Michel

O post de hoje é sobre um craque do jornalismo esportivo.

Morreu Michel Laurence, francês de Marselha, alvinegro praiano de coração. Por sinal, o Rei Pelé era uma fonte muito próxima.

Esse camisa 10 das redações esportivas paulistanas participou da criação da revista “Placar” e da tradicional Bola de Prata, dada aos melhores do campeonato brasileiro desde 1970.

Mais um bom motivo para procurar nos sebos e feirinhas edições clássicas de “Placar”, em busca dos textos seus.

O jornalista de texto admirado já tinha conquistado um Prêmio Esso de Jornalismo, em 1969, com a reportagem “O Jogador É Um Escravo“, escrita ao lado de José Maria de Aquino, no “Estadão”. A reportagem foi republicada em 2010, no livro “11 Gols de Placa“, organizado pelo jornalista Fernando Molica.

Cobriu nada menos do que oito Copas.

Ah, sim, Michel Laurence ganhou em vida uma Bola de Prata da revista “Placar”. Nada mais justo.

Um grande abraço solidário ao Bruno e a toda família de Michel Laurence (1938-2014).

 

 

 

 

2 comentários sobre “Michel

  1. Michel Laurence merece meu luto no dia de hoje.
    Pessoa maiúscula, jornalista que deixa saudade…
    Meus heróis das letras não morreram de overdose, mas hoje o jornalismo esportivo está mais pobre.
    Salve Michel! Os céus usufruirão das suas crônicas a partir de hoje.
    enquanto isso, minhas sinceras honras a ti.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s