Samba: “Exaltação ao Flamengo”

  • O samba “Exaltação ao Flamengo” venceu o 1º festival de música Mengo Popular Brasileiro, o MPB, projeto do Museu Flamengo, no fim de 2012.
  • A música é de Leley do Cavaco, Ronilson Rodrigues e Leco do Cavaco – do Espírito Santo. Saca só.

Os vencedores receberam o Troféu Wilson Batista – em homenagem ao compositor que escreveu várias canções sobre futebol e sobre seu time de coração, o Flamengo, claro. Wilson Batista foi o coautor com Jorge de Castro do “Samba Rubro Negro” (regravado por João Nogueira e depois, por seu filho Diogo), “Memórias de um Torcedor” (parceria com Geraldo Gomes, cantada por Cristina Buarque e seu irmão, Chico, que é tricolor), “E o Juiz Apitou” (parceria com Antônio Almeida, gravada por Marcos Sacramento, entre outros). Continuar lendo “Samba: “Exaltação ao Flamengo””

Som na Tela: Chico Buarque, Politheama e O Futebol.

Reproduzo post publicado em agosto de 2010

Capa do DVD Chico Buarque: O Futebol

No oitavo DVD da série retrospectiva dirigida por Roberto de Oliveira, o cantor, compositor (e peladeiro nas horas vagas) Chico Buarque mostra sua paixão não só pelo tricolor, mas pelo futebol de modo geral. O nome do DVD é uma referência ao sambadedicado a Mané, Didi, Pagão, Pelé e Canhoteiro: O Futebol, de Chico Buarque, um dos camisas 10 da paquera futebol e música no Brasil. Ou melhor, camisa 9, de Pagão, ex-jogador do Santos, ídolo de Chico – que o encontra num dos capítulos do DVD (ele também vê Pelé, Ronaldinho Gaúcho e os veteranos do Santos – que ganham do Politheama em amistoso na Vila Belmiro. Politheama é o time de pelada de Chico, que herdou o nome de seu jogo de botão. Manda seus jogos no campo Vinicius de Moraes. E como diz o hino, o Politheama cultiva a fama de não perder – fora amistosos. “Alguns empates”. Fala sério, Chico!
E ele fala de uma maneira bem divertida de futebol, ao lembrar do Maracanazo de 1950 (tem áudio de gol narrado por Edson Leite), das idas ao Pacaembu… E ainda tem uma pá de músicas que de alguma maneira citam futebol, como Conversa de Botequim (Noel Rosa/Vadico), E o Juiz Apitou (Antonio Almeida/Wilson Batista) Doze Anos (com Moreira da Silva), Pelas Tabelas, Bom Tempo (com Toquinho) etc. Para estufar o filó, mesmo. Continuar lendo “Som na Tela: Chico Buarque, Politheama e O Futebol.”