“Coluna de Música” a todo volume


Semana Metallica! Saiba como foi o show de São Paulo na minha Coluna de Música
. Pitacos e set-list do show da turnê World Magnetic.

– Há 12 anos, outra mega turnê passou pelo estádio do tricolor paulista: a PopMart do U2 (relembre)!

– Por falar em U2, The Edge é uma das guitarras do filme A Todo Volume“, que entrou em cartaz em SP. Aleluia!

– Ouça o quinto disco do Mustang, trio carioca de Carlos Lopes, ex-Dorsal.

– Um livro bem apropriado para esses dias de rock e chuva: “Metendo o Pé na Lama – os Bastidores do Rock in Rio de 1985, quase um diário pessoal do diretor de arte Cid Castro, que bolou a marca do festival!

Leia tudo isso e muito mais na minha nova Coluna de Música, aqui ao lado, na mesma blogosfera.

Gol da Mostra de Cinema

poster_MOSTRA 33 A 33ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo começou com uma sessão só para convidados do filme “À Procura de Eric”, de Ken Loach, que tem o controverso ex-jogador francês Eric Cantona (fez fama com a camisa 7 vermelha do Manchester United) como ator, no papel dele mesmo. Mas não é documentário, não é um filme só sobre futebol, que entra como pano de fundo no drama do carteiro Eric, separado da mulher, que cria 2 adolescentes. Foi aplaudido na sessão de abertura. A Mostra traz, entre centenas de filmes, algumas películas que já mencionei aqui no Fut Pop Clube. A obra de Emir Kusturica sobre Maradona e os documentários O Poder do Soul/Soul Power e  A Todo Volume (It Might Get Loud) – com os heróis da guitarra Jimmy Page, The Edge e Jack White. Continuar lendo “Gol da Mostra de Cinema”

“Maradona” e craques da música no Festival do Rio

maradona por kusturicaDepois d Festival do Rio, a Mostra de São Paulo traz o filme de Emir Kusturica sobre don Diego. O Maradona de Kusturica tem participação de Messi e Manu Chao, que cedeu sua canção La Vida Tombola para o filme.

Uma excelente notícia: a distribuidora Europa Filmes vai lançar o Maradona de Kusturica nos demais cinemas em 20 de novembro.

Para quem gosta de documentários musicais, a Mostra segue o Festival do Rio e também tem atrações como A Todo Volume/It Might Get Loud(leia mais), doc que reúne Jimmy Page do Led, The Edge do U2 e Jack White dos White Stripes e The Dead Weather. Ou O Poder do Soul/Soul Power, com James Brown, Miriam Makeba e BB King.

P.S: E o sempre esperado novo de Almodóvar, Abraços Partidos, com La Penélope Cruz.

Continuar lendo ““Maradona” e craques da música no Festival do Rio”

Guitarras na tela. “A Todo Volume”.

it might get loud Jimmy Page, Jack White e The Edge. Três heróis da guitarra de diferentes gerações do rock num mesmo filme.  “It Might Get Loud” deve ser lançado no Brasil em 6 de novembro, com o nome de “A Todo Volume”. O doc, de 2008, passou em festivais (Sundace, Berlim, Toronto, Rio). O diretor é Davis Guggenheim (o mesmo do filme do Al Gore sobre clima…). Mas a julgar pelo trailer dá para ficar ansioso. O produtor Thomas Tull diz que a diferança de outros documentários de concertos é que “It Might Get Loud” tenta mostrar a relação entre essas três feras e suas guitarras.

Veja aqui salas e horários das próximas sessões na Mostra de Cinema de São Paulo.

E vem aí um filme sobre os White Stripes. Under Great White Northern Lights. Estreou no festival de Toronto, em setembro de 2009. Continuar lendo “Guitarras na tela. “A Todo Volume”.”

Longa vida à Les Paul (1915-2009)

TheLog1Guitarristas de verdade, de papelão e air guitarrists de todo o mundo lamentam a morte do músico, inventor e compositor Les Paul, aos 94 anos. Em 1941, ele bolou a primeira guitarra de corpo maciço. Em 52, veio o clássico modelo Les Paul, fabricado pela Gibson. Muito usado por heróis da guitarra como Jimmy Page (Led), Jeff Beck, Pete Townshend (The Who), Adrian Smith (Iron Maiden), Slash… No 4º DVD da coleção A História do Rock´n´Roll, o capítulo 7 da série,1959%20LP%20Standard Heróis da Guitarra, mostra um trechinho de show de 1994, na House of Blues. Guitarristas de três gerações tocaram ao lado de Les Paul. “Sempre que estou com problemas, eu pego minha guitarra e toco”, disse Les Paul.

Você se lembra de quem mais arrasou tocando uma Les Paul? Escreva em DEIXE UM COMENTÁRIO. Valeu.

SOM NA TELA: Yardbirds em “Depois Daquele Beijo”

DEPOIS DAQUELE BEIJO (Blow-up), de Michelangelo Antonioni

DEPOIS DAQUELE BEIJO (Blow-up), de Michelangelo Antonioni

Mais um indicação para o seu, o meu, o nosso festival particular de filmes sobre música ou futebol. “Depois Daquele Beijo”, o clássico “Blow-Up” de Antonioni, de 1966, não é exatamente um filme de rock. Mas numa cena, o fotógrafo interepretado por David Hemmings (que contacena com a bela Vanessa Redgrave) acaba parando num casa de shows de Londres, onde se apresentam  The Yardbirds, então com ninguém menos do que Jimmy Page (com  maior cara limpa de adolescente) e Jeff Beck na guitarra. A banda toca “Stroll On”, uma versão um pouco diferente do classicão “The Train Kept A-Rollin’ “. Uma ceninha só do filme, mas vale a pena ver  Jeff Beck dando uma de GUITAR HERO nervosinho, batendo a guitarra no amplificador, quebrando o instrumento e jogando parte para a platéia, que fica alvoraçada. E o fotógrafo com cara de “o-que-é-que-eu-estou-fazendo-aqui”… Também é bem interessante a cena do jogo de tênis imaginário!Ah, a trilha desse filme quase sem palavras é de Herbie Hancock, papa do piano jazz, autor por exemplo da sensascional “Cantaloupe Island”, regravada pelo US3 como “Cantaloop” nos anos 90.