Barça 2016-2017: os culés foram às compras!

Barça 2016-2017: os culés foram às compras!

Agora, ninguém pode dizer que o bicampeão espanhol não tem banco, não tem elenco. O Barça foi às compras, gastou mais de 120 milhões de euros e se reforçou em quase todos os setores. Fundamental ter banco para manter o nível alto na temporada toda, em tantas competições… La Liga, Champions e Copa do Rei. Paco Alcácer, delantero da seleção da Espanha que era titular do Valencia, sabe que é quarto atacante. Entrará quando um dos integrantes do trio Messi-Suárez-Neymar não tiver condições de entrar ou ficar em campo. Por outro lado, o Barça viu a partida de dois campeões natos: o goleiro Bravo e o lateral Dani Alves. O holandês Cillessen (certamente contratado pelo jogo com os pés) deve ser reserva de Ter Stegen, já um recordista de passes certos. Veja as caras novas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

IN>: Paco Alcácer (centroavante espanhol, ex-Valencia); Jasper Cillessen (goleiro holandês, ex-Ajax, herda a camisa 13 de Bravo); André Gomes (meio-campo campeão da Euro 2016 com Portugal, outro ex-Valencia); Samuel Umtiti (zagueiro da seleção da França, ex-Lyon); Lucas Digné (lateral, França, ex-PSG), Denis Suárez (meio-campo criado na base do Barça, esteva no  Sevilla e Villarreal).

OUT< : Claudio Bravo (Manchester City), Daniel Alves (Juve), Munir (emprestado ao Valencia), Adriano (Besiktas), Tello (emprestado à Fiorentina), Douglas (emprestado ao Sporting de Gijón), Bartra (Borussia Dortmund), Hallilovic (Hamburgo), Sergi Samper (emprestado ao Granada), Vermaelen (emprestado à Roma), Montoya (Valencia), Alex Song (Rubin Kazan), Sandro (Malaga).

*** Estrelas ***: o trio MSN, o maestro Iniesta, Piqué, Rakitic, Busquets, Mascherano… o turco Arda Turan começou bem a temporada.

Brasileiros: Neymar e Rafinha, já que Dani Alves e Adriano saíram e Douglas foi emprestado. O zagueiro Marlon, emprestado pelo Flu ao Barça B, foi inscrito na Champions e pode ter chances.

O elenco todo:

//platform.twitter.com/widgets.js
Continuar lendo “Barça 2016-2017: os culés foram às compras!”

Doze anos depois de perder a Euro em Lisboa, Portugal é campeão no Stade de France!

1468209991567-30651833Parecia que tudo ia ser decidido nas grandes penalidades, mas um golo do avançado Éder no prolongamento deu à selecção das quinas (sim, há quem grafe selecção, nem aí com o acordo ortográfico) o título histórico, heroico, já que perdeu o ídolo Cristiano Ronaldo com poucos minutos de decisão em Saint-Denis. Uma Eurocopa que os portugueses desejavam avidamente pelo menos desde 2004, quanto perderam a final, em casa, para a Grécia.

Parabéns aos onze milhões de moradores de Portugal – e os milhões fora de lá, espalhados pelo Brasil, Europa (França inclusive), África, enfim, pelo mundo todo!

Portugal (Nike)
A #camisola campeã da Euro 2016: (Nike)

A campanha

  • 1×1 Islândia
  • 0x0 Áustria
  • 3×3 Hungtia
  • 1×0 Croácia (golo de Quaresma no prolongamento)
  • 1×1 Polônia (5×3 nas grandes penalidades)
  • Meia-final: 2×0 País de Gales
  • Final: 1×0 França (no prolongamento)

E onde jogam os campeões: Continuar lendo “Doze anos depois de perder a Euro em Lisboa, Portugal é campeão no Stade de France!”