Corinthians 2014-15

Corinthians_2014118071c_detail_large
NikeInc.com

A volta de um ídolo (Elias) e de um técnico vencedor no clube (Mano). A temporada de estreia no alçapão que é a Arena Corinthians. A força da fiel torcida. Fatores que fazem do Corinthians um dos favoritos na briga com o Cruzeiro pelo título do Brasileirão 2014 e na luta pelas vagas da Libertadores.

  • >IN>: Elias, Marcelo Lodeiro, Anderson Martins, Ángel Romero.
  • <OUT<:  Romarinho (El Jaish, do Catar), Cléber (Hamburgo), Julio Cesar (goleiro, foi pro Náutico), Guilherme (Udinese), Jocinei (Lusa).
  • Estrelas da companhia: Cássio, Gil, Ralf, Jadson, Danilo, Guerrero, Renato Augusto, Petros.
  • Técnico: Mano Menezes.
  • Estádio: Arena Corinthians (48 mil lugares). Metrô: Corinthians-Itaquera ou Artur Alvim.

Confira o rolê do blog pela Arena Corinthians na tarde do jogaço Uruguai 2×1 Inglaterra, com show de Suárez (e sem mordidas).

  • Este slideshow necessita de JavaScript.

  • Uniformes: as camisas do Corinthians para o segundo semestre de 2014 foram apresentadas nesta sexta-feira. A camisa 1, branca, volta a ter listras como um uniforme usado de 1971 a 73 (tempos de Rivellino, o Garoto do Parque). O livro “A História das Camisas dos 12 Maiores Times do Brasil” mostra que em 1929 , 1944,  e entre 2007 e 2009 (era Ronaldo) o Corinthians usou modelos semelhantes: basicamente branco, com listras negras mais – ou menos – grossas. O uniforme #1 alvinegro estreia no dérbi deste domingo contra o centenário rival Palmeiras – o primeiro #derby paulista da novaarena.
Corinthians_2014118087_detail_large
Elias com a nova camisa 1 alvinegra | NikeInc.com

Continuar lendo “Corinthians 2014-15”

Recampeão 2013

https://www.facebook.com/corinthians
https://www.facebook.com/corinthians

Ainda o atual campeão da Libertadores, campeão do mundo, campeão paulista, o Corinthians agora também é o dono da Recopa Sul-Americana. Justíssima conquista, com duas vitórias no clássico Majestoso: 2×1 no Morumbi. 2×0 no Pacaembu. Que estrela, a do Tite. O cara é bom, sem dúvida. Quanto ao São Paulo, precisa começar tudo de novo, do zero. A questão é que quem tem o poder para detonar esse processo de mudança, no momento, não tem legitimidade nenhuma. Passou da hora de Juvenal Juvêncio pedir o boné. Já tem até faixa das torcidas adversárias fazendo juras de amor ao presidente são-paulino.

Fut Pop Clube saúda os campeões estaduais de 2013

Distintivos, bandeiras oficiais e flâmulas dos campeões estaduais de 2013. PUBLICADO EM 19 DE MAIO DE 2013 E ATUALIZADO EM 12 DE JULHO DE 2013.

Este slideshow necessita de JavaScript.


Neste fim de semana, saiu o grito de campeão em Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Pará, Piauí, Rio Grande do Norte, Santa Catarina, São Paulo e no Distrito Federal.
Atlético – bicampeão mineiro. Título estadual #42! No slide show, você vê o escudo antigo do Galo. Cuca é tricampeão mineiro porque em 2011 ganhou com pelo lado azul.
Ceará – tricampeão cearense. Título estadual #42!
Corinthians – campeão paulista pela 27ª vez. O afinado time de Tite e Danilo impediu o histórico tetra do Santos de Neymar
Criciúma – Sob o comando de Vadão, campeão catarinense pela 10ª vez.
Desportiva Ferroviária – campeã capixaba pela 17ª vez.
Goiás – bicampeão goiano. Com Enderson Moreira, conquistou o estadual #24.
Parnahyba – bicampeão piauiense. Título #12.
Paysandu – campeão paraense pela 45ª vez.
Potiguar de Mossoró – campeão potiguar pela vez ao bater o América-RN nos pênaltis.
Vitória treinado por Caio Júnior conquistou o campeonato baiano pela 27ª vez.
Ontem:
Brasiliense – campeão do “Candangão” pela 8ª vez, com direito a gol do Romarinho, o filho do peixe, na (re)inauguração do estádio Nacional Mané Garrincha, depois da reconstrução literalmente milionária.
CRB – Os regateanos foram bicampeões alagoanos e atrapalharam o centenário do CSA. Título estadual #27.
E quem já tinham gritado É CAMPEÃO?
Botafogo – campeão estadual do Rio pela 20º vez. Técnico: Oswaldo Oliveira.
CENE – campeão sul-mato-grossense pela 5ª vez.
Coritiba – tetracampeão paranaense. Estadual #37. Técnico: Marquinhos Santos.
Cuiabá Esporte Clube – campeão mato-grossense pela 4ª vez.
Internacional – tricampeão gaúcho. Título estadual #42“, o primeiro de Dunga.
Santa Cruz – tricampeão pernambucano. Título estadual #27.

Atualizando em 12 de julho:

Saudamos também aos campeões dos estaduais terminados depois do fechamento deste post (19 de maio):

Botafogo FC, campeão paraibano pela 26ª vez

Interporto FC,campeão tocantinense pela 2º vez

Maranhão Atlético Clube, campeão estadual pela 15ª vez

Náutico Futebol Clube, de Caracaraí, campeão roraimense.

Plácido de Castro – campeão acreano pela primeira vez

Princesa do Solimões, de Manacapuru, campeão amazonense pela 1ª vez

Sergipe, campeão sergipano. Título #33!

Vilhena EC, campeão rondoniense pela 4ª vez.

  • O campeonato do Amapá começa em meados de julho e só termina em 10 de outubro.

Continuar lendo “Fut Pop Clube saúda os campeões estaduais de 2013”

Algumas coincidências entre os campeões da Libertadores e da Champions League em 2012

A de 2012 é do Corinthians

No ano 102 de sua história, o Sport Club Corinthians Paulista entrou para o clube dos campeões da Libertadores (agora são 23 integrantes). Campeão invicto, com todos os méritos, logo contra o bicho-papão Boca, que jogou pouco e bateu muito (especialmente Santiago Silva e Ervitti) na segunda partida da final, no Pacaembu. Curioso é que o Corinthians já teve times muito mais galáticos do que este, mas só conseguiu o título tão cobiçado com um time de operários, de guerreiros. Um Timão de muita obediência tática e marcação. Um Timão com espírito de Libertadores. Parabéns, Tite -que também entrou de vez no rol dos grandes técnicos brasileiros. Parabéns à diretoria, que de boba não tem nada. Em cinco anos, saiu de um pesadelo para toda a glória da Libertadores. E colhe agora os frutos da manutenção do treinador. Parabéns ao bando de loucos. Em resumo: título esperado, brigado, merecido.

Nesta reta final, 1×1 arrancado em plena Bombonera e 2×0 no Pacaembu, notei algumas coincidências entre o Corinthians, agora campeão da Libertadores, e o Chelsea, vencedor da Champions League – clubes que podem se encontrar em dezembro -se não houver nenhuma zebra na semifinal- no Mundial de Clubes, que será disputado no Japão entre 8 e 18 de dezembro.

  •  Corinthians e Chelsea são dois times de tradição, torcida, muita grana, donos de títulos nacionais, mas até 2012 não tinham o maior título de seus continentes: Libertadores e Liga/Copa dos Campeões.
  •  Nas semifinais, ambos derrotaram os atuais campeões de seus continentes, algo favoritos: o Corinthians eliminou o Santos de Neymar e o Chelsea eliminou o Barcelona de Messi e cia ilimitada.
  • Nas finais, Corinthians e Chelsea derrotaram grandes colecionadores das copas: o Boca Juniors, seis Libertadores, e o Bayern de Munique, quatro Ligas/Copas dos Campeões.
  • Ambos tinham poucos jogadores “feitos em casa”, nenhum entre os titulares que entraram jogando as finais. O que em nada diminui a conquista.Pelo contrário, dadas as adversidades, o tamanhos dos rivais que foram caindo nas fases de mata-mata (o Corinthians derrubou Vasco, Santos, Boca; o Chelsea derrotou Napoli, Barça, Bayern).

Bom, em nome da emoção, tomara que tenhamos Corinthians x Chelsea na final da Copa do Mundo de Clubes.  Imagine só a invasão corintiana no Japão…

Vem aí “Soberano 2”


Por falar em filmes sobre futebol, vem aí “Soberano 2 –  A Heroica Conquista do Mundial de 2005“. Outra investida em cinema boleiro da G7, com a mesma equipe do primeiro “Soberano – Seis Vezes São Paulo“, que contou a história dos seis títulos brasileiros do tricolor paulista. De novo, o torcedor terá papel importante no roteiro. E é por isso que a produção divulgou no Tube este vídeo do “xerife” Diego Lugano. Continuar lendo “Vem aí “Soberano 2””

O Santos é o novo tricampeão

Flâmula do Santos Futebol Clube, campeão absoluto da Libertadores deste ano. Tricampeão da taça: 1962, 1963, 2011. Parabéns, Rafael, Danilo, Edu Dracena, Durval, Léo, Alex Sandro, Arouca, Adriano, Elano, Ganso, Pará, Neymar, Zé Eduardo Love. Merecem tags aqui no blog. Parabéns, Muricy “isso aqui é trabalho, meu filho” Ramalho. Parabéns à torcida do Peixe. Continuar lendo “O Santos é o novo tricampeão”

“Gigantes do Futebol Brasileiro”

Um perfil de Ronaldo Fenômeno é um dos “extras” da nova edição de Gigantes do Futebol Brasileiro (editora Civilização Brasileira). Editado pela primeira vez em 1965 com perfis de 13 craques (Friedenreich, Fausto, Domingos da Guia, Leônidas, Tim, Romeu, Zizinho, Heleno de Freitas, Danilo, Nilton Santos, Gérson, Garrincha e Pelé), o livro ganhou agora textos sobre duas ausências da “convocação” de 65: Didi e Ademir Marques de Menezes, mais o citado R9, Romário, Zico, Falcão, Tostão e Rivellino. A essa lista de craques, adiciono os nomes dos dois autores dos ótimos textos: João Máximo e Marcos de Castro. Vale a leitura. Mesmo.