Bayern 2017-18 com visual retrô. E sem Lahm e Xabi Alonso.

Bayern 2017-18 com visual retrô. E sem Lahm e Xabi Alonso.

O Bayern, pentacampeão alemão, fechou a temporada 2016-17 da Bundesliga com 82 pontos, 15 a mais que o vice (o RB Leipzig). Hoje goleou o Freiburg por 4×1, no jogo que marcou a despedida do capitão Philipp Lahm e de Xabi Alonso. E como tem sido praxe, no fim de cada campeonato, o Bayern estreia o “trikot” que vai vestir na temporada seguinte.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A nova camisa 1 do Bayern, com quatro linhas brancas na frente, é inspirada pela segunda camisa de 1973-74 – era de Beckenbauer, Sepp Maier, Gerd Müller e cia vitoriosa. Bacana. Olha só!

 

O timaço do Bayern 73-74, e o visual que inspira a camisa 17-18. FCBayern.com

Mais uma salva de prata na galeria de títulos do Bayern – a primeira de Carlo Ancelotti. E tome banho de cerveja! Continuar lendo “Bayern 2017-18 com visual retrô. E sem Lahm e Xabi Alonso.”

De camarote

27 de fevereiro de 2016

Podemos dizer que o Barça assiste de camarote ao dérbi madrilenho que vai ser disputado neste sábado, no Bernabéu. O líder de La Liga tem 8 pontos de vantagem sobre o Atleti e 9 sobre o Real Madrid. Se der empate no clássico de Madri, no domingo o Barça pode ampliar para 11 e 12 pontos a vantagem. Basta vencer no Camp Nou o perigoso Sevilla, 5º colocado no campeonato. Nesse caso, se a partida entre blancos e rojiblancos tiver vencedor, o perdedor dá praticamente “adiós” ao sonho de impedir mais uma taça do time de Luis Enrique. Por isso, o diário catalão (e blaugrana por linha editorial) fez esta capa, muito boa por sinal.

http://www.sport.es/es/noticias/barca/consulta-portada-sport-de-hoy-4932241
http://www.sport.es/es/noticias/barca/consulta-portada-sport-de-hoy-4932241

Situação diferente de um, dois anos atrás (lembro que Real e Atleti decidiram a Champions num derbi madrileño lisboeta).  Mas  como já disseram, clássico é clássico e vice-versa! E o de Madri rende horas de debates apaixonados nos balcões de bares… e não só! Em qualquer lugar da capital.

No ano passado, o departamento de turismo da Comunidade de Madri publicou dois anúncios bem legais mostrando visões madridistas e atleticanas da capital espanhola. Diego Simeone Fernando Torres, Raúl Jiménez, Koke,  Griezmann e o então ídolo rojiblanco Arda Turan (hoje no Barça)) mostraram uma outra Madri. Boas dicas!

Pelo lado do Real, o multicampeão Carlo Ancelotti (agora a caminho de Munique) ainda era o técnico merengue na época do vídeo. Astros do futebol (Cristiano Ronaldo, Isco, Bale, Toni Kroos, Benzema, Navas) e do basquete blanco (Nocioni, Sergio Llul, Sergio Rodríguez e Felipe Reyes) participaram do divertido anúncio. Confira dentro do post. E não deixe de conhecer Madri!

Continuar lendo “De camarote”

Dez anos do milagre de Istambul. Três vira… 3 a 3 acaba. E o Liverpool ganhou sua quinta Copa da Europa nos pênaltis.


A final da Liga dos Campeões 2005, na Turquia, é considerada uma das decisões mais emocionantes da história. Dez anos atrás, numa galáxia não muito distante, o Milan de Carlo Ancelotti (será que volta, depois de sair do Real Madrid?) tinha uma seleção mundial, incluindo nomes como Dida, Cafu, Maldini, o raçudo Gattuso, Pirlo, Seedorf, Kaká, Crespo etc. Saiu na frente logo no começo, Maldini. Crespo fez mais dois, 3 a 0 no primeiro tempo. Balde de cerveja sem álcool para os torcedores dos Reds, em maioria no estádio Atatürk. Continuar lendo “Dez anos do milagre de Istambul. Três vira… 3 a 3 acaba. E o Liverpool ganhou sua quinta Copa da Europa nos pênaltis.”

Enquete: qual é o melhor trio, o B-B-C de Madri ou o M-S-N de Barcelona?

Que trio você prefere? O trio BBC do Real Madrid, com o galês Bale, o francês Benzema e o português Cristiano (Ronaldo)? Ou o MSN, o tridente do Barça formado pelo argentino Messi, pelo uruguaio Suárez e pelo brasileiro Neymar? Vote na enquete abaixo e/ou deixe sua mensagem no espaço de comentários deste post, à vontade. A casa é sua!

JpegNão foi um passeio sem emoção, como no futuro pode parecer o placar da prorrogação.
Até os 92 minutos de decisão na “catedral” da Luz, em Lisboa, os rivais de Madrid, os bravos rojiblancos de Diego Simeone, venciam os vizinhos galáticos e conquistavam pela primeira vez a copa sonhada.
O gol de Sergio Ramos foi um autêntico gol de ouro, que praticamente jogou contra as cordas os extenuados atléticos. Simeone teve que queimar uma substituição com menos de 10 minutos de jogo.
Faltaram pernas para os guerreiros de Manzanares. Não faltou coração.
Um vice-campeão que valoriza demais a décima copa da Europa do Real Madrid.

10403470_10150598412419953_7419887543727439912_n
https://www.facebook.com/RealMadrid
  1. 1955-56
  2. 1956-57
  3. 1957-58
  4. 1958-59
  5. 1959-60
  6. 1965-66
  7. 1997-98
  8. 1999-00
  9. 2001-02
  10. 2013-14

Continuar lendo “La Décima”

Paris Saint-Germain: campeão de escudo e uniformes novos.

PSG.fr
PSG.fr

Num jogo de festa e despedida (3×1 contra o Brest), o Paris Saint-Germain apresentou o uniforme titular com que vai tentar o bi da Ligue 1 e, por que não?, a Champions League, na temporada 2013/2014. Festa por causa do título da liga francesa, o que não acontecia há 19 anos. Jogadores pintaram os cabelos de azul, branco e vermelho. Campeões franceses em 1985-86 e 1993-1994 foram convidados a participar (entre eles, Valdo, Raí, George Weah). Despedida do fut pop superstar pé-quente David Beckham (camisa 32) do Parc des Princes, hoje como capitão. E chorou.
A nova camisa do PSG já tem o escudo renovado, que valoriza o nome da cidade-luz (em post anterior, você acompanha a evolução dos distintivos dos tricolores de Paris).
50646
Continuar lendo “Paris Saint-Germain: campeão de escudo e uniformes novos.”

PSG, campeão francês pela 3ª vez

PSG, campeão francês pela 3ª vez
www.BoutiquePSG.fr
http://www.BoutiquePSG.fr

Enfim, o Paris Saint-Germain conseguiu seu terceiro título da liga francesa. O jovem clube da capital (é de 1970) conquistou o título da Ligue 1 da temporada 2012/13 ao vencer o Lyon fora de casa (1×0). E ainda faltam duas rodadas.
No último título do clube na liga francesa, em 1993/94, Raí e Sonny Anderson estavam no PSG.

Réplica de uniforme do PSG de 1998, autografada por Raí.
Réplica de uniforme do PSG de 1998, autografada por Raí.

O primeiro título foi em 1985/1986.
Olha aí o Thiago Silva em destaque no “banner” usado pelo site e Facebook do PSG! Parabéns ao “monstro”, Alex, Maxwell, Thiago Motta, o recém-chegado Lucas e o diretor Leonardo.

968809_463199403771113_1699683779_n
http://www.psg.fr/fr/
  • O escudo do PSG muda na próxima remporada. Muitas mudanças desde 1970… Confira a evolução aqui.