Diário de bordo: giro do Fut Pop Clube em 2018

Diário de bordo: giro do Fut Pop Clube em 2018

Foram dez jogos em cerca de 20 dias. Dez estádios diferentes, oito deles inéditos para o blog Fut Pop Clube. Abaixo, um resumo do #RolêDoFutPopClube, temporada 2018, por campos da Inglaterra e Espanha.

  • Tottenham Hotspur 2×0 Huddersfield Town FC, Wembley Stadium, 3 de março de 2018.

    Vitória do Tottenham em Wembley, 3 de março de 2018.

Conhecer Wembley era um sonho de muitos anos – infelizmente não visitei o estádio como era antes. A temporada inteira dos Spurs no estádio nacional da Inglaterra, casa oficial da seleção inglesa, proporcionou a oportunidade. Ok, não foi nenhum clássico, mas uma partida em que os lillywhites consolidaram a boa campanha na Premier League 2017-2018 com mais uma vitória, pela 29ª rodada. Fui pra ver Harry Kane e acabei assistindo ao sul-coreano Son brilhar, marcando os dois gols. Atmosfera muito bacana, que já começa no caminho entre a estação Wembley Park e o estádio. Tente resistir à oferta de programas, cachecóis, pins e até flâmulas nas bancas e mãos dos vendedores…

Wembley, 3/03/2018

O brasileiro Lucas Moura (São Paulo, PSG) entrou no final, puxou algumas bolas, mas não foi muito adiante em contra-ataques. 68.311 espectadores contribuíram para o belo espetáculo. Mais desse jogo no post anterior. Dias depois, os Spurs seriam eliminados da Champions pela Juve dentro de Wembley.

  • Crystal Palace 2×3 Manchester United, Selhurst Park, 5 de março de 2018
Selhurst Park, março de 2018.

Dois dias depois do jogo do Tottenham, ainda pela rodada 29 da Premier, FutPopClube foi ao sul de Londres numa segunda-feira à noite conhecer o estádio do Crystal Palace, numa partida emocionante contra o Man United, de José Mourinho. Vinte e oito mil pessoas no Selhurst Park, que é um alçapão – tive a sensação que aquilo é um barril de pólvora que pode explodir a qualquer momento. Panela de pressão total, tribunas grudadas no campo. Uma torcida participante o tempo todo empurrou o Palace, que abriu 2×0. Mas quando Mourinho mandou o United pra frente, no segundo tempo, o time da casa não resistiu. E perdeu de virada no finalzinho. Claro que a torcida do azul e vermelho do sul de Londres ficou p… da vida (o time vai lutar pra não cair), mas deu show a partida toda. Ouça um dos cantos:

Não sei se por ser um jogo contra o Manchester United, mas Selhurst Park confirmou todas as expectativas e até as superou. Um dos melhores ambientes futboleros encontrados nesta viagem, se não o melhor. Parabéns, Palace! Se cair, que volte logo. Mais neste post aqui.

Continuar lendo “Diário de bordo: giro do Fut Pop Clube em 2018”

Sul-coreano Son definiu a vitória do Tottenham Hotspur contra o Huddersfield, em Wembley.

Sul-coreano Son definiu a vitória do Tottenham Hotspur contra o Huddersfield, em Wembley.

Wembley, 3 de março de 2018


Camisa 7 do Tottenham, o rapidinho sul-coreano Heung-Min Son fez os dois gols na vitória dos lillywhites contra o Huddersfield Town, para 68.411 espectadores em Wembley.
No primeiro, bola de Harry Kane para Dele Alli, que deu passe açucarado para Son. O sul-coreano teve calma e classe para limpar o goleiro Jonas Lössl e tocar pro fundo das redes. Eram decorridos 27 minutos do primeiro tempo.

No segundo tempo, quando o Huddersfield parecia querer empatar, o mesmo trio resolveu. Dele Alli recuperou a bola, Kane lançou para Son marcar de cabeça, no canto inverso do goleiro.

O brasileiro Lucas Moura entrou faltando 7-10 minutos.

Ele é rápido, tem classe”, comentaram os torcedores do Spurs perto deste que vos bloga.

Só que em vez de aproveitar essa velocidade, nos minutos em campo Lucas recuperava a bola, num rebote, e tocava para alguém puxar o contra-ataque.

Num dos quatro corners, ficou a torcida do Huddersfield, que fez barulho. Já principal canto dos torcedores do time da casa é o “come on you, Spurs” (#COYS virou hashtag) e quando berrado a plenos pulmões por quase 68 mil pessoas, ficou impressionante (a acústica de Wembley é bem marcante).

Na temporada 2017-18, o estádio nacional da Inglaterra, casa da seleção inglesa, palco de finais da Copa da Inglaterra, da Copa da Liga inglesa e das finais das divisões de acesso, é também a casa do Tottenham Hotspur, que está terminando de construir um novo e moderníssimo estádio no local do anterior, White Hart Lane. Nessa temporada, os Spurs mandam em Wembley todos os jogos caseiros, como os de Premier League e os de Champions. Bela oportunidade para o blog Fut Pop Clube conhecer o tempo do futebol, sede das Olimpíadas de 1948 e da Copa do Mundo de 1966, totalmente reconstruído nos anos 2000 (o novo Wembley foi reaberto em 2007 e comporta 90 mil espectadores).

E o estádio e suas redondezas estão completamente preparados para receber o Tottenham, como se fosse o dono da casa, mesmo. Nome e símbolos do clube do norte londrino estão espalhados dentro e fora do estádio – a loja do estádio vende tudo quanto é produto dos Spurs, mas não exclusivamente. Encontrei muitos produtos da seleção inglesa, na real a ‘dona’ da casa, e até algo de outros clubes (do rival Arsenal, Chelsea, United, City).

Wembley Park é a principal estação de metrô de acesso ao estádio, embora não a única. Dela já dá pra ver o estádio.

No fim da jornada, o supertelão externo informa o placar final da partida – alíás, um resultado completamente justo.