1992. O último Paulistão que Telê ganhou.

Canhoto de bilhete da final do Paulistão 92
Canhoto de bilhete da final do Paulistão 92

O Paulistão de 92 foi decidido justamente pelos dois grandes que ficaram fora da final agora em 2009. O São Paulo comandado por Telê Santana teve que passar pelo Palmeiras já patrocinado pela Parmalat para ser bicampeão paulista. No primeiro jogo, em 5 de dezembro, um espetáculo, comandado especialmente por Raí – fazendo jus ao refrão “Raí, Raí, o terror do Morumbi”, com 3 gols – e Cafu (“terror do Pacaembu” no grito de torcida), um gol e atuação decisiva. São Paulo 4×2 no  Palmeiras (que já tinha Mazinho, César Sampaio, Zinho, Evair e um certo Cuca…). No intervalo de 2 semanas entre os dois jogos, o tricolor foi ao Japão e voltou com seu primeiro Mundial Interclubes, derrotando o Dream Team do Barça (aí são outros 500 posts…) Em 20 de dezembro, com mais de 110 mil pessoas (110 mil!) no Morumbi, o campeão mundial confirmou o título estadual contra o alviverde. Müller abriu o placar, num belo gol. Cerezo ampliou. Quando o São Paulo já comemorava, debaixo de chuva, Zinho diminuiu. Tarde demais. Dois a um. São Paulo bicampeão paulista. Foi o último estadual conquistado pelo mestre Telê Santana, que nos deixou num mês de abril. O São Paulo tinha Zetti, Vítor, Válber, Adílson, Ronaldão, Ronaldo Luís, Cerezo, Pintado, Dinho, Cafu, Raí, Müller, Palhinha…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s