Jogo 1.117 de Rogério Ceni pelo São Paulo FC

Atualizado em 24 de novembro, às 23h30

O goleiro-artilheiro Rogério Ceni entrou em campo para sua partida número 1.117 com a camisa do São Paulo, no Morumbi, no empate contra o Botafogo (1×1). Bateu o recorde de jogos de Pelé com a camisa do Santos. Goste-se ou não de Rogério, não dá para negar: é um feito e tanto. Como seus 113 gols.

Foto: Luciano Dias
Foto: Luciano Dias

A foto acima mostra as luvas comemorativas do jogo 1.000 de RC ( x Atlético Mineiro, @ Morumbi, Brasileirão 2011), autografadas, orgulho da coleção do torcedor tricolor Luciano Dias.

Hoje ele jogou com a 10.  FOTO Rubens Chiri | http://www.saopaulofc.net/
Hoje ele jogou com a 10.
FOTO Rubens Chiri | http://www.saopaulofc.net/

DSC03330

O Departamento de Comunicação do São Paulo preparou o e-book #M1T01117 – com pesquisa do historiador Michael Serra e produção gráfica da Publishouse. Clique aqui para fazer o download ou aqui para ler.

Dentro do post, uma reprodução do ingresso da milésima partida de Ceni, em 2011. A de hoje pode ser a última de Brasileirão no Morumbi de Rogério, que ainda não anunciou se pendura essa luvas (e a chuteira artilheira) ou renova.  Continuar lendo “Jogo 1.117 de Rogério Ceni pelo São Paulo FC”

Estreia “Santo Marcos”


Novo teaser do filme “Santo Marcos“, que estreia no Espaço Itaú do shopping Boubon, nesta sexta-feira, 22/11, às 18h30. E também em Campinas, Ribeirão, Hortolândia, Mogi Guaçu, Maringá e Londrina.

  • No sábado, 23/11, o documentário passa às 12h12 em salas do Cinemark nos shoppings Eldorado, Pátio Higienópolis, Metrô Santa Cruz e Mooca Plaza.

1402235_260721900746146_1921615255_o Continuar lendo “Estreia “Santo Marcos””

Uruguai na Copa de 2014! E o fantasma de 1950 já está assombrando por aí…


Sensacional o vídeo da campanha El Fantasma Del 50, muito bem sacado e produzido pela agência de publicidade da Puma, atual fornecedora dos uniformes da Celeste Olímpica.

Se a seleção uruguaia vai ter fôlego e perna para chegar a uma nova final no Maracanã, não dá para dizer ainda… Mas é melhor não menosprezar esse “fantasma”… Continuar lendo “Uruguai na Copa de 2014! E o fantasma de 1950 já está assombrando por aí…”

Bem-vindos. Welcome. Bienvenidos.

Atualizado em 20 de novembro de 2013

Argélia, Croácia, França, Gana, Grécia , Portugal e México virão à Copa do Mundo. Algumas classificações foram heroicas, como a dos franceses, que em casa, reverteram o 0x2 do primeiro jogo. E a dos portugueses, fora de casa, com show de Cristiano Ronaldo.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Só falta o Uruguai confirmar. O que deverá acontecer hoje à noite no Centenário lotado.

Um grupo de torcedores até organiza uma homenagem ao home que decidiu a Copa de 50. O gol de Gigghia no episódio Maracanazo será ouvido e comemorado no Centenário. Veja em http://www.youtube.com/watch?v=xqYrIFRp1Fw o comercial da promoção “El Gol de Gigghia”. https://www.facebook.com/ElgoldeGhiggia

https://www.facebook.com/ElgoldeGhiggia
https://www.facebook.com/ElgoldeGhiggia

Brasil, Itália, Alemanha, Argentina, Espanha, Inglaterra, França, certamente o Uruguai (ufa!) … presentes todos os campeões mundiais!

Dentro de campo, a Copa vai ser do caramba! Esperemos que o Brasil não dê vexame fora dos estádios. Que a polícia deixe de bater primeiro antes de perguntar.

Confira a lista dos outros 24 países que já estavam garantidos, por ordem alfabética: Continuar lendo “Bem-vindos. Welcome. Bienvenidos.”

A década Messi

image

Estádio do Dragão no Porto, 16 de novembro de 2003. Um adolescente muito bom de bola estreava no time de cima do Barça, num amistoso contra o Futebol Clube do Porto. Dez anos e 327 gols depois, Lionel virou Super Messi. Três vezes campeão da Champions, seis vezes campeão espanhol, duas vezes campeão mundial de clubes, duas vezes supercampeão europeu, duas vezes da Copa do Rei e seis da Supercopa da Espanha. São 21 títulos pelo Barça. Bola de Ouro: quatro!
Quem gosta de bom futebol, independentemente de bandeiras nacionais, deve torcer para que Messi chegue à Copa em boa forma.
Continuar lendo “A década Messi”