Copa de Filmes: os favoritos de Luiz Zanin.

Segunda rodada da Copa de Filmes, aqui no Fut Pop Clube. Neste post, os escolhidos pelo jornalista Luiz Zanin, crítico de cinema do jornal O Estado de S.Paulotambém é um dos colunistas da seção “Boleiros” no caderno de esportes do Estadão. No portal do grupo, assina um blog sobre Cinema, Cultura e Afins. Vamos aos votos do Zanin?

Documentários: “Futebol, de Arthur Fontes e João Moreira Salles [coprodução GNT/VideoFilmes]. Há um documentário argentino excelente sobre o êxodo de craques, mas não me lembro do nome.”


Ficção nacional: “Boleiros – Era Uma Vez o Futebol, de Ugo Giorgetti“.
Ficção estrangeira: “Meu Nome é Joe, de Ken Loach” [N da R: cartaz maior que ilustra o post, lá embaixo. Produção inglesa do mesmo diretor de À Procura de Eric, que foi a escolha deste blogueiro, no post anterior. Joe é um ex-alcoólatra que começa a treinar um time amador de Glasgow. O futebol é um pano de fundo para a história de um relacionamento, mas com a conhecida preocupação social do diretor – e claro, referências a Pelé, Jairzinho, Carlos Alberto, Rivelino, Tostão e Gérson. Preciso rever esse, Zanin].

Curta-metragem nacional ficção: “Cartão Vermelho, de Lais Bodanzky”. [conta a história de uma menina que bate bola muito bem. Dá para ver aqui, no site Porta Curtas].

Curta-metragem nacional/documentário: “Geral, de Anna Azevedo” [N da R: exibido no recente CineFoot, tem como personagens os Geraldinos, que faziam a alegria da extinta geral do Maracanã].

Eric Cantona em “À Procura de Eric”.

Eric Cantona em “À Procura de Eric”.
"Eric", o carteiro, com Eric, o Cantona. www.californiafilmes.com.br
“Eric” e Eric. http://www.californiafilmes.com.br

O filme do inglês Ken Loach que abriu a 33ª Mostra de Cinema de SP entrou em cartaz em novembro de 2009. “À Procura de Eric” é um filme leve e divertido, que toca na questão social dos trabalhadores na Inglaterra. Mas posso falar? Mesmo que você odeie futebol e não tenha a menor ideia de quem é Eric Cantona ou de quantos títulos ingleses, europeus e mundiais o Manchester United conquistou, vale a pena experimentar. E se gostar de futebol inglês então… Continuar lendo “Eric Cantona em “À Procura de Eric”.”

“À Procura de Eric”

califórnia filmesSerá que o filme do inglês Ken Loach com hilária participação do Eric Cantona (também produtor executivo) conseguirá atrair um público que não tem a mínima ideia de quem foi o marrento jogador francês, ídolo do Manchester United na década de 90? Tomara! Vi A Procura de Eric na sessão de abertura da Mostra de Cinema de São Paulo, no Auditório Ibirapuera e gostei muito. Futebol, paixão pelo Manchester United (e até pelo FC United, dissidência do clube fundada por torcedores insatisfeitos com a venda do ManU para o investidor Malcolm Glazer), gols e lances bonitos de Cantona se encaixam -sem forçar a barra- no drama sobre o carteiro Eric, ainda apaixonado pela primeira mulher, e cria sozinho dois adolescentes. Claro, é torcedor fanático do Manchester United. Continuar lendo ““À Procura de Eric””

Gol da Mostra de Cinema

poster_MOSTRA 33 A 33ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo começou com uma sessão só para convidados do filme “À Procura de Eric”, de Ken Loach, que tem o controverso ex-jogador francês Eric Cantona (fez fama com a camisa 7 vermelha do Manchester United) como ator, no papel dele mesmo. Mas não é documentário, não é um filme só sobre futebol, que entra como pano de fundo no drama do carteiro Eric, separado da mulher, que cria 2 adolescentes. Foi aplaudido na sessão de abertura. A Mostra traz, entre centenas de filmes, algumas películas que já mencionei aqui no Fut Pop Clube. A obra de Emir Kusturica sobre Maradona e os documentários O Poder do Soul/Soul Power e  A Todo Volume (It Might Get Loud) – com os heróis da guitarra Jimmy Page, The Edge e Jack White. Continuar lendo “Gol da Mostra de Cinema”