Dica de leitura: “Guardiola Confidencial”.

3-4-3? 4-3-3? 4-1-4-1? Para Pep Guardiola, essas nomenclaturas de sistemas táticos de futebol são como números de telefone. E o treinador odeia a expressão tiki-taka, ficar tocando a bola apenas por tocar. Quer ganhar, sempre, e do seu jeito de jogar futebol. No livro
10984102_894088160627793_2447121546588417667_nGuardiola Confidencial (Herr Pep, na premiada versão original),  o jornalista Martí Perarnau conta que o treinador catalão atirou no lixo um jornal que destacou uma declaração de Lotthar Matthaus (“o tiki-taka chegou à Bavária”). Martí Perarnau mergulhou na primeira das três temporadas de Guardiola no comando do Bayern, teve acesso total aos treinos e bastidores, em troca do compromisso de só revelar depois que a temporada 2013-14 acabasse. “No livro, você pode escrever tudo o que ver e criticar tudo o que quiser, mas durante a temporada não conte fora o que descobrir dentro do Bayen”, disse Guardiola. Em 2015, o livraço de Perarnau ganhou edição brasileira por uma nova editora, a Grande Área. O título aqui é Guardiola Confidencial. 408 páginas, R$ 44,90. Continuar lendo “Dica de leitura: “Guardiola Confidencial”.”

Borussia Dortmund, 116

O sábado do Borussia Dortmund não foi lá muito feliz em termos de Bundesliga 2015-16. O aniversariante viajou a Colônia, perdeu de virada – o segundo gol do Köln foi um presentaço da defesa visitante – e viu o arquirrival de Munique ganhar com gol de pênalti de Thomas Müller – contrato renovado até 2021! – e abrir 8 pontos de vantagem na ponta da tabela. O Bayern (ainda) de Guardiola já garantiu o simbólico título de “campeão de inverno”.

Borussia DortmundMas 116 anos de história do Dortmund não merecem passar em silêncio. Pra quem não viu ainda, olha este vídeo da orquestra da rádio WDR com a torcida do Borussia. Também receberam esta homenagem o Köln, o Borussia ‘Gladbach, o Bayer Leverkusen e o Schalke 04.

Continuar lendo “Borussia Dortmund, 116”

#DerBomber70. Força, Gerd Müller!

O maior artilheiro da história do Bayern e de toda a Bundesliga completou 70 anos neste 3 de novembro. Os números de Müller – Gerd Müller – são impressionantes, como mostra o infográfico abaixo, publicado pelo Bayern nas redes sociais. Pelo Bayern, são 365 gols em 427 jogos de Bundesliga, entre 1964 e 1979- 40 só na temporada 71/72. Mais 66 gols em 74 partidas de Copa da Europa (Champions) Ganhou quatro vezes a Bundesliga, três vezes a Copa/Liga dos Campeões, um Mundial Interclubes (Copa Intercontinental 1976, sobre o Cruzeiro campeão da Libertadores; marcou um gol), mais 1 Recopa (Copa das Copas), 4 Copas da Alemanha… Pela seleção alemã, Müller marcou 68 vezes (em 62 jogos) – 10 tentos no México 70, artilheiro daquele fantástico Mundial – e seus gols ajudaram a Nationalmannschaft a conquistar a Euro 72 (decisivo: marcou os 2 gols na semifinal contra a Bélgica e mais 2 na final contra a URSS) e o Mundial 74, contra o Carrossel Holandês (fez o da virada). Der Bomber foi sete vezes artilheiro do campeonato alemão. Não. Der Bomber nasceu artilheiro. Seu negócio era a grande área.

facebook.com/.fcbayernen
https://www.facebook.com/fcbayern.en

Continuar lendo “#DerBomber70. Força, Gerd Müller!”

Bayern, 1.000 vitórias na Bundesliga.

A goleada de 4 a 0 sobre o Colônia neste sábado foi a milésima vitória do Bayern de Munique em 1.714 partidas na Bundesliga (que o gigante bávaro disputa desde 1965). Marcaram Robben (de volta! aí sim!), Vidal e, claro, Lewandowski e Thomas Müller.

12065945_950214858382922_1189026521880031997_n
facebook.com/fcbayern

Nas redes sociais, o Bayern usou a hashtag #FCB1000. O clube chegou mesmo a criar um perfil no Instagram para celebrar as mil vitórias. _fcb100. Um mosaico espetacular da história do clube em 50 anos de Bundesliga, com fotos de ídolos (alguns deles brasileiros) – também funciona como uma linha do tempo das mudanças das camisas do Bayern (e foram muitas). Destaca as vitórias de número mais ou menos redondos nessa contagem até a nº mil.

  • A 1ª vitória: veio na 2ª rodada da Bundesliga 1965-66, em 21 de agosto de 1965: 2×0 sobre o Eintracht Frankfurt, no estádio Grünwalder, que já foi usado tanto pelo Bayern como por seu rival Munique 1860.
  • Vitória 100: campeonato alemão de 1970-71,
    20151020_073943
    Camisa retrô como a que o Bayern usava no final dos 60, começo dos 70.

    15ª rodada, Bayern 2×1 Werder Bremen.

  • Vitória 200: na liga de 1975-76, 13ª rodada: 5×1 no Rot-Weiß Essen, no estádio Olímpico de Munique.
  • Vitória 250: 1º de agosto de 1979, rodada de abertura da Bundesliga 79-80, Bayern 3×1 Bayer Leverkusen, também no Olympiastadion de Munique.
  • Vitória 350: em 24 de outubro de 1981, rodada 11 do campeonato de 81-82, Bayern 3×2 Eintracht Frankfurt também no Olímpico de Munique- um certo Joachim Löw abriu o placar para os visitantes
  • Vitória 400: 29 de novembro de 1986, 16ª rodada da Bundesliga 86-87: Bayern 1×0 Stuttgart.
  • Vitória 500:  4 de abril de 1992, Bundesliga 91-92, rodada 31: Bayern 4×2 Stuttgarter Kickers.
  • Vitória 600: 8 de novembro de 1997, 14ª rodada da Bundesliga 97-98: o brasileiro Elber garantiu a vitória de 1 a 0 contra o Aminia Bielefeld.

    Gol de Elber na vitória nº 600 do #FCB1000 : https://instagram.com/_fcb1000/
    Gol de Elber na vitória nº 600 do #FCB1000 : https://instagram.com/_fcb1000/
  • Vitória 700: 14 de setembro de 2002, rodada 5 da Bundesliga 02-03: Bayern 2 a 1 Nuremberg. Olha o Zé Roberto (hoje do Palmeiras)!

    #FCB700 : https://instagram.com/_fcb1000/
    #FCB700 : https://instagram.com/_fcb1000/
  • Vitória 750: 21 de janeiro de 2005, 18ª rodada da Bundesliga 04-05, Bayern 3×0 Hamburgo, no Olympiastadion de Munique.
  • Vitória 800: 7 de abril de 2007, rodada da Bundesliga 06-07, Bayern 2×1 no Hannover.
  • Vitória 900: 10 de março de 2012, campeonato de 2011-12, Bayern 7×1 Hoffenhein!
  • Vitória 1.000: a décima em 10 rodadas da Bundesliga 15-16. Bayern 4×0 Colônia. Allianz Arena, 24 de outubro de 2015.

    _fcb1000
    _fcb1000

Continuar lendo “Bayern, 1.000 vitórias na Bundesliga.”

Bem-vindos à Bundesliga!


A gente já mostrou aqui as faixas de torcidas como as do Borussia Dortmund, Werder Bremen, St.Pauli e Celtic, dando boas-vindas aos refugiados. E a camiseta solidária com que Atlético de Madrid e Barça entraram no Calderón, no grande clássico de sábado. No mesmo dia, vários times da Bundesliga e até jogadores como o Thiago Alcântara demonstraram sua solidariedade às vítimas da maior crise migratória do século.

Os jogadores do Bayern entraram na Allianz Arena ao lado de crianças alemãs e também de refugiadas (vídeo acima e Tweet abaixo). O gigantesco clube vai investir 1 milhão de euros num centro de treinamento para os que chegam à Bavária.

#StehAuf = #StandUp. Levante-se! Foi a mensagem do Schalke, na Veltins Arena superlotada. Antes da partida contra o Mainz, o ídolo Gerald Asamoah se encontrou com 16 crianças refugiadas para compartilhar memórias de imigrante e dar boas-vindas. Dica da Trivela.

//platform.twitter.com/widgets.js Continuar lendo “Bem-vindos à Bundesliga!”

“Going to the Match”: a fotografia da paixão pelo futebol.

IMG_20150904_202628Dica da ótima revista Líbero. O fotógrafo Przemek Niciejewski, especializado em cultura do futebol, se prepara para lançar um livro de fotos, resultado da experiência de 25 anos registrando os torcedores e os grandes estádios lotados de campeonatos milionários como a Bundesliga ou da Premier League, mas também o futebol amador, em países como a Polônia – terra natal de Niciejewski. “Going to the Match” é o nome do projeto, que está sendo viabilizado pelo sistema de ‘vaquinha online’, o crowdfunding, na plataforma Kickstarter (clique aqui). As contribuições começam em 20 euros, o que daria direito a um exemplar do livro. “Going to the Match” deve ter 204 páginas, 160 fotos, no formato 17 x 23.5 cm, capa dura.
No link dentro do post, dá pra ver um slide-show com muitas fotos de Niciejewski. Continuar lendo ““Going to the Match”: a fotografia da paixão pelo futebol.”

#RefugeesWelcome: as torcidas alemãs e do Celtic deram um belo exemplo, na crise dos refugiados.

Peço perdão pelos dias de atraso, mas não posso deixar em branco essa demonstração de solidariedade. Na rodada do fim de semana, torcedores de times como Borussia Dortmund, Werder Bremen, Bayern, St.Pauli (este bravo clube da segunda divisão da Bundesliga) e do Celtic usaram faixas de apoio aos refugiados que chegam – ou tentam chegar – à Europa.

Antes, o Borussia já tinha levado 220 refugiados – na faixa! – ao Signal Iduna Park para ver a partida contra o Odds Ballklubb, pela Liga Europa.

#RefugeesWelcome : 220 ganharam ingressos para ver jogo do Borussia na Europa League: facebook.com/BVB/
#RefugeesWelcome : 220 ganharam ingressos para ver jogo do Borussia na Europa League: facebook.com/BVB/

Continuar lendo “#RefugeesWelcome: as torcidas alemãs e do Celtic deram um belo exemplo, na crise dos refugiados.”

#Bundesliga 2015-16.

#Bundesliga 2015-16.

Atualizado em agosto

Fa15_Club_Kits_PR_Match_Full_Body_H_Eintracht_Frankfurt_R_native_1600Está no ar a Bundesliga! Neste post, uma geral no mercado da bola alemã: quem chegou, quem saiu, em cada clube. E os uniformes. Quem veste mais times?

A alemã Adidas patrocina 5 times: Bayern, Bayer Leverkusen, Hamburgo, Schalke e o caçula Ingolstadt.
A americana Nike vem em seguida, com 4 equipes. Augsburg, Eintracht Frankfurt, Hertha Berlin e Werder Bremen.
A marca alemã Puma veste dois times (Borussia Dortmund e Stuttgart), empatada com as italianas Kappa (Borussia Mönchengladbach, Wolfsburg)  e Lotto (Hoffenhein e Mainz 05) e com a também alemã Jako (Hannover 96 e o caçula Darmstadt).
A Erima (que já vestiu a seleção alemã) fornece os atuais uniformes do Colônia (FC Köln).

Tem camisas muito bonitas. Destaco a primeira camisa do Eintracht Frankfurt (Nike, imagem à direita), todas do Wolfsburg (Kappa), a terceira camisa do Schalke, a segunda do Bayern de Munique e a primeira do novato Ingolstadt (Adidas). Mas a torcida do Flamengo vai preferir a do Bayer Leverkusen…

Confira tudo dentro do post. Continuar lendo “#Bundesliga 2015-16.”