Seleção de camisas

Seleção de camisas

A adidas já apresentou as camisetas titulares das seleções classificadas para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, que têm contrato com a marca. E como os sites especializados já vinham avisando, a linha é retrô, com um olho voltado para os anos 80 e 90, em especial, e muitos desenhos geométricos. Clique em qualquer foto abaixo para abrir a galeria.

Começando pela dona da casa.

Home kit. Rússia 2018, adidas.

A Rússia vai tentar sua primeira conquista Mundial com uma “home jersey” que lembra a camiseta usada na final do futebol olímpico, nos jogos de Seul, 1988. Os soviéticos levaram a medalha de ouro depois de derrotar por 2×1 a seleção olímpica brasileira, treinada por Carlos Alberto que tinha Taffarel, Jorginho, Geovani, Bebeto e o genial Romário. A URSS também foi campeã da primeira Euro, em 1960.
Mais seleções dentro do post! Continuar lendo “Seleção de camisas”

Zamora

https://www.facebook.com/RCDEspanyol/?ref=ts
https://www.facebook.com/RCDEspanyol/?ref=ts

Ele foi um goleiro tão bom que leva o nome de Zamora o nome do prêmio dado ao melhor “portero” de cada campeonato espanhol pelo diário esportivo madrilenho Marca. Ricard Zamora era de Barcelona e estreou no Espanyol em 22 de abril de 1916 (jogaria também pelo Barça, Real Madrid, pela seleção espanhola (Olimpíadas e Copa do Mundo) e pela catalã. Pra marcar o centenário da estreia, na partida desta terça-feira contra o Celta os goleiros do Espanyol vão usar uma camisa feita pela Joma em homenagem a Zamora.

https://www.facebook.com/RCDEspanyol/?ref=ts
https://www.facebook.com/RCDEspanyol/?ref=ts

//platform.twitter.com/widgets.js
Continuar lendo “Zamora”

#Euro2016: a nova camiseta da Espanha, atual bicampeã. #LaRoja!

A Adidas apresentou hoje, na Ciudad del Fútbol de Las Rozas, perto de Madri, a a camisa que a seleção espanhola vai usar na França, para tentar o tricampeonato consecutivo da Eurocopa. Clássica, sem muita frescura, com um quê de retrô a camisa nova de #LaRoja. Gostei!

Camiseta nova da Espanha, modelo Euro 2016. adidas.
Camiseta nova da Espanha, modelo Euro 2016. adidas.

A seleção da Espanha começa a usar o novo kit nos amistosos contra Inglaterra e Bélgica. Depois de jogar toda de vermelho na decepcionante campanha no Brasil 2014, o calção volta a ser azul.

O capitão Casillas comandou até selfie com os bicampeões…
12193812_855730951189516_1791697446255502910_n
… e olha o resultado da foto, que o agora goleiro do Porto publicou na sua conta no Twitter.

//platform.twitter.com/widgets.js Continuar lendo “#Euro2016: a nova camiseta da Espanha, atual bicampeã. #LaRoja!”

Muchas gracias

Curitiba
Curitiba

Com o 3×0 sobre a Austrália, na Arena da Baixada, em Curitiba, a Espanha se despediu  da Copa de 2014. Este jogo está sendo considerado o fim da geração do tiki-taka, aquela posse de bola que tanto irritou quem não gosta da seleção espanhola, mas que entre a Euro 2008 e a Euro 2012, incluindo a Copa do Mundo 2010, significou o melhor futebol do mundo.

Nos últimos tempos, da final da Confed 2013 para cá, talvez tenha faltado exatamente a fúria do velho apelido da seleção, que adotou o “La Roja” mais recentemente, para ira dos chilenos.

Obrigado ao Xavi, volante com excepcional passe, que não deve jogar mais pela Fúria / La Roja.

Gracias, David Villa, maior artilheiro da história da seleção espanhola, que se despediu com mais um gol – de letra-e muita emoção. Pena que o “Guaje” só entrou no 3º jogo… Boa sorte no NYCFC.

Valeu!

Diego Costa está entre os 23 convocados por Del Bosque. La Roja rumo ao bi?

Curiosidade: seis jogadores do Barça, base da seleção espanhola campeã de quase tudo, foram chamados por Vicente Del Bosque para vir ao Brasil. Quatro são do Atleti, campeão espanhol, incluindo Diego Costa. Do Real Madrid, campeão europeu, Casillas, Sergio Ramos e Xabi Alonso. Napoli, Man United, Bayern e Chelsea têm dois jogadores cada. Man City e Arsenal também estão representados. Notamos a ausência na lista dos 23 de jogadores do Athletic, do Valencia, do Sevilla…

Dos “convocados” para o ãlbum de figurinhas da Copa, estão fora Arbeloa, Navas e Negredo.
Confira os relacionados por Del Bosque.
GOLEIROS:
Iker Casillas (Real Madrid),
Pepe Reina (Napoli),
David De Gea (Manchester United).

Mascote da Espanha bolado por Lais Sobral : http://www.flickr.com/photos/lais-sobral/
Mascote da Espanha bolado por Lais Sobral : http://www.flickr.com/photos/lais-sobral/

DEFESA:
César Azpilicueta (Chelsea),
Gerard Piqué (Barça)
Sergio Ramos (Real Madrid),
Jordi Alba (Barça),
Javi Martínez (Bayern),
Raúl Albiol (Napoli),
Juanfran (Atlético de Madrid).
MEIO-CAMPO:
Sergio Busquets (Barça)
Xabi Alonso (Real Madrid)
Xavi (Barça)
Koke (Atlético de Madrid)
David Silva (Manchester City)
Cesc Fábregas (Barça)
Juan Mata (Manchester United),
Santi Cazorla (Arsenal)
Andrés Iniesta (Barça)
ATAQUE:
Pedro Rodríguez (Barça),
Diego Costa (Atlético de Madrid)
David Villa (Atlético de Madrid),
Fernando Torres (Chelsea). Continuar lendo “Diego Costa está entre os 23 convocados por Del Bosque. La Roja rumo ao bi?”

Tabela do Grupo B do Mundial. Os jogos da Espanha, Holanda, Chile e Austrália.

A campeã do mundo também não teve lá muita sorte. Logo na primeira rodada, enfrenta uma “revanche” (note as aspas) da final de 2010, contra a Holanda, na Fonte Nova, em Salvador. Na segunda rodada, um duelo La Roja x La Roja. Espanha x Chile no Maracanã. Só na terceira rodada – que pode ser a última?-, os bicampeões europeus pegam um adversário mais tranquilo: a Austrália. Um grupo com pedreiras, este B, de britadeiras!

  • JOGO PRA IR! Espanha x Holanda logo na sexta 13/06, às 16h, na Arena Fonte Nova, em Salvador.
  • Chile x Austrália, também na sexta, 13/06, às 18h locais de Cuiabá (19h de Brasília), na Arena Pantanal.
  • JOGO PRA IR! Espanha x Chile – quarta 18/06, às 16h, no Maracanã, Rio de Janeiro.
  • Austrália x Holanda – também na quarta 18/06, às 13h, no Beira-Rio, estádio do Inter de Porto Alegre.
  • Austrália x Espanha – na segunda 23/06, às 13h, na Arena da Baixada, estádio do Atlético Paranaense, em Curitiba.
  • JOGO PRA IR! Holanda x Chile – também na segunda 23/06, no mesmo bat-horário, 13h. Arena Corinthians, em São Paulo.

Continuar lendo “Tabela do Grupo B do Mundial. Os jogos da Espanha, Holanda, Chile e Austrália.”

Da Fúria à La Roja

Capa da edição inglesa do novo livro de Jimmy Burns

Fiquei sabendo via caderno de Esportes do ‘Estadão’ de um livro que pode interessar a todos os “futboleros” que se interessam pelo futebol espanhol ou se interessam por ler e pesquisar sobre história desse esporte. O jornalista e escritor Jimmy Burns, especialista em cultura, futebol e história da Espanha, lançou “La Roja – A Journey Through Spanish Football” (título da edição inglesa). A edição americana em ‘paperback’, mencionada pelo Estadão, tem o título “La Roja – How Soccer Conquered Spain and How Spanish Soccer Conquered the World“, editada pela Nation Books.
O autor nasceu em Madri, de mãe espanhola e pai inglês (jornalista, escritor, editor). Cresceu curtindo o Real Madrid de Di Stéfano no Bernabéu. Mas o Barça de Cruyff o conquistou. Jimmy Burns tem livros sobre o Barcelona (Barça – La Pasión de Un Pueblo/A People´s Passion), Maradona (La Mano de Diós/ The Hand of God), que passou como um vulcão por Barcelona antes de ser ídolo em Nápoles e, mais recentemente, sobre David Beckham e o Real galático (Cuando Beckham llegó a España: El Poder, La Galáxia y el Real Madrid).

No novo livro, La Roja, Jimmy Burns conta a história do futebol espanhol, desde que os ingleses levaram bolas para Bilbao, contextualiza a peculiar reunião de povos, culturas e línguas diferentes que é a Espanha, a vitória de Franco e sua relação com o futebol, os estrangeiros que fortaleceram os dois maiores clubes (Di Stéfano, Kubala, os holandeses do Barça), a democratização do país, Beckham e cia galática, Guardiola e, enfim, o título da Copa do Mundo.  Fúria era o apelido da seleção espanhola na era Franco. Recentemente, só leio referências à seleção como La Roja, cor da camisa. Nos tempos de Franco, que derrotou os comunistas, isso seria inimaginável. Faz sentido. Continuar lendo “Da Fúria à La Roja”