Hermanos

imdb.comUm filme em que Sorín, Verón, Batistuta e outros astros da seleção argentina que disputou a Copa de 2002 são coadjuvantes, importantes coadjuvantes. Vila 21 (Villa), produção argentina de 2008 dirigida por Ezio Massa, entrou em cartaz semana passada em  S.Paulo (veja horários). Conta a história de três rapazes de uma villa (favela) na periferia de Buenos Aires, sem uma boa TV no barraco para ver aquela Copa, disputada na Ásia. O futebol é o pano de fundo (com muitas cenas de Argentina x Nigéria nas TVs dos cenários) para um filme sobre a barra-pesada dos três jovens excluídos da sociedade. Trilha agitada, câmera nervosa… Cidade de Deus, o filme, parece ser grande influência. Continuar lendo “Hermanos”

“Maradona” e craques da música no Festival do Rio

maradona por kusturicaDepois d Festival do Rio, a Mostra de São Paulo traz o filme de Emir Kusturica sobre don Diego. O Maradona de Kusturica tem participação de Messi e Manu Chao, que cedeu sua canção La Vida Tombola para o filme.

Uma excelente notícia: a distribuidora Europa Filmes vai lançar o Maradona de Kusturica nos demais cinemas em 20 de novembro.

Para quem gosta de documentários musicais, a Mostra segue o Festival do Rio e também tem atrações como A Todo Volume/It Might Get Loud(leia mais), doc que reúne Jimmy Page do Led, The Edge do U2 e Jack White dos White Stripes e The Dead Weather. Ou O Poder do Soul/Soul Power, com James Brown, Miriam Makeba e BB King.

P.S: E o sempre esperado novo de Almodóvar, Abraços Partidos, com La Penélope Cruz.

Continuar lendo ““Maradona” e craques da música no Festival do Rio”

Champions

Três vitórias dos times mandantes, três empates e duas goleadas aplicadas por visitantes. Assim foi a terça-feira da segunda rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões da Europa. O Barcelona, atual detentor do título, fez 2×0 no Dynamo de Kiev. Dois belos gols, pra variar. Pelo mesmo Grupo F, a Inter de Milão voltou com empate da Rússia: 1 a 1 com o Rubin Kazan. Barça soma 4 pontos, os ucranianos 3, Inter, 2, e o time russo de Kazan apenas 1. No Grupo E, o Lyon chegou aos 6 pontos ao golear o Debrecen, na Hungria. A Fiorentina venceu em casa o Liverpool por 2 a 0 – ambos têm 3 pontos. No Grupo G, de camisa rubro-negra, o Sevilla 100% goleou o Rangers e em Glasgow (4 a1: Adriano e Luís Fabiano deixaram um cada) e chegou a 6 pontos.  Na Romênia, Unirea 1×1 Stuttgart. Enfim, pelo Grupo H, o Arsenal venceu por 2 a 0 o Olympiakos, novo time treinado por Zico. O goleiro Nikopolidis (campeão da Euro 2004 com a seleção grega) conseguiu segurar por 78 minutos o ataque dos “Gunners” de Londres. O Arsenal de Van Persie e Arshavin (toque de letra, embora em impedimento) soma 6 pontos, contra 3 dos gregos. Campeões da Holanda e Bélgica, AZ Alkmar e Standard Liège marcaram o 1º pontinho ao empatar por 1 a 1. Bonita movimentação do ataque  no gol holandês. Lançamento do goleiro dos belgas quase na linha do meio de campo terminou com gol de empate.

“Juventus – Rumo a Tóquio” e outros curtas sobre a paixão dos torcedores

cartaz-divunet O Museu do Futebol preparou uma programação especial para festejar o primeiro aniversário. Nesta terça-feira, 29 de setembro, o museu não cobrará ingressos,deixará o torcedor entrar até 21h (com permanência até 22h) e repetirá uma sessão que fez sucesso no Festival de Curtas-Metragens de São Paulo: Unidos na Paixão. Cinco curtas sobre a dedicação de torcedores às cores de um time. Continuar lendo ““Juventus – Rumo a Tóquio” e outros curtas sobre a paixão dos torcedores”

Coleção Meu Time do Coração

meu_pequeno_sao-paulinomeu_pequeno_gremista_2_edmeu_pequeno_vascainomeu_pequeno_colorado_ed_com

meu_pequeno_tricolormeu_pequeno_palmeirensemeu_pequeno_rubro_negromeu_pequeno_corintianomeu_pequeno_juventudistaDia das Crianças chegando… e você não tem ideia do que dar de presente para o pequeno torcedor? Olha aí a coleção Meu Time do Coração, da editora Belas Letras. Já saíram livros sobre São Paulo, Grêmio, Vasco, Inter, Fluminense, Palmeiras, Flamengo, Corinthians e Juventude. O preço até que é em conta: R$19,90. Continuar lendo “Coleção Meu Time do Coração”

3-4-3

Não, não tento me referir ao esquema tático de nenhum vencedor das partidas de sábado nos campos do Brasil e do mundo. Seja Palmeiras, que acorda hoje com 6 pontos à frente do vice-líder, depois de fazer 2×1 no Atlético-PR, ou Vasco, líder da série B, que venceu por 1 a 0 o Duque de Caxias. Ou a Sampdoria, que superou a poderosa Inter e lidera o calcio. Ou Barça e Real, campanhas 100% na Espanha. Ou ainda do Manchester United, que lidera a Premier League após a derrota do Chelsea para o Wigan. Ou ainda as formações para o clássico Majestoso desta tarde domingo, São Paulo x Corinthians. Mas sim à “formação tática” em boa parte das mesas de pebolim, ou totó, jogo do qual matei a saudade neste sábado. Lembrei-me das férias passadas na casa de tios de Niterói. Um primo, Flamengo; outro, Fluminense. Mas aquela mesa de totó reproduzia um Flamengo x Vasco. Curioso é que em alguns lugares do Brasil, o totó é chamado de Fla-Flu (exatamente onde poderia se chamar Gre-Nal). Na Argentina, é metegol. Na Espanha, que inventou a brincadeira, se chama futbolín, citado até em música da dupla Estopa.