A última página de #ElGráfico

Nem a volta de Carlitos Tévez e Lucas Pratto ao futebol argentino (para o Boca e para o River, respectivamente) evitou o fim da edição impressa de “El Gráfico”, revista argentina reconhecida no mundo inteiro. Lamentável.

A brasileira “Placar” foi semanal no seu auge, nos anos 70 e 80. Virou mensal, parou de sair, voltou, tentou ser semanal de novo, depois mensal de vez, foi repassada a outra editora, voltou pra Abril. Continua nas bancas. Sem o impacto de décadas atrás.

Só que “El Gráfico” era ainda mais tradicional. Começou a circular em 1919! No fim dos 90, foi comprada pelo grupo Torneos. Só em 2002 passou de semanal a mensal. Vendas em queda… na base de 20 mil exemplares. Agora, no primeiro mês de um ano de copa, a notícia que leitor nenhum queria. Edição em papel, não mais. Só o site continua no ar.

No começo dos anos 2000, era possível encontrar edições de ‘El Gráfico’ em bancas de São Paulo. Lembro-me de ter comprado alguns números em comércios de Búzios, reduto de argentinos na região dos Lagos fluminense.

É dessa época a revista da capa abaixo, que tratou da 11ª rodada do torneio Apertura 2001. O Racing treinado por Reinaldo Merlo derrotou o Estudiantes na cancha do adversário, em La Plata, por 3×2 e avançou sua jornada para o 16º de 17 títulos argentinos (somando eras amadora e profissional). Não sem muita emoção até o final.

img_20180121_180427_10850228301.jpg
Capa da ‘El Gráfico’ nº 4282, de 30 de outubro de 2001. Na foto de Daniel Yao, Chatruc, meio-campo do Racing.

Continuar lendo “A última página de #ElGráfico”

Pré-venda: revista “Corner” #5.

Alex, o garoto da capa da nova edição da Corner.

Garanta a sua Corner #5 aqui: https://leiacorner.com.br/produto/corner-5/

O quinto número da revista Corner – que tem como mote o futebol entrelinhas – está em pré-venda e promete um mergulho no futebol e na cultura da Turquia. Um país de torcidas obcecadas por clubes, como a do Fenerbahçe, onde o brasileiro Alex foi muito ídolo. A  Corner #5 também vai falar da relação histórica entre futebol e política no país presidido por Erdoğan. Continuar lendo “Pré-venda: revista “Corner” #5.”

Uma seleção do Nordeste, no novo número da revista “Corner”.

Uma seleção do Nordeste, no novo número da revista “Corner”.

O primeiro brasileiro a jogar no campeonato inglês (e a vestir a camisa de uma seleção da liga inglesa). A conexão Nordeste – Portugal de exportação de jogadores. A relação entre o mangue bit (movimento do saudoso Chico Science, de sua Nação Zumbi e também do Mundo Livre) e o futebol. Almir Pernambuquinho. O número 3 da revista Corner foi lançado agora, no finalzinho de janeiro, e como você pode perceber, o tema dessa edição é o futebol nordestino (saiba como comprar aqui).

E muitas entrevistas: Continuar lendo “Uma seleção do Nordeste, no novo número da revista “Corner”.”

Saiu “Corner” #2

Dica amiga do programa Casual Football.

capa_corner_n2_loja_web-562x749

Foi com grande satisfação que pude ler o segundo número da  “Corner“, ótima revista brasileira de futebol, viabilizada pelo sistema de crowdfunding. Tem muita coisa boa pra ler – e como não tem anúncios, o preço de capa é um pouco alto para uma revista (R$ 29,90). Mas vale a pena conhecer. Principalmente se você se interessar pelo futebol argentino, principal tema deste número 2. Tem entrevista com o Sorín, com o Federico Peretti, diretor do filme Otro Fútbol e da série Outro Futebol, Menotti x Bilardo, a polêmica do Fútbol para todos, campeonato de 30 times, os infográficos do Paladar Negro etc. “Corner” #2 também fala de rádio, especialmente rádio esportivo carioca – eles conversaram com o garotinho José Carlos Araújo.  E mais: merece destaque especial outra entrevista, com o jornalista Tim Vickery, que mora no Brasil.

Continuar lendo “Saiu “Corner” #2″

Alexia

fcbarcelona.com/football/feminine/women-a/
fcbarcelona.com/football/feminine/women-a/

A jovem catalã Alexia Putellas Segura, ainda vai fazer 22 anos agora em fevereiro de 2016, mas desde 2014 é a musa inspiradora de uma canção de um mega grupo brasileiro, o Skank. Já ouviu Alexia”, faixa que abre o álbum “Velocia”? É ela que o Samuel Rosa está, digamos, cantando. A letra fala de uma Barceloneta blaugrana (numa referência à praia mais conhecida da capital catalã) e narra, em bom português, um golaço de Alexia em 2013.

Capa da Revista Barça, janeiro de 20016 (reprodução)
Capa da Revista Barça, janeiro de 20016 (reprodução)

A lourinha que joga com a camisa 11 azul e grená agora saiu na capa da revista oficial do Barça, edição de janeiro de 2016, ao lado do Piqué. Infelizmente a revista é exclusiva dos sócios do clube (porque se vendesse por aí, seria show!). Esta edição mais recente, com Piqué e Alexia na capa, dedica páginas e mais páginas ao time feminino do Barça – que aliás é tetracampeão espanhol.

Dentro do post, confira uma performance do Skank tocando “Alexia” e o golaço da camisa 11, na final de 2013 da Copa de La Reina (versão da Copa do Rei pro futebol feminino). As garotas blaugranas venceram o Transportes Alcaine Prainsa Zaragoza, por quatro a zero.

Continuar lendo “Alexia”

Nas bancas: uma revista tradicional em casa nova. E uma nova revista, a “Corner”.

image

Já está nas bancas uma edição historicamente marcante de “Placar“. A primeira feita fora da editora Abril. O título agora pertence à mesma editora da revista Caras. O Menon publicou em seu blog uma entrevista com o “publisher”, o argentino Edgardo Martolio. Os prêmios Bola de Prata e Bola de Ouro devem ser turbinados. Na nova edição, tem uma versão da Bola de Prata e de Ouro pra Copa América chilena, algumas novas seções (resumão, agendão) e uma abertura para outros esportes, pela primeira vez em muitos anos (nos seu auge, nos anos 70, a revista cobria F1, basquete, vôlei…).

Só agora encontrei o número 1 da “Corner, nova revista brasileira lançada em maio. Uma revista menos preocupada com o factual, e mais com a história e a política atrás do futebol.  A linha é bastante parecida com a de uma ótima revista editada em Barcelona, a “Panenka” – que já foi tema de um post aqui, meses atrás. Influência praticamente assumida numa entrevista com os editores da “Panenka”. Aliás, o primeiro número da “Corner” tem altas discussões sobre o jornalismo esportivo.
image

Continuar lendo “Nas bancas: uma revista tradicional em casa nova. E uma nova revista, a “Corner”.”

Futebol x alzheimer. Uma paixão contra uma doença. Golaço da revista Líbero.


Um estudo da Fundació Salut i Envelliment da Universidade Autônoma de Barcelona descobriu em 2014 que falar de futebol ajuda os pacientes de alzheimer a melhorar a memória, a atenção e o ânimo. Na fase piloto, entre seis e oito pacientes participaram por oficinas de memória sobre futebol duas horas por semana. Deu bons resultados especialmente naqueles pacientes em que esse mal é leve ou moderado.

A Líbero, excelente revista espanhola, criou junto com a agência Lola quatro edições “retrôs” – das décadas de 40, 50, 60 e 70, com alguns dos melhores momentos da história do futebol. De Puskás a Cruyff. As revistas com reportagens, material gráfico e exercícios pra memória foram distribuídas em centros de tratamento de alzheimer de Barcelona e usadas como parte da terapia.
É a campanha Fútbol vs Alzheimer. Una pasión contra una enfermedad. O resultado você vê neste vídeo interessantíssimo divulgado pela Líbero.

Continuar lendo “Futebol x alzheimer. Uma paixão contra uma doença. Golaço da revista Líbero.”

Programão

https://www.facebook.com/manchesterunited
https://www.facebook.com/manchesterunited

A capa da “United Review”, a revista oficial do Manchester United, fez uma montagem maneira com as capas dos programas oficiais dos clássicos contra o Liverpool.

Taí uma coisa que não pega no Brasil. Revista/programa de jogo. E lá fora nego faz até coleção… Mas aqui que é o país do futebol. Kkk!

Domingo “D” de dérbi também em Portugal: tem clássico  Porto x Benfica. A águia lidera a liga lusa com 3 pontos de vantagem sobre o dragão arquirrival.

Na Argentina não tem clássico, mas pode sair o campeão. O Racing só depende dele – vencer o Godoy Cruz em casa, em Avellaneda – pra gritar #campeón depois de exatos 13 anos (a última vez foi o Torneo Apertura 2001). O River tem que vencer o Quilmes fora e secar a Acadé. 

Em caso de empate do Racing e vitória do River, os 2 times ficam com o mesmo número de pontos e vai rolar um jogo desempate. Uma final. Continuar lendo “Programão”

O garoto da capa: Kaká estrela a nova revista do São Paulo.

10365830_10152804638514420_2023329482232716612_n
https://www.facebook.com/saopaulofc

Mudou a revista oficial do tricolor paulista. Agora ela se chama “SPFC Inside”. A revista é bimestral, tem versões impressa (a assinatura de 6 seis edições custa 60 reais) e também pode ser baixada (de graça) na loja da Apple ou na Play Store, para Android.

O primeiro número da revista produzida pela Áurea Editora tem, além da reportagem de capa com o Kaká, entrevista com o técnico Muricy Ramalho e o torcedor Andreas Kisser (guitar hero do Sepultura) e um perfil do ex-centroavante Careca, que brilhou no São Paulo, no meio dos anos 80.

Continuar lendo “O garoto da capa: Kaká estrela a nova revista do São Paulo.”

Michel

O post de hoje é sobre um craque do jornalismo esportivo.

Morreu Michel Laurence, francês de Marselha, alvinegro praiano de coração. Por sinal, o Rei Pelé era uma fonte muito próxima.

Esse camisa 10 das redações esportivas paulistanas participou da criação da revista “Placar” e da tradicional Bola de Prata, dada aos melhores do campeonato brasileiro desde 1970.

Mais um bom motivo para procurar nos sebos e feirinhas edições clássicas de “Placar”, em busca dos textos seus.

O jornalista de texto admirado já tinha conquistado um Prêmio Esso de Jornalismo, em 1969, com a reportagem “O Jogador É Um Escravo“, escrita ao lado de José Maria de Aquino, no “Estadão”. A reportagem foi republicada em 2010, no livro “11 Gols de Placa“, organizado pelo jornalista Fernando Molica.

Cobriu nada menos do que oito Copas.

Ah, sim, Michel Laurence ganhou em vida uma Bola de Prata da revista “Placar”. Nada mais justo.

Um grande abraço solidário ao Bruno e a toda família de Michel Laurence (1938-2014).