San Lorenzo papa o título argentino, com a benção de Francisco.

DSC02283 Flâmula do Club Atlético San Lorenzo de Almagro, grande campeão do Torneio Inicial do futebol argentino. Foi uma reta final pra lá de emocionante. Quatro times chegaram à rodada final com chance de título: San Lorenzo, Vélez, Newell´s e o campeão da Sul-Americana 2013, o Lanús. Um campeonato de pontos corridos com um quê de mata-mata. Por coincidência da tabela, dois jogos envolveram os quatro concorrentes ao título do torneio que encerra o ano mas marca o começo da temporada argentina, adaptada à europeia.
O líder San Lorenzo teve que visitar o Vélez, vice-líder. O NOB recebeu o Lanús em Rosário. Newell´s e Lanús, de grandes campanhas nas competições da Conmebol em 2013, fizeram um jogão em Rosário. Quatro gols, 2×2. No bairro de Liniers, em Buenos Aires, o goleiro do San Lorenzo, Torrico, fez um milagre numa defesa à queima-roupa e garantiu o título. E o time de coração do Papa Francisco é o campeão. Parabéns aos torcedores do San Lorenzo, que fizeram uma campanha comovente para voltar ao estádio de onde foram despejados pela ditadura. Continuar lendo “San Lorenzo papa o título argentino, com a benção de Francisco.”

Rolê pelo estádio Luis Franzini | Defensor Sporting Club | Montevidéu, Uruguai

Texto publicado durante a Libertadores 2012

http://www.defensorsporting.com.uy/
http://www.defensorsporting.com.uy/
  • Publicado em 7 de fevereiro de 2012

image
Imagine um jogo da Libertadores num estádio pouco maior que o da rua Javari.
O Defensor Sporting Club recebeu na sua “cancha” aqui em Montevideo o sempre perigoso Vélez Sarsfield. E não é que a torcida viola lotou as arquibancadas? Fila pra entrar, e lá dentro, torcedores se espremendo.
Com sua bonita camisa roxa, o Defensor tomou um gol após polêmica marcação do juiz.
No segundo tempo, só deu Vélez. 3 a 0. A torcida visitante cantou o tempo todo. A do Defensor batucou o jogo inteiro e cantou mais quando o jogo estava definido.
Ótima atmosfera.image

Fila pra entrar no estádio, que fica ao lado de um parque de diversões.

As arquibancadas do estádio do Defensor, pintadas de roxo.image

http://www.defensorsporting.com.uy/
http://www.defensorsporting.com.uy/

O perigo “hermano” na Libertadores

No ano passado, parte da torcida e mídia verde-amarela festejou quando 4 brasileiros ficaram entre os 8 da Libertadores 2009. “Ah, tá no papo, o Boca foi eliminado”. E o que se viu foi o Estudiantes faturando o tetra, dentro do Brasil. Em 2010, sem Boca nem River, corre-se o risco de repetir a mesma confiança exagerada. É bom reparar que o copeiro Estudiantes está de novo na área. Tem o Vélez Sarsfield, que já mostrou suas garras jogando no alçapão de José Amalfitani. Conta de novo com el tanque Santiago Silva, campeão do Apertura 2009 com o Banfield. E lidera o Clausura 2010 (campeonato argentino do primeiro semestre), como mostra o widget abaixo, que descobri no excelente site Futebol Portenho, e é atualizado jogo após jogo. [clearspring_widget title=”FIFA.com – Ligas Mundiais” wid=”4b0d3946b95a0845″ pid=”4b71e6ad88938744″ width=”300″ height=”400″ domain=”widgets.clearspring.com”] O torneio Clausura 2010 está só começando. Mas que ninguém se engane: de maneira geral, os clubes argentinos priorizam claramente as copas, como a Libertadores.

SITE RECOMENDADO: FutebolPortenho.com.br – sempre nos links favoritos, debaixo da retranquinha Futebol Internacional

Um alfajor

Racing banderínResultado surpreendente (pela elasticidade) no futebol argentino. No clássico da antepenúltima rodada do Clausura, que o Sportv2 passou ao vivo, o Racing sapecou 3 a 0 no Boca, em Avellaneda. O Racing tem se acostumado a lutar contra o rebaixamento nos últimos anos, enquanto o poderoso rival, campeão do Apertura no fim de 2008, já caiu fora da Libertadores e agora está na 15ª posição na Argentina. No seu blog, o jornalista Mauro Cezar Pereira destaca que “o Boca estava completinho, com Abbondanzieri, Ibarra, Cáceres, Battaglia, Riquelme, Palacio, Palermo e companhia limitada”. Na opinião do Mauro Cezar, a vitória do Racing sobre o Boca foi o fato mais relevante do futebol no fim de semana.  Lá em cima, a briga é entre Vélez (36 pontos), Huracán (35) e Lanús (34). Cada um tem mais 2 jogos. O Vélez faz 2 partidas de 6 pontos. No próximo fim de semana, visita o Lanús, enquanto o Huracán recebe o Arsenal. Na última rodada, Vélez x Huracán e San Martín x Lanús. A reta final do Clausura é tema de La Pelota, blog sobre futebol sul-americano dos amigos Cauê Dias e Bruno de Almeida.