Top 10 do ranking das médias de público nas Américas, segundo a Pluri Consultoria.

http://proshop.soundersfc.com/
Flâmula do Seattle Sounders | http://proshop.soundersfc.com/

É a terra de Jimi Hendrix, do Soundgarden, do Pearl Jam, do Alice in Chains, do essencial Nirvana. Guitarras na mão, rock grunge na cabeça, café e tortas de chocolate para espantar o frio… e soccer! O Seattle Sounders FC, da Major League Soccer, tem a terceira melhor média de público (jogos em casa), segundo ranking divulgado pela Pluri Consultoria. Dezesseis times da MLS ficaram entre os 60 primeiros em questão de comparecimento ao estádio. A lista da Pluri leva em consideração a última temporada completa  de campeonatos nacionais – no caso dos times brasileiros, o Brasileirão 2013. E o campeão nacional, o Cruzeiro, tem a oitava melhor média. Confira o top 10 do ranking:

  1. River Plate: 49.368 torcedores/jogo, 73% de ocupação no Monumental de Nuñez. Décima-quarta posição no ranking mundial.
  2. América do México: 44.567. Ocupação: 42% do Azteca.
  3.  Os Sounders de Seattle mobilizam 43.124 por jogo ( e é uma torcida participativa, como as que gente conhece). Ocupação: 85% do  gigantesco Century Link Field.
  4. Tigres, do México: 41.050, o que representa 80% do estádio Universitário de Nuevo León.
  5. Boca Juniors: 36.389 xeneizes/partido, 74% da Bombonera.
  6. Rosario Central:  35.900 canallas/partida; 86% do Gigante de Arroyito.
  7. O rival do Rosario Central, o Newell´s Old Boys, está em 7º, com 35.235 leprosos/partida, que ocupam 84% do estádio Marcelo Bielsa.
  8. Cruzeiro:  28.900 por jogo; 50% do Mineirão.
  9. Monterrey: 28.634 rayados/partido; 74% da capacidade do estádio Tecnológico.
  10. Independiente: 27.556 diablos rojos por partida, 57% do estádio Libertadores de América.

No ranking da Pluri de médias de público, versão Américas, o Santa Cruz aparece em 12º (o  Santinha que disputou a Série C ), o Corinthians em 15º, o Flamengo em 19º, o São Paulo em 21º, o Grêmio em 33º, o Sampaio Correa (34º), o Bahia em 44º, o Fluminense em 51º, o Vasco em 52º e o Sport em 56º. Confira o relatório completo aqui.

américas
A Pluri já tinha divulgado novo ranking de médias de público por campeonatos nacionais. Continuar lendo “Top 10 do ranking das médias de público nas Américas, segundo a Pluri Consultoria.”

País do futebol?

Não vou falar aqui sobre o estapafúrdio regulamento do Campeonato Paulista, que permite que um time precise de um arquirrival para se classificar. Ok, também pode acontecer com o Brasileirão. Mas nos pontos corridos, um time com pontuação menor que outro não pode se dar melhor.

Não vou me estender muito sobre os públicos ridículos dos estaduais, mas … o Flamengo voltou a jogar para menos de mil pessoas? Fala sério! A última pesquisa da Pluri Consultoria mostrou que o futebol brasileiro teve média de apenas 4.721 espectadores em 2013. Eis os números, em ordem crescente de importância.

  • Estaduais: 2.526 torcedores/jogo.
  • Nacionais (Brasileirão séries A, B, C e D, mais Copa do Brasil: 7.936 espectadores/jogo. Isoladamente, a Série A do Brasileirão teve média de 14.951.
  • Regional (Copa do Nordeste): 8.886 torcedores/jogo.
  • Internacionais: 25.315 “hinchas/partido”, considerando  apenas os jogos em casa dos brasileiros na Libertadores, Sul-americana e Recopa em 2013.

Clique aqui para ver o Balanço de Público e Renda do Futebol Brasileiro em 2013, relatório consolidado da Pluri.

País do futebol? Com médias assim, não dá para competir com grandes ligas, nem ligas em crescimento, como a chinesa. O futebol brasileiro não consegue segurar jogadores como o raçudo Aloísio, “boi bandido”.
E olha só que curioso. A Lusa Tour, agência de viagens da Portuguesa de Desportos, vende um pacote turístico para ver “O Clássico” português, Porto x Benfica, na última rodada do campeonato da terrinha. Deve ser em 11 de maio (data e horário a confirmar). no estádio do Dragão, com possível festa dos #encarnados de Lisboa. E olha, é tentador.

Difícil imaginar que uma agência de viagens ligada ao Futebol Clube do Porto ou ao seu rival Sport Lisboa e Benfica venda pacotes para o #adepto ver uma partida entre as #equipas do Vasco e da Portuguesa, ou mesmo um Fla-Flu, um Dérbi paulistano, um Majestoso, um Choque-Rei…

http://www.lusatour.com.br/
http://www.lusatour.com.br/

Continuar lendo “País do futebol?”

Índice de Preços do Futebol: os ingressos subiram 31,5% no Brasil em 2013 .

DSC02747
O Índice de Preços do Futebol calculado pela Pluri Consultoria (o IPF-Pluri) mostra que o ingresso subiu quase 5 por cento em dezembro – para 45 reais e um centavo – e fechou 2013 com alta de 31,5%.A pesquisa leva em conta o preço médio do ingresso inteiro mais barato nos jogos dos 20 times da série A do Brasileirão.

DSC03350
A Pluri também mede o gasto do torcedor para ir ao estádio: ingresso, mais transporte / estacionamento e alimentação. É o IPFa-Pluri. Esse custo subiu 1,7% em dezembro. Em 2013, o  IPFa-Pluri aumentou 24,4%. Em média, um torcedor gastou R$ 86,14 por rodada em dezembro. E se ele costuma levar um filho pro estádio? O pacote match day para um adulto e uma criança custou a bagatela de R$ 121,17 no finzinho do campeonato. Sem considerar camiseta e bandeira que o mini torcedor eventualmente pedir.

DSC02714
É bom repetir que os índices consideram preço cheio – e não meia-entrada ou esquema do sócio-torcedor, soluções recomendadas pela Pluri Consultoria para enfrentar a inflação do futebol. Veja o relatório completo aqui. Continuar lendo “Índice de Preços do Futebol: os ingressos subiram 31,5% no Brasil em 2013 .”

O ingresso tá caro!

Cadeiras próximas do gramado do Maracanã, vazias na rodada de domingo à tarde FOTO: João Ricardo Lima @FutPopClube
Cadeiras próximas ao gramado do Maracanã, vazias na rodada de domingo à tarde FOTOS: João Ricardo Lima @FutPopClube

Os preços dos ingressos subiram 7,1% em agosto de 2013, segundo o primeiro IPF-Pluri, o Índice de Preços do Futebol criado pela Pluri Consultoria e que será divulgado todo mês. No acumulado do ano, a alta é de 71,3%. E de agosto 2012 a agosto 2013, 78,7%. Todos números bem acima da inflação oficial. O IPF-Pluri mede a variação dos preços médios dos ingressos para as partidas dos 20 times da Série A do Brasileirão, levando em conta os bilhetes inteiros avulsos para a categoria mais barata de cada estádio, Esse valor médio foi de R$ 58,62 em agosto. Confira mais sobre a pesquisa da Pluri neste link aqui.

Pra quem não tem benefício de meia-entrada ou de programas tipo sócio-torcedor, tá complicado ir a jogo rodada sim, rodada também, com Brasileirão e Copa do Brasil ao mesmo tempo.

O resultado é que nem os estádios da Copa recém inaugurados estão atraindo um público novo (ainda por cima, eles são os mais caros pro torcedor).

E você vê setores inteiros, perto do gramado e/ou no meio do campo vazios, vazios, como mostram as minhas fotos.

É muito mais legal estádio lotado. Se para isso for necessário baixar o preço, fazer promoção etc, que se faça. Tá caro demais! Não pode jogo ter preço de show internacional. O fã vai ver a banda que vem uma vez por ano (ou na vida) ao Brasil. Jogo é quarta sim, domingo também. Diminuí aí, pessoal!

DSC02710

Continuar lendo “O ingresso tá caro!”

O Brasileirão fica apenas em 18º no ranking dos campeonatos nacionais de maior público!

Este slideshow necessita de JavaScript.

San-São fraco de público: nem 12 mil pessoas foram ao Morumbi ver o clássico São Paulo x Santos, num belo  domingo de sol. @futpopclube
San-São fraco de público: nem 12 mil pessoas foram ao Morumbi ver o clássico São Paulo x Santos, num belo domingo de sol. @futpopclube

A Pluri Consultoria divulgou a edição 2013 do seu ranking mundial de público nos estádios. A péssima notícia para quem gosta do Brasileirão é que nosso campeonato nacional conseguiu cair ainda mais, nas médias de torcedores por jogo. Na pesquisa anterior, com dados do Brasileirão 2011, nosso futebol ficou em 13º lugar, com média de 14.897 espectadores. No levantamento revelado hoje (10/07/2013), a média de público do BR-12 caiu 13%, para 12.971 pessoas – com 38 % de ocupação dos estádios, que não param de ser construídos no Brasil. A liga alemã, a cinquentona Bundesliga, continua a ser a dona da bola – e dos estádios mais cheios. Confira o top 10 dos campeonatos com maiores médias de público:

  1. Bundesliga: 42.646 torcedores. Taxa de ocupação dos estádios: 95%.
  2. Premier League inglesa: 35.921. Ocupação: 95%.
  3. La Liga espanhola:  28.616. Ocupação: 83%.
  4. Liga MX Apertura mexicana: 24.245. Ocupação: já cai para 53%.
  5. Série A italiana: 23.053. Ocupação: 62% – e a atual campeã do calcio, a Juve, já vendeu todos os bilhetes para a temporada 2013-14. Sold out!
  6. Eeredivisie holandesa: 19.737. Alta ocupação: 90%.
  7. Ligue 1 francesa: 19.191.; Ocupação: 68%.
  8. Major League Soccer americana: 18.845. Ocupação bem alta: 91%.
  9. Chinese Super League: 18.740. Ocupação baixa: 44%.
  10. Championship (segundona inglesa): 17.660. Isso mesmo, média de 17.660 nos tradicionais estádios da 2º divisão inglesa. Ocupação: 67% (muito acima da taxa brasileira).
Arte LAIS SOBRAL especial para o @Futpopclube | http://www.flickr.com/photos/lais-sobral/
Arte: LAIS SOBRAL para o @Futpopclube | http://www.flickr.com/photos/lais-sobral/

O Brasileirão (2012) despencou para o 18º lugar do ranking, atrás ainda da segundona alemã e dos principais campeonatos da Argentina, do Japão, da Turquia, da Rússia, da Ucrânia e… da Austrália, que subiu 35%! O estudo da Pluri leva em conta as últimas temporadas cheias dos campeonatos nacionais (aqueles que geralmente são em pontos corridos; com exceções).

Confira o ranking completo e mais detalhes da pesquisa neste link da Pluri Consultoria.

Você pode ajudar o seu clube a aumentar a média de torcedores. Saiba como neste post.

Veja aqui os detalhes sobre o ranking do ano passado.

Fonte da pesquisa:

http://pluriconsultoria.com.br/

http://pluriconsultoria.com.br/uploads/relatorios/pluri%20especial%20-%20Ranking%20Mundo%20publico%20campeonatos%202013.pdf

Vai começar o Brasileirão 2013, o oitavo campeonato nacional mais valioso do mundo.

Vai começar o Brasileirão 2013, o oitavo campeonato nacional mais valioso do mundo.

Publicado em 23 de maio de 2013

Arte  LAIS SOBRAL especial para @FutPopClube http://www.flickr.com/photos/lais-sobral/
Arte LAIS SOBRAL especial para @FutPopClube : http://www.flickr.com/photos/lais-sobral/

935 milhões de euiros. A soma do valor de mercado dos jogadores dos 20 clubes da Série A deixa o Brasileirão 2013 atrás das ligas da Rússia e da Turquia, além das badaladas Premier League inglesa (a mais valiosa: 2 bilhões e 944 milhões de euros), da liga espanhola, da série A italiana, da Bundesliga e da Ligue 1 francesa, segundo relatório divulgado esta semana pela Pluri Consultoria. E esse valor de mercado pode diminuir ainda mais com possível venda de jogadores como Neymar, Leandro Damião, Paulinho, talvez Bernard, Ralf ou mesmo Oswaldo, que (por enquanto) aparecem no ranking dos 25 jogadores mais valiosos do Brasileirão 2013, também divulgado pela Pluri Consultoria. Confira dentro do post um Top 10 dos craques do Brasileirão, segundo essa pesquisa, que considera 77 critérios em 18 itens, como idade, qualidade técnica e encantamento, capacidade de definir partidas, experiência, conquistas, convocações, capacidade de retorno de marketing e potencial de valorização.
Continuar lendo “Vai começar o Brasileirão 2013, o oitavo campeonato nacional mais valioso do mundo.”

O Brasileirão fica fora do Top 10 dos campeonatos de maior público no mundo.


O campeonato é bom. Nas rodadas sem clássicos de tradicional rivalidade estadual, o telespectador com acesso ao pay per view tem até dificuldade para escolher que confronto interestadual vai ver. Hoje por exemplo: Flu 2×2 Grêmio, Bahia 0x1 Palmeiras, Inter 2×3 Figueira ou Coritiba 2×1 Náutico? Santos 2×2 Atlético ou Cruzeiro 2×0 Corinthians ou ainda Portuguesa 0x0 Flamengo? Quando a briga não é pelo título ou por vaga na “Liberta”, é para fugir do rebaixamento.

No entanto, o Brasileirão não passa do 13º lugar no ranking dos 20 campeonatos nacionais com maior média de público do mundo, divulgado esta semana pela Pluri Consultoria. Segundo o relatório, que levou em conta a última temporada completa das principais ligas nacionais do planeta bola, a Bundesliga lidera o ranking, com um público total de 13.795.286 torcedores. Média de público por jogo estrondosa: 45.083. Taxa de ocupação dos estádios na primeira divisão alemã alcança acachapantes 93%, superados apenas pela Premier League inglesa (97%).

A Allianz Arena está sempre toda lotada nos jogos do Bayern de Munique
A Allianz Arena está sempre toda lotada nos jogos do Bayern de Munique…
Mas os ingressos que não vão ser usados são recolocados à venda…
… é a chance de ver um jogo do Bayern em casa, na Bundesliga

Segundo o ranking da Pluri Consultoria, os cinco campeonatos com maior público são:

  1. Campeonato Alemão
  2. Campeonato Inglês
  3. Campeonato Espanhol
  4. Campeonato Mexicano
  5. Campeonato Italiano, que caiu bem nas últimas décadas (apenas 51% de ocupação dos estádios)

A Major League Soccer americana, o futebol holandês, o campeonato francês e até as segundonas inglesa e alemã (ambas muito bem organizadas), o campeonato chinês (país mais populoso do planeta, é bom lembrar) e a liga japonesa levam mais gente aos estádios do que o Brasileirão, que em 2011 teve média de 14.897 torcedores por jogo (44% dos lugares nos estádios foram ocupados).

O excelente blog Futebol de Campo citou um dado da mesma Pluri: 7 milhões de ingressos encalharam no Brasileirão 2011 (menos 200 milhões de reais nos cofres dos clubes).

A saída não é mudar a fórmula, claro que não. Deixo claro que sou “pontoscorridos.com.br”, no caso do campeonato mais longo. Mata-mata? Já temos: a Copa do Brasil. A saída é oferecer mais conforto ao torcedor, promover muito mais o espetáculo (que é bom), como os programas tipo sócio-torcedor e acima de tudo, ter um calendário mais racional.

Acredito que a partir da (re)inauguração de estádios populares como Maracanã e Mineirão, que ficarão muito mais modernos, e a entrega das novas arenas do Grêmio e do Corinthians, essa média do Brasileirão vai subir e muito. Mas é preciso se preparar para fazer com que o torcedor vá e volte, sempre. Que os estádios continuem a receber grandes públicos depois que passar o cheiro de novo das cadeiras.

Mas será que o Brasil é mesmo o país do futebol?

Continuar lendo “O Brasileirão fica fora do Top 10 dos campeonatos de maior público no mundo.”