River retrô

Bela a camisa retrô que a Adidas Originals lançou numa linha pro torcedor do River Plate, em homenagem ao título argentino do Apertura 1994 (invicto).12009710_784334581713298_6270212183947416955_n
O distintivo do CARP ficava no lado direito, fora da “banda roja” que caracteriza a camiseta titular dos Millonarios. O River Plate era treinado por Rubén Gallego, que substituiu o Passarela. Com a volta do principito Enzo Francescoli (ídolo de Zidane), tinha ainda no plantel Burrito Ortega e Marcelo Gallardo (hoje o técnico do campeão da Libertadores).  Os três ídolos riverplatenses marcaram num 3×0 sobre o Boca em plena Bombonera. Dentro do post, mais imagens da coleção casual lançada pela Adidas Originals (tem tênis, abrigo e camiseta). Continuar lendo “River retrô”

Moda casual pra “red devil” nenhum botar defeito.

Man retrô 12030461_10153266958527746_3529245138011456681_o
Melhor que aquele logotipão da montadora americana, não é, não?

A Adidas Originals lançou uma bela linha retrô do Manchester United. A inspiração é a década de 80, quando os Red Devils também vestiam Adidas, como a partir desta temporada (2015-16). Mais especialmente, a fonte é a temporada 1984-85, quando o United conquistou a tradicional Copa da Inglaterra, contra o Everton, no velho Wembley – a camiseta usada na final era semelhante a esta daí debaixo, (re)lançada agora pros torcedores.

Retrô semelhante à da final da FA Cup, 1985.
Retrô semelhante à da final da FA Cup, 1985.

A coleção ainda tem camisas polo, de treino, abrigos e moletons. Veja mais:
Continuar lendo “Moda casual pra “red devil” nenhum botar defeito.”

Kaiser Franz Beckenbauer: 70 anos e contando.

20150911_162021
Na sexta-feira, o Kaiser completou 70 anos. Franz Beckenbauer escreveu seu nome em qualquer encilcopédia de futebol como um dos maiores jogadores de todos os tempos, campeão do Mundial 74 como jogador e da Copa 90 como treinador. Na Alemanha, a Adidas Originals lançou uma coleção de moda casual inspirada no capitão. Esperamos que algo chegue por aqui, especialmente estas camisas da Alemanha campeã de 90.

Continuar lendo “Kaiser Franz Beckenbauer: 70 anos e contando.”

(Novas) camisas retrôs do Palmeiras

https://www.facebook.com/adidasFutebol
https://www.facebook.com/adidasFutebol

Na vitória contra o Bahia, no último fim de semana, pela rodada #32 do BR-2014, os jogadores do Palmeiras entraram no gramado vestindo uma camisa retrô (re)lançada pela Adidas. Verde escuro, gola V, número 9 com o tipo padrão da Adidas na época,  logo do fabricante, mas sem as tradicionais três listras. Uma camisa muito semelhante à usada na segunda metade dos anos 80, pelo que pude perceber no livro do Paulo Gini e do Rodolfo Rodrigues, “A história das camisas dos 12 maiores times do Brasil” (a original tinha um banner gigante do patrocinador, Agip; nas ruas e arquibancadas, de vez quem quando se vê um alviverde com essa camisa clássica). Veja os detalhes da camiseta retrô, lançada pela Adidas em 2014 (clique em qualquer imagem para abrir a galeria).


Já a colorida camisa de goleiro agora (re)lançada lembra um uniforme usado pelo espetacular Zetti, em 1988. Em algumas fotos da época, o goleiro usava uma camisa que tinha a inicial P cercada pelas oito estrelas do escudo atual, além do banner gigante da Agip. Dica do alviverde Fernando Nakajato. Confira os detalhes.


Isso mesmo. Antes de ser campeão e bicampeão de (quase) tudo pelo tricolor, Zetti viveu excelente fase no Verdão. Em 1987, chegou a ficar 1.238 minutos sem tomar gol. Invencibilidade quebrada justamente por um ex-ídolo palmeirense: Luís Pereira, que em maio de 1987 jogava no Santo André.Senhor goleiro.tivera

E o amigo alviverde do blog lembra que foi com essa colorida camisa de goleiro usada pelo Zetti em 1988 que outro jogador do Palmeiras viveu uma noite de herói no Maracanã. Brasileirão de 88, partida contra o Flamengo. Zetti quebrou a perna numa dividida. O atacante Gaúcho teve que ir pro gol e vestiu a camisa 1 de Zetti. Pior Em caso de empate, todos os jogos tinham decisão por pênaltis! E não  é que Gaúcho improvisado no gol defendeu dois pênaltis e com a camisa de goleiro converteu sua cobrança? O nome do jogo, naquela sexta-feira, 18 de novembro, que teve jeito de sexta 13 pro Zetti, e de noite de gala para o atacante improvisado no arco (veja um vídeo da época aqui).

Continuar lendo “(Novas) camisas retrôs do Palmeiras”

Camisa retrô em homenagem ao centenário do Palmeiras.

O preço é bem salgado – quase 500 reais – mas certamente vai ter alviverde economizado muito para comprar esta bela camisa retrô de 1914, que foi lançada pela Adidas Originals, em homenagem ao centenário do Palmeiras, um dos clubes vestidos pela marca das 3 listras no Brasil.
São apenas duas mil camisas à venda. Cada uma vem numa embalagem especial, de madeira – segundo a fabricante, às caixas usadas para embalar os uniformes na época de fundação do Palestra Itália – cujas iniciais estão bordadas no kit.

É bom lembrar que para este ano de centenário, a Adidas já lançou quatro uniformes oficiais de jogo do Palmeiras, fora uma camisa de goleiro.
Ainda este ano, o palmeirense deve ganhar de presente um dos estádios mais bonitos do país, o Allianz Parque. Segundo reportagem do esporte da Folha de S.Paulo,  em setembro vai rolar um evento-teste para 3 mil torcedores,  com a exibição de um filmaço sobre o período que foi do fim da Academia ao fim do jejum. 12 de Junho de 1993 – O Dia da Paixão Palmeirense”, de Mauro Benting e Jaime Queiroz. Tive a chance de ver no festival CINEfoot e tenho certeza que o alviverde vai se emocionar. Continuar lendo “Camisa retrô em homenagem ao centenário do Palmeiras.”