Bola dentro do Milan


Eis que pouco antes do fechamento da janela, o Milan contratou Robinho, campeão paulista e da Copa do Brasil que já estava ficando novamente largado (nem no banco!) do Manchester City. O Milan, que já tinha Alexandro Pato, Ronaldinho Gaúcho, Pirlo, Seedorf e Inzaghi, quase que numa tacada só pegou Ibrahimovic (camisa 11) e Robinho (camisa 70). Começou bem a Séria A italiana. Tomara que engrene pra valer e seja uma ameaça real à Inter, que já não parece tão Inter assim… Dá até vontade de comprar camisa do Milan, ainda mais agora que não está com patrocínio de site de apostas.
Parabéns, Robinho! Vai morar na Itália, hein? Seja feliz! Para conquistar o scudetto, depende de como vai funcionar esse galático Milan.
Houve um tempo em que o campeonato italiano era o melhor do mundo. De um lado, Nápoli de Maradona e Careca. Continuar lendo “Bola dentro do Milan”

Guitarras para o povo!

Ao som do riff de The Ocean, clássico do Led Zeppelin, está entrando no ar Guitarras, digo, o programa Rock Flu nº 70 (ouça aqui e continue navegando no blog!). É que o convidado de Serginho Duarte e Gustavo Valladares nesta edição é Paulo “Heavy” Sisinno, que produzia o programa Guitarras para o Povo, depois somente Guitarras (entre outros) na saudosa rádio Fluminense FM, a Maldita – escola de rock para quem morou no Rio nos anos 80, como este que vos digita. Continuar lendo “Guitarras para o povo!”

#Rogério Ceni 90 gols:o 1º no Maraca

Rogério marcou seu primeiro gol no Maracanã FOTO Maurício Val / Vipcomm

No grande clássico tricolor da 17ª rodada do Brasileirão 2010 – Fluminense 2×2 São Paulo, o goleiro-artilheiro Rogério Ceni marcou, de falta, o 90º gol de sua carreira. O primeiro (com bola rolando) no Maracanã! Dá para conferir a lista completa no site do capitão são-paulino: www.rogerioceni.com.br.  Clique em carreira e, depois, em lista de gols. Outra lista de feitos do goleiro cresceu: a de pênaltis defendidos (veja SPFCpedia). Continuar lendo “#Rogério Ceni 90 gols:o 1º no Maraca”

Argentina x Espanha

Os campeões do mundo vão jogar aqui “pertinho”. A Espanha visita a Argentina em 7 de setembro, no Monumental de Nuñez, cancha do River Plate. “Histórico partido”, anuncia o site oficial da federação argentina. Pensei que Vicente Del Bosque pouparia craques da viagem. Qual o quê? Na quinta-feira, o bonachão treinador chamou 20 dos 23 jogadores da Espanha campeã na África do Sul 2010, como Casillas, Sérgio Ramos, Puyol, Piqué, Capdevilla, Busquets, Xabi Alonso, Xavi, Iniesta, Pedro, Villa, Fernando Torres, Fábregas … (lista completa no Marca). Quem não deve gostar nada são os clubes. A ver quem ele escalará em Buenos Aires, já que 4 dias antes do amistoso há uma partida pelas eliminatórias da Eurocopa 2012 – ok, é contra Liechtenstein – quando La Roja tentará o bi.

A Argentina convocou feras como D´Alessandro, campeão da Libertadores, Javier Zanetti, Cambiasso (3 que não foram levados por Maradona ao Mundial), Mascherano, Di María, Higuaín, Tévez, Aguero, Messi e Milito (aqui, a lista completa da seleção albiceleste convocada pelo técnico Sérgio Batista). 7 de setembro, Argentina x Espanha, em Buenos Aires… Será que ainda dá para se programar?

Atlético de Madrid, supercampeão!

Noite de fiesta em Madri, pelo menos na parte rojiblanca da capital espanhola, em especial pelos lados da Fonte de Netuno. O Clube Atlético de Madrid é supercampeão da Europa pela primeira vez. Os colchoneros, campeões da Europa League, ficaram  com a Uefa Supercup da temporada ao derrotar a poderosa Inter de Milão (campeã da Champions League) por 2×0 no belíssimo estádio Louis II de Mônaco. Duas copas em três meses! Muito legal para o grande rival madrilenho do Real (sim, a rivalidade é forte, rolam muitas provocações), principalmente se a gente lembrar que o Atlético padeceu duas temporadas na Segundona espanhola, na virada do milênio. Tenho uma certa simpatia pelo Atlético de Madrid desde que os brasileiros Leivinha e Luís Pereira defenderam o clube de Manzanares, a partir da metade dos anos 70. Continuar lendo “Atlético de Madrid, supercampeão!”

Palmeiras, 96 anos

Na semana em que lamentou a morte do ex-zagueiro Waldemar Carabina, 584 jogos pelo alviverde, o Palmeiras comemora 96 anos de muita história. O Verdão foi fundado em 26 de agosto de 1914, como o Palestra Itália, chegou a ser Palestra de São Paulo antes de se chamar Sociedade Esportiva Palmeiras.

Primeiro símbolo do Palestra Itália, em 1914, segundo o palmeiras.com.br
Distintivo na camisa do Palestra Itália, em 1915, no palmeiras.com.br

No site oficial do Verdão, é possível acompanhar a evolução dos símbolos e distintivos dos uniformes nesses 96 anos de história. A primeira peleja foi disputada em 24 de janeiro de 1915: de camisa verde com gola e punhos brancos, com esse distintivo aí da direita, com as iniciais P.I. no lado esquerdo do peito, o Palestra fez 2×0 em outro time da comunidade italiana, o Savóia, de Votorantim (leia mais). Continuar lendo “Palmeiras, 96 anos”