51.108 espectadores. A impressionante média do Newcastle campeão da Championship.

9 de maio de 2017

Distintivo comemorativo dos 125 anos do Newcastle United. No ano em que completam um século e um quarto, os #toons garantiram a volta a Premier League, conseguiram o título da Championship, e uma espetacular média de público no colossal St. James Park, na segunda divisão inglesa. Continuar lendo “51.108 espectadores. A impressionante média do Newcastle campeão da Championship.”

País do futebol?

Não vou falar aqui sobre o estapafúrdio regulamento do Campeonato Paulista, que permite que um time precise de um arquirrival para se classificar. Ok, também pode acontecer com o Brasileirão. Mas nos pontos corridos, um time com pontuação menor que outro não pode se dar melhor.

Não vou me estender muito sobre os públicos ridículos dos estaduais, mas … o Flamengo voltou a jogar para menos de mil pessoas? Fala sério! A última pesquisa da Pluri Consultoria mostrou que o futebol brasileiro teve média de apenas 4.721 espectadores em 2013. Eis os números, em ordem crescente de importância.

  • Estaduais: 2.526 torcedores/jogo.
  • Nacionais (Brasileirão séries A, B, C e D, mais Copa do Brasil: 7.936 espectadores/jogo. Isoladamente, a Série A do Brasileirão teve média de 14.951.
  • Regional (Copa do Nordeste): 8.886 torcedores/jogo.
  • Internacionais: 25.315 “hinchas/partido”, considerando  apenas os jogos em casa dos brasileiros na Libertadores, Sul-americana e Recopa em 2013.

Clique aqui para ver o Balanço de Público e Renda do Futebol Brasileiro em 2013, relatório consolidado da Pluri.

País do futebol? Com médias assim, não dá para competir com grandes ligas, nem ligas em crescimento, como a chinesa. O futebol brasileiro não consegue segurar jogadores como o raçudo Aloísio, “boi bandido”.
E olha só que curioso. A Lusa Tour, agência de viagens da Portuguesa de Desportos, vende um pacote turístico para ver “O Clássico” português, Porto x Benfica, na última rodada do campeonato da terrinha. Deve ser em 11 de maio (data e horário a confirmar). no estádio do Dragão, com possível festa dos #encarnados de Lisboa. E olha, é tentador.

Difícil imaginar que uma agência de viagens ligada ao Futebol Clube do Porto ou ao seu rival Sport Lisboa e Benfica venda pacotes para o #adepto ver uma partida entre as #equipas do Vasco e da Portuguesa, ou mesmo um Fla-Flu, um Dérbi paulistano, um Majestoso, um Choque-Rei…

http://www.lusatour.com.br/
http://www.lusatour.com.br/

Continuar lendo “País do futebol?”

E aqui, jogo para 932 pagantes…

Estádios lotados, filas de sócios para comprar carnês que valem para temporada toda, todo tipo de quinquilharia com as cores e símbolos do time ao alance de qualquer torcedor ou turista… Enquanto clubes europeus faturam até 401 milhões de euros numa temporada (aqui, mais sobre o relatório Deloitte), os grandes clubes brasileiros gastam a maior parte do primeiro semestre nos estaduais, que fora clássicos e decisões de turno, são um enorme fracasso de público. Vasco jogou ontem no Engenhão para 932 pagantes… Seu arquirrival Flamengo – time de maior torcida do país,  jogou no Maraca para 2.190 pagantes (o número de não pagantes foi maior). Ok, semana fria e molhada no Sudeste… Mas olha só as médias de público dos estaduais, que o jornal Lance! publicou na edição impressa de quarta-feira (portanto antes desta rodada de meio de semana): Continuar lendo “E aqui, jogo para 932 pagantes…”

Maiores médias de público na Europa

O excelente sítio português Futebol Finance publicou hoje uma tabela com a média de espectadores e de ocupação dos estádios em 15 ligas europeias, temporada 2009/2010, até dezembro. E como alemães e ingleses gostam de futebol! A Bundesliga alemã lidera na média de público, assombrosa: 42.833 torcedores/jogo, contra 34.082 da Premier League inglesa. La Liga espanhola aparece em 3º: 28.568 espectadores. A Serie A italiana tem 23.877 tifosi/partite. Só que na média de ocupação das arenas, os ingleses são campeões: 92% contra 90% nas imensas e modernas arenas da Alemanha.

E se cabe aqui a comparação com o Brasileirão 2009, lá vai. Com média de 17.801 pagantes(a maior em 22 anos), o  Campeonato Brasileiro que terminou em dezembro ficaria em oitavo lugar na tabela apresentada pelo Futebol Finance. Atrás das médias de público nas primeiras divisões da Alemanha, Inglaterra, Espanha, Itália, França, Holanda e ainda da segunda divisão inglesa (a Championship, que leva em média 18.114 fãs/partida). Pouco acima da segunda divisão alemã (a 2.Bundesliga: 15.129). Um pouco mais de investimento em talentos, organização, conforto e marketing… e acho que o Brasileirão pode chegar perto da média italiana, em alguns anos.

Quanto aos patrícios, a liga portuguesa tem apenas a 12ª média: 10.141 adeptos por encontro. A taxa de ocupação daqueles maravilhosos estádios construídos para a Euro 2004 (apenas 45,3% por cento) é a lanterninha da tabela de 15 ligas nacionais europeias, apresentada por Futebol Finance(link para a tabela completa aqui).