Amor eterno

Você fica incomodado com as notícias de milhões pra cá, milhões pra lá nos times de futebol, as denúncias contra a Fifa, as escolhas das sedes dos Mundiais, mas quer continuar gostando de futebol, certo? Eu também me sinto assim, não sei até quando a paixão vai resistir. E gostaria de recomendar a reportagem do Patrick Cruz, no imperdível caderno “Eu&”, do jornal “Valor Econômico”.  Ele conta seis casos de amor pelo futebol, entre eles, os dos torcedores do Man United que fundaram o FC United of Manchester, a saga pra reerguer o Sport Club Gaúcho, de Passo Fundo, hoje na terceirona estadual, os dos sócios-proprietários do Real Oviedo, que acaba de subir pra segundona espanhola, e os fãs do Heart of Midlothian, campeão da segunda divisão escocesa. Dá pra ler a reportagem do Patrick Cruz neste link aqui – pede cadastro, que é fácil de fazer.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Continuar lendo “Amor eterno”

Futebol carioca

Por que o campeonato do Rio, que levava 120… 143… até 177 mil pessoas ao Maracanã em dia de final,… que poderia reunir mais de 100 mil num jogo entre o Flamengo e algum time do subúrbio… no ano passado teve média de 3.171 torcedores por jogo? O encolhimento do futebol carioca, “entre as glórias do passado e um futuro de incertezas”, é o tema de um artigo que gostaria de recomendar, “À Espera de Novos Gols”, do jornalista Chico Santos, publicado no caderno Eu & Fim de Semana, do jornal Valor Econômico, de sexta-feira, 13 de dezembro. Com sorte, o Valor de sexta-feira ainda pode ser encontrado nas bancas. Mas dá para ler o artigo de Chico Santos neste link aqui, mediante cadastro. Continuar lendo “Futebol carioca”