Estreia: “Preto no Branco – O Clássico do Século”.

Cartaz do filme de Kim Teixeira, “Preto no Branco – O Clássico do Século”.

Lá se vão 104 anos (a serem completados em 22 de junho) de clássico entre os dois maiores alvinegros do futebol paulista. “Preto no Branco – O Clássico do Século”, doc de Kim Teixeira, fala dessa rivalidade em ritmo de rap.  Ice Dee, Xis, Criminal D e Fernandinho Beat Box dão a letra para a história do clássico Corinthians vs Santos.
Está em cartaz no Museu Pelé, em Santos. Passa nesta quarta-feira (5 de abril), às 15h. Entre quinta-feira e domingo, vão ser duas sessões, ao meio-dia e às 15h. A entrada no Museu Pelé custa R$ 10. Trailer dentro do post. Continuar lendo “Estreia: “Preto no Branco – O Clássico do Século”.”

Santos 2014-15: o Robinho voltou!

Santos 2014-15: o Robinho voltou!

Atualizado em 3 de setembro

Robinho, o rei das pedaladas, volta do Milan, emprestado, para jogar mais um ano no Santos.. E estreia já no clássico contra o Corinthians, na Vila.

sfc-robinho-armc3a1rio

  • >Isfc-banco1N>: Robinho (Milan), Souza (Cruzeiro), Victor Ferraz (Coritiba)
  • <OUT<:: Cícero (Fluminense. Neilton (Cruzeiro), Victor Andrade (Benfica), Anderson Carvalho (Boavista), Bruno Peres (Torino)
  • Estrelas da Companhia: Leandro Damião, Arouca, Renato, Thiago Ribeiro, Edu Dracena
  • Estrangeiros: Mena, Pato Rodriguez
  • Fique de olho nos jovens (porque no Santos eles surgem e jogam): Gabriel, o Gabigol
  • Técnico: Oswaldo de Oliveira Enderson Moreira
  • Estádio: Vila Belmiro, para 16.798 torcedores. Em 1964, a Vila chegou a receber quase 33 mil pagantes. A média de público do Peixe no Brasileirão 2013 foi de 10.405 alvinegros praianos/jogo em casa, segundo a Pluri.

    http://santosfc.com.br/
    http://santosfc.com.br/
  • Uniformes: em 20 de agosto, o Santos estreia uma nova camisa 1, com gola V, visual parecido com o usado em 2004. O escudo aparece envolvido por uma borda dourada, em homenagem aos Meninos da Vila que ganharam o Brasileirão de 2004 (Robinho estava entre eles).

O novo uniforme 2 estreia nesta quarta. Com o branco na gola careca e na barra das mangas, remete ao título paulista de 1984.


Continuar lendo “Santos 2014-15: o Robinho voltou!”

10 anos das pedaladas de Robinho

image
Flâmula do Santos, que há 10 anos conquistou o Campeonato Brasileiro de 2002. Foi o último Brasileirão com uma fase final em mata-mata, depois de uma primeira fase em turno único, todos contra todos (eram 26 participantes). O Santos de Diego e Robinho terminou essa primeira fase em oitavo lugar e nas oitavas encarou o São Paulo, primeiro colocado, que vinha de 10 vitórias seguidas, com Rogério, Ricardinho, Kaká, Luís Fabiano e … uma zaga integrada por Amelli…
O Peixe venceu o tricolor na Vila (3×1) e no Morumbi (2×1).
Na semifinal, os Meninos da Vila 2G eliminou o Grêmio: 3×0 na Vila e 0x1 no Olímpico.
Nas finais, o Santos pegou o Corinthians (que tinha eliminado Galo e Fluminense). As duas partidas decisivas foram no Morumbi, algo impensável hoje. Na primeira partida, Alberto e Renato marcaram 2×0 Peixe. Na segunda partida, a das célebres pedaladas de Robinho, mais uma vitória do alvinegro praiano: 3×2. Robinho, Elano e Léo.

Bola dentro do Milan


Eis que pouco antes do fechamento da janela, o Milan contratou Robinho, campeão paulista e da Copa do Brasil que já estava ficando novamente largado (nem no banco!) do Manchester City. O Milan, que já tinha Alexandro Pato, Ronaldinho Gaúcho, Pirlo, Seedorf e Inzaghi, quase que numa tacada só pegou Ibrahimovic (camisa 11) e Robinho (camisa 70). Começou bem a Séria A italiana. Tomara que engrene pra valer e seja uma ameaça real à Inter, que já não parece tão Inter assim… Dá até vontade de comprar camisa do Milan, ainda mais agora que não está com patrocínio de site de apostas.
Parabéns, Robinho! Vai morar na Itália, hein? Seja feliz! Para conquistar o scudetto, depende de como vai funcionar esse galático Milan.
Houve um tempo em que o campeonato italiano era o melhor do mundo. De um lado, Nápoli de Maradona e Careca. Continuar lendo “Bola dentro do Milan”

Eu quero ver gol

Que quartas de finais esta Copa do Mundo promete, hein? Brasil x Holanda; Uruguai x Gana; Argentina x Alemanha; mais o confronto entre os vencedores de Paraguai x Japão e Espanha x Portugal. Jogos de resultado imprevisível. Mas a gente pode torcer para rolar do nosso lado da chave um clássico sul-americano na semifinal. Brasil x Uruguai, como em 1970. Como diz a música de “Rappa Mundi”, primeiro disco do Rappa, “Eu Quero Ver Gol”, regravada no “Acústico”, pouco antes do Mundial 2006.
Eu quero mais é ver grandes e disputados jogos, como foram as da brava seleção dos Estados Unidos, Eslováquia 3×2 Itália, Uruguai x Coreia do Sul, Alemanha 4 x 1 Inglaterra, especialmente o primeiro tempo, antes da lambança do trio de arbitragem, que não viu o golaço do Lampard.
Eu quero mais é ver o Kaká saindo do jogo todo feliz com sua atuação e a do Brasil, como hoje, no Ellis Park.
Eu quero mais é ver o Luís Fabuloso Fabigol dar motivos pra toda torcida gritar “L U Í S   F A B I A N O”.
Eu quero mais é ver as partidaças habituais da dupla de zaga Lúcio e Juan, que fizeram Júlio Cesar trabalhar tão pouco contra o Chile.
Eu não queria ver o segundo cartão amarelo que suspende Ramires do jogo contra a Holanda. Porque ele entrou muito bem hoje.
Eu não quero mais ver lambanças como a do apito de domingo, que facilitou demais as já prováveis vitórias da Alemanha e da Argentina.
Mas a Fifa não quer que os árbitros vejam as imagens que o mundo todo pode ver, em HD e até 3D, vejam só.
Eu quero mais é ver esse clássico da Penísula Ibérica entre Portugal de Cristiano Ronaldo e cia e a Espanha de Xavi, Iniesta, Villa etc.
Eu quero mais é que chegue sexta-feira logo pra ver a “amarelinha” (ou vamos com o manto azul?) de Kaká, Robinho, Lúcio e cia contra a laranja da dupla dinâmica Bat, digo, Sneijder e Robben.
Eu quero muito que chegue sábado para ver este clássico de quartas de final, que bem poderia ser no mínimo uma semifinal antecipada, entre a Argentina de Messi, Tévez, Higuain etc contra a Alemanha de Özil, Thomas Müller, Podolski e Klose.
Link: site de O Rappa.

Meninos da Vila 3G

Com todo merecimento, o Santos está na final do Campeonato Paulista e tem tudo para faturar seu 18º estadual. A terceira geração dos Meninos da Vila – depois de 1978 e 2002 (ou deveríamos considerar a quarta, incluindo o time de Pelé, nos anos 50?) derrota mais uma vez o São Paulo (foi assim na final do Paulistão 78, com Juari, João Paulo e cia; foi assim no Brasileirão 2002, com Diego, Robinho e cia). A pressão sobre Dunga para convocar Neymar será cada vez mais forte e não duvido que exista interferência do tal “andar de cima”.

Tem figurinha?

10 em 2006, Ronaldinho foi "convocado" pelo álbum oficial...

Júlio César, Maicon, Daniel Alves, Lúcio, Juan, Luisão, André Santos, Josué, Gilberto Silva, Felipe Melo, Elano, Kaká, Robinho, Nilmar, Luís Fabiano, Adriano e … Ronaldinho Gaúcho! Se depender das figurinhas, esses 17 estão na Co.., digo, no álbum oficial da Copa do Mundo… São os “convocados” pela editora, que não tem como esperar a lista final dos 23 que efetivamente vão à África do Sul, por questões industriais. Uma pena. Sempre tem uma ou mais figurinhas carimbadas que não vão para o Mundial, seja por opção do técnico, seja por alguma contusão. É o álbum com asteriscos!
Segundo o álbum, entre os 17 “figuras” da nossa primeira adversária, a Coreia do Sul, 7 são jogadores do April 25 (time das forças armadas coreanas), 3 do Amrokgang, 2 do Pyongyang City, mais 1 de Sobaeksu, Rimyongsu e três atuam fora (um no Rostov, da Rússia, um no Omiya Ardija, do Japão, e outro no Kawasaki Frontale, do Japão).
O caldo começa a engrossar quando analisamos o segundo adversário, a Costa do Marfim. Continuar lendo “Tem figurinha?”