Alemanha versus Alemanha

logo_3935 anos de um dos jogos mais estranhos da história das Copas. Em 22 de junho de 1974, no Volksparkstadion de Hamburgo, jogaram Alemanha contra Alemanha, digo a Ocidental, dona da casa (e da Copa) e a Oriental. Na Alemanha Ocidental, Maier, Vogts, Beckenbauer, Breitner, Overath, Gerd Muller e outros jogadores que seriam campeões do mundo em 7 de julho. E não é que a irmã do lado de lá do muro, a Alemanha Oriental, com aquela linda camisa azul escura da DDR, venceu a partida? E com um golaço! Sparwasser, o nome da fera. A partida, da última rodada do grupo 1 da primeira fase do Mundial disputado na Alemanha, aparece em 39º lugar na lista de Os 50 Maiores Jogos das Copas do Mundo, livro do jornalista Paulo Vinicius Coelho, o PVC. Que lembra: “Se vencesse, a Alemanha Ocidental terminaria em primeiro lugar e cairia no grupo de Brasil, Holanda e Argentina”. Tudo que eles queriam evitar, escreve PVC no livro da Panda Books. O time de Helmut Schöen perdeu e ficou num grupo com a Iugoslávia, a Polônia do artilheiro Lato e a Suécia. A estranha partida e o uso do futebol pelas mãos de ferro do governo da DDR é um dos temas abordados no documentário Comunismo e Futebol, da BBC, que o Sportv passou no final de 2008.

Para saber mais sobre a queda do muro de Berlim (1989) e a vida dos alemães orientais no fim do comunismo, indico um excelente livro: Stasilândia-Como Funcionava a Polícia Secreta Alemã, da australiana Anna Funder.