Cinco Graças

12191165_1651423431771884_1377116185820543650_oForçando um pouco a barra, dá pra dizer que teve futebol no Oscar. Num dos filmes que concorreram ao Oscar de melhor filme estrangeiro, uma personagem é apaixonada por futebol. Estou falando do filme “Cinco Graças” (Mustang), produção francesa falada em turco, comandada por uma diretora turca. Deniz Gamze Ergüven e a roteirista francesa Alice Winocour contam a história de cinco irmãs de uma vila turca, criadas pela avó e pelo tio. E criação rigorosa é apelido para o tratamento dado às meninas. A certa altura do filme, descobrimos que a mais nova, Lale, se amarra em futebol. Quer ir a um estádio ver um jogo importante da Copa da Turquia. A chance é quando Lale fica sabendo de uma daquelas punições dadas aos clubes por causa da violência das torcidas. Em vez de jogo com portões fechados, uma plateia só de crianças e mulheres. Isso aconteceu na vida real, pelo menos uma vez, num Fenerbahçe x Manisaspor – aqui, é um fictício Trabzonspor x Galatasaray. Lale e as irmãs bolam um jeito de fugir da marcação cerrada do tio e da avó para ir ao estádio, numa das cenas mais engraçadas deste belo filme sobre opressão – em cartaz nos cinemas nestes tempos de Oscar 2016.
Veja a cena da fuga.


Dentro do post, o trailer.

2 comentários sobre “Cinco Graças

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s