Como vai ser o estádio do Milan


O Milan divulgou imagens do projeto do seu estádio, a cargo do mesmo escritório do Ninho do Pássaro e da Allianz Arena, do Bayern de Munique. Ele deve ter capacidade pra 48.000 milanistas e deve custar o equivalente a 1 bilhão de reais. A arena rossonera pode subir em Portello, área da feira de Milão, ao lado da sede do clube, a Casa Milan, que já existe.
Agora todo mundo quer ter a sua arena, mesmo que a cidade já tenha um belo estádio.
Como a Inter já anunciou que planeja construir seu estádio, fica a dúvida sobre o destino do imenso San Siro / Giuseppe Meazza – sede da final da Champions 2015/2016. Vai ser a quarta final de Liga/Copa dos Campeões no estádio que hoje tem capacidade para uns 80 mil torcedores. A média de público do Milan em 2013-14 foi de 39.874, ou 49% de ocupação de San Siro –  segundo a Pluri Consultoria, a 37ª maior do mundo.
Veja o vídeo oficial do Milan com um modelo do estádio.
Continuar lendo “Como vai ser o estádio do Milan”

Milan 2014-15

E tem mais gente chegando…

wpid-13-08-11_0558

Para um ano sem competição europeia, o Milan promoveu Pippo Inzaghi, que começou a carreira de treinador na base milanista. Como jogador, Inzaghi foi o segundo maior artilheiro das competições europeias de clubes e  com os rossoneri foi duas vezes campeão europeu, uma vez do Mundial de Clubes e duas da liga italiana. Esperamos que ele tenha melhor sorte na sua primeira temporada do que Seedorf, outro ídolo no gramado de San Siro. Mas precisa de muita imaginação para o atual elenco lembrar os times clássicos com os fabulosos holandeses Van Basten, Gullit e Rikjaard, ou o time de Kaká e do próprio Inzaghi, na década passada.

  • >I328778IN>: Fernando Torres (emprestado elo Chelsea), Diego López (goleiro, do Real Madrid, só depende de aprovação nos exames médicos), Pablo Armero, (Agazi (goleiro), Alex (zagueiro brasileiro, estava no PSG), Ménez (meio-campo, outro que veio do PSG), Filippo Inzaghi (técnico).
  • <OUT <: Balotelli (Liverpool)Kaká (Orlando City/São Paulo), Urby Emanuelson (Roma), Seedorf (técnico), Robinho (emprestado ao Santos).
  • Estrelas da companhia: Abbiati, Abate, De Sciglio, Adil Rami, Montolivo, Essien,Muntari, Honda, De Jong, El Shaarawy, .
  • Técnico: Pippo Inzaghi!
  • Estádio: Milan e (por enquanto) Inter mandam seus jogos no Stadio San Siro
  • Confira o rolê do blog pelo lado rossonero do Museu San Siro, parte do passeio San Siro Museum & Tour.
  • Uniformes: confira os detalhes do uniforme 1 do Milan, que ficou muito 10! No escudo, a cruz de São Jorge, parte do brasão da cidade de Milão (em destaque, ao lado) – como o uniforme dos rossoneri em 1999-2000.

    Este slideshow necessita de JavaScript.

Abaixo. a galeria de imagens do uniforme 2, branco. So nesta temporada, o escudo usado no “away kit” sera o da Casa Milan, a sede do clube.
Continuar lendo “Milan 2014-15”

Kaká diz arrivederci e jura amor ao Milan, assina com o Orlando City e será emprestado ao São Paulo.

image Kaká não é mais jogador do Milan. Hoje ele já se apresentou ao Orlando City, clube da Major League Soccer onde vai jogar a partir de janeiro de 2015. Até lá, será emprestado ao time que o revelou, o São Paulo – o empréstimo foi confirmado pelo site do Orlando City. Por amor ao Milan, Kaká disse que não vai mais jogar com a camisa 22. No Orlando, será o 10. No Brasileirão, deve voltar a vestir a 8 tricolor, que usou logo depois de explodir, no Rio-São Paulo de 2001. Por enquanto, quem joga com a 8 é o volante Souza e a 10 está com Paulo Henrique Ganso. Por coincidência, 8 era o número da camisa do técnico Muricy quando jogador do clube, nos anos 70. Do meio pra frente, o São Paulo ainda tem Alexandre Pato, Luís Fabiano, Osvaldo e Alan Kardec. Em 2013, Kaká foi o tema da terceira ilustração feita especialmente para o blog Fut Pop Clube pelo designer gráfico Lehel Kóvacs (antes, Lehel desenhou Ortega Seedorf aqui pro blog). Confira. Continuar lendo “Kaká diz arrivederci e jura amor ao Milan, assina com o Orlando City e será emprestado ao São Paulo.”

Maravilha, Rivaldo!

Rivaldo parou. Aos 41. O craque tímido que começou a fazer maravilhas no seu estado de Pernambuco, com a camisa tricolor do Santa Cruz – tanto que é citado na canção mais conhecida da banda Mundo Livre S/A, “Meu Esquema”. Explodiu no Mogi Mirim, foi emprestado para o Corinthians, mas acabou no Palmeiras, que acabou com os Paulistas de 1994 e especialmente, 1996. Timaço.

PILOTA D´OR: Bola de Ouro em catalão. 1999. com a camisa do centenário do Barça, Rivaldo ergue a Bola de Ouro. Em 5 anos de Camp Nou, 136 gols, 2 títulos de La Liga, 1  Copa do Rei e uma Supercopa da Uefa. FOTO : FCB
PILOTA D´OR: Bola de Ouro em catalão. 1999. Com a camisa do centenário do Barça, Rivaldo ergue a Bola de Ouro. Em 5 anos de Camp Nou, 136 gols, 2 títulos de La Liga, 1 Copa do Rei e uma Supercopa da Uefa. FOTO : FCB

Destaque do Deportivo La Coruña que disputava título no campeonato espanhol nos anos 90, foi vendido para o Barcelona, onde é considerado uma legenda (veja a homenagem do site do Barça). Apesar de não se entender muito com o treinador holandês Louis Van Gaal, viveu seu auge nos anos no Camp Nou. Ganhou uma Bola de Ouro da revista “France Football” antes do prêmio ser unificado com a Fifa.

No finalzinho da temporada espanhola de 2000/2001, tive o privilégio de conseguir um lugarzinho descoberto lá no alto do Camp Nou, naquele jogo que Rivaldo quase que sozinho derrotou o Valencia. Marcou 3 belos gols. um #hat-trick – na Espanha, um #triplete. Fiquei sentado ao lado de holandeses como Van Gaal, atrás de um dos gols. A meta em que Rivaldo acertou um golaço de bicicleta, de fora da área, no finalzinho do jogo. 3×2. Os torcedores invadiram o campo  (citado na capa abaixo, do caderno de esporte do meu exemplar do “El Periódico”, recordação da época). Comemoravam o quarto lugar! Nunca tinha visto isso. Sabe por quê? O resultado classificou o Barça pra Champions 2001/2002 depois de alguns anos fora. Nunca vou me esquecer de ver entre torcedores, senhoras e uma criança de cadeira de rodas gritando #Ribaldo, Ribaldo, Ribaldo. O jeito como eles pronunciam o nome do craque.  Fiquei orgulhoso de ser brasileiro. Assisti in loco a um recital de Rivaldo no Camp Nou.

Capa do esporte do jornal catalão EL PERIÓDICO, no dia seguinte de Rivaldo 3x2
Capa do esporte do jornal catalão EL PERIÓDICO, no dia seguinte ao show de Rivaldo: 3×2

A decepção verde-amarela na Olimpíada de 1996 foi compensada muitas vezes, em duas Copas. Rivaldo jogou muita bola em 98 na França, ajudando a levar o Brasil à fatídica final do 0x3 no Stade de France. E em 2002, jogou tão bem ou melhor que Ronaldo Fenômeno, o artilheiro do penta.

Rivaldo rodou. Milan, Cruzeiro, futebol grego, Uzbeque, voltou pro agora seu Mogi Mirim, pediu licença para jogar no meu São Paulo, onde estreou marcando um belo gol contra a Linense e arrumou confusão com Carpegiani. Esteve em Angola, passou pelo São Caetano e pendura a chuteira agora depois de jogar ao lado do filho, no Mogi.

Rivaldo parou.

Sim, Rivaldo parou o mundo.

Obrigado, camisa 10.  Continuar lendo “Maravilha, Rivaldo!”

Valeu, valeu, Seedorf

Clarence Seedorf por Lehel Kóvacs: http://www.kolehel.com/ – especial para o @FutPopClube
Clarence Seedorf por Lehel Kóvacs: http://www.kolehel.com/ – especial para o @FutPopClube

Republico a ilustração do #Sidão com a camisa do Botafogo, feita especialmente para o blog Fut Pop Clube pelo designer gráfico romeno Lehel Kóvacs – depois da bela dica do Futebol de Campo – em homenagem à bela passagem de  Seedorf  pelo alvinegro da estrela solitária. Foi campeão da Taça Guanabara, da Taça Rio e, assim, do estadual do Rio em 2013. Com esse camisa 10 que em campo já parecia técnico, o Fogão fez boa campanha no Brasileirão e garantiu vaga na Libertadores 2014. Entendo que o botafoguense tenha ficado triste com a despedida, meio de sopetão, sem um jogo pra dizer adeus. Mas também tem motivos para ficar orgulhoso de ter visto Seedorf no Botafogo. Não sou Botafogo, mas tive o prazer de ver Seedorf em campo duas vezes no Brasilerão 2013, no turno e no returno. E que categoria!

Hoje Seedorf já estreia como técnico do Milan, contra o Verona, no San Siro. É uma volta pra casa. Como jogador, com a camisa #rossonera, Seedorf foi campeão de tudo: 2 ligas italianas, 1 Coppa, 1 Supercoppa italiana e 1 europeia, duas Champions (2002-03 e 2006-07) e o Mundial de Clubes 2007. Aliás, o holandês nascido no Suriname foi o primeiro jogador a ganhar a Champions League por três times diferentes. em 94-95 pelo Ajax,  em 97-98 pelo Real Madrid e duas vezes pelo Milan!

O mister Seedorf vai ter muito trabalho para arrumar a defesa do Milan. Buona fortuna, #Sidão!

Continuar lendo “Valeu, valeu, Seedorf”

Kaká: 100, não, 101 gols com a camisa do Milan. E contando…

Milan em festa pela marca de Kaká: https://www.facebook.com/ACMilan
Milan em festa pela marca de Kaká. Imagem: página do Milan no Facebook https://www.facebook.com/ACMilan

Nesta segunda-feira, no estádio San Siro, o meia-atacante Kaká chegou à marca de 100 gols com a camisa #rossonera. E já a ultrapassou. Anotou o gol 101 também. Fez dois dos gols em Milan 3×0 Atalanta.

Bom gancho pra retuitar o desenho do Kaká que o designer gráfico Lehel Kovács fez especialmente para o blog Fut Pop Clube. Confira de novo no replay, digo, no RT, aqui neste link.

Será que ainda dá para o camisa 22 do Milan garantir presença em Itaquera, 12 de junho?

Mercado da bola

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fechou a janela, acabou a novela. Gareth Bale é galático. O Real Madrid pode ter pago 100 milhões de euros para tirar o galês do Tottenham Hotspur.
No último dia de negócios no futebol europeu, Kaká acertou sua volta para o Milan, onde foi mais feliz e é adorado pela torcida.
Outro ex-blanco mudou de time. Özil é gunner, festejou o Facebook do Arsenal. Continuar lendo “Mercado da bola”