Um livro sobre o Come-Fogo, o clássico de Ribeirão Preto.

Come Fogo
O jornalista Igor Ramos lançou ontem, em Ribeirão Preto, um livro sobre um dos clássicos mais tradicionais do interior paulista: “Come-Fogo – Tradição e Rivalidade no Interior do Brasil”.
Quem teve acesso aos livros anteriores de Igor Ramos, sobre o Botafogo e sobre o Comercial, já pode imaginar a qualidade do material.
Parabéns ao autor e aos torcedores da Pantera e do Leão. Viva o Come-Fogo! Continuar lendo “Um livro sobre o Come-Fogo, o clássico de Ribeirão Preto.”

Málaga: “Estamos preparados”.

Anúncio do Málaga, que nesta quarta-feira tenta dobrar o Futebol Clube do Porto numa das oitavas da Liga dos Campeões e se tornar o primeiro clube andaluz a passar para as quartas, na história da competição. No primeiro jogo, o Porto venceu por 1×0. Ou seja, está bem aberta este-mata. Olha o Júlio Batista aí, de ferreiro.


Já estão classificados Borussia Dortmund, Juventus, Real Madrid e PSG.
Hoje tem um jogo que promete: o Barcelona encara uma retranca danada que o Milan pode montar, já que os rossoneri tem um 2×0 de vantagem. Mas… cuidado com o contra-ataque!

Comercial Futebol Clube

image

Flâmula com o escudo tradicional do Comercial de Ribeirão Preto, que fez 100 anos em 10 de outubro de 2011! Em setembro, o jornalista ribeirão-pretano Igor Ramos (que já havia escrito um livro sobre o Botafogo de Ribeirão) lançou  “Comercial – Uma Paixão Centenária“. 420 páginas de pesquisa. Acabamento tão caprichado como o livro sobre o arquirrival no clássico Come-Fogo. Continuar lendo “Comercial Futebol Clube”

Bugre, Leão e Nhô Quim de volta à elite do futebol paulista!

Escudinho do Comercial no site Distintivos

Escudinho do XV de "Pira", no site Distintivos.com.br

Dois centenários clubes do interior de São Paulo, o Guarani (de Campinas) e o Comercial (Ribeirão Preto), mais o quase centenário XV de Piracicaba garantiram a volta à primeira divisão do Campeonato Paulista (série A1).

O xv de Novembro (Nhô Quim) volta à primeirona depois de 16 anos! Já o arquirrival do Botafogo de Ribeirão, o Comercial (o Leão) passou 25 anos fora da elite do futebol paulista. Como o Guarani, o Comercial comemora seu centenário em 2011. Continuar lendo “Bugre, Leão e Nhô Quim de volta à elite do futebol paulista!”