origens ligadas à comunidade italiana, embora tenham atravessado e muito o limite das colônias. E ambos se chamaram Palestra Itália.

O Cruzeiro nasceu Societá Sportiva Palestra Itália em 1921, foi Sociedade Sportiva Palestra Itália, Palestra Mineiro, Ypiranga (por 1 jogo) e enfim, Cruzeiro –  virtual grande campeão da Série A em 2013.

O Palmeiras nasceu Palestra Itália em 1914, virou Palestra de São Paulo e, afinal, Sociedade Esportiva Palmeiras – a um pontinho do título da Série B. Continuar lendo “Palestra Itália”